Antigos primeiros-ministros arriscam crime de desobediência

Pedro Nunes, José Sena Goulão / Lusa

Passos Coelho, José Sócrates

Durão Barroso, Santana Lopes, José Sócrates e Passos Coelho estão em risco de responder por um eventual crime de desobediência qualificada por não terem respondido à comissão parlamentar de inquérito ao pagamento de rendas excessivas aos produtores de eletricidade.

De acordo com o Diário de Notícias, que avançou a notícia neste sábado, os trabalhos da estão já a ser terminados, mas não há ainda respostas por parte destes ex-ministros. Santana Lopes e Durão Barroso dizem que esperam responder até este fim de semana.

Em causa, explica o matutino, está o artigo 19.º da Lei n.º5/93 que estabelece que “a falta de comparência, a recusa de depoimento ou o não cumprimento de ordens legítimas de uma comissão parlamentar de inquérito no exercício das suas funções constituem crime de desobediência qualificada, para os efeitos previstos no Código Penal”.

O regulamento da comissão define que esta “pode convocar qualquer cidadão para depor sobre factos relativos ao inquérito”. No caso de ex-primeiros-ministros, estes têm direito a “depor por escrito”, remetendo “à comissão, no prazo de dez dias a contar da data da notificação dos factos sobre que deve recair o depoimento, declaração, sob compromisso de honra, relatando o que sabem sobre os factos indicados”.

Contudo, e segundo apurou o DN, este prazo não terá sido cumprido. Os antigos primeiros-ministros acima mencionados receberam as perguntas do Parlamento a 28 de março, à exceção de José Sócrates – os serviços da Assembleia da República não conseguiram obter um contacto atualizado. Questionado pelo DN, o ex-militante do PS não quis falar sobre o assunto.

Por sua vez, Pedro Santana Lopes diz ter recebido as perguntas “há uma semana” e uma “carta de Emídio Guerreiro [presidente da comissão parlamentar]” a pedir uma resposta “tão breve quanto possível”. “Pensei em responder neste fim de semana”, disse.

Durão Barroso adiantou, pela voz de uma assessora, que “vai responder” às perguntas “que recebeu há uns dias”, “no limite dos limites até hoje [sexta-feira]” ou neste fim de semana. Entretanto, avançou a agência Lusa, Durão Barroso já respondeu às 23 respostas em causa, assegurando que nunca foi pressionado por parte da EDP.

“Nunca recebi qualquer ‘pressão’ da EDP durante esse ou outro período”, assegurou o antigo governante na pergunta 14, que indaga se “alguma vez foi pressionado pela EDP durante o período de construção da legislação dos CMEC”.

O Diário de Notícias tentou também contactar Pedro Passos Coelho que não está disponível “neste momento” para falar com a comunicação social.

De acordo com a Lusa, e até ao momento, só Durão Barroso respondeu às questões.

ZAP //

PARTILHAR

14 COMENTÁRIOS

  1. eu ia rir-me ate me doer a barriga ver estas pessoas atras das grades
    se nao sao condenados por outros crimes e iam ser por este
    vai ser so um gastar de dinheiro dos contribuintes para dar “em aguas de bacalhau”

  2. Se formos à comentar o que Vai de mal à pior em Portugal, nao tinhamos papel nem tinta que chega-se.
    Porque os corruptos sao tantos acho que nao tinhamos cadeia para todos esses tipos que se dissem de politicos, mesmo eles fazem as leis para se protegerem.
    Eu fico aguardar a lista dos corruptos em Portugal que foram condenados.

  3. Nunca recebi qualquer ‘pressão’ da EDP durante esse ou outro período”
    PRESSÃO !!!??? Diz o cherne. Se fosse um pobre sem influência, chamavam a isto CORRUPÇÃO !!! e por muito menos já estava preso.

  4. Sr. Alcino Mota, o senhor dá muitos erros na escrita que promove, para além de estruturar deficientemente as frases que pretende, não seria de ter um pouquinho mais de cuidado ao comentar por escrito qualquer notícia?
    E o Sr. Burro Velho, não imagina sequer que as comissões de inquérito “servem” para inquirir?
    Quanto aos primeiros em causa, certamente que fizeram o melhor que sabiam, é pena é saberem muito pouco.

  5. Ha Ha Ha … deixem-me rir!…
    Se fosse uma velhinha que roubasse um pacote de bolachas num hipermercado, ja estava lá dentro.

  6. Comentar para quê? Todos sofrem de amnésia aguda! Aliás os “políticos” estão sempre “certos”, nunca “falham”!

RESPONDER

"Não há plano B". Costa deixa avisos e recados a Hungria e Polónia

O primeiro-ministro português, António Costa, alertou, em Bruxelas, que não há um plano B ao bloqueio na aprovação do orçamento da União Europeia (UE) e do novo Fundo de Recuperação criado para responder à pandemia, …

Santos deu "nega" ao Benfica e Lucas Veríssimo ameaçou não jogar

O Conselho Fiscal do Santos "negou" a transferência de Lucas Veríssimo para o SL Benfica. O jogador ameaçou mesmo não entrar em campo contra o LDU Quito, na noite passada. O Conselho Fiscal do Santos emitiu …

Governo britânico substitui confinamento por restrições (com oposição interna no Partido Conservador)

Boris Johnson conseguiu ver aprovado o novo plano de restrições. Dos votos contra, 56 foram de deputados conservadores e 16 de deputados do Partido Trabalhista. O Governo britânico conseguiu ver aprovado o novo plano de restrições …

Sporting tem sete jogadores na porta de saída e outro para trazer Matheus Reis

O Sporting CP quer livrar-se de sete jogadores excedentários que estão a treinar com a equipa B. O clube quer também trazer Matheus Reis já neste mercado de inverno. Aproxima-se o mercado de inverno e o …

Sindicato acusa TAP de manipulação e diz que não há "trabalhadores a mais"

O Sindicato dos Trabalhadores da Aviação e Aeroportos (Sitava) acusou a TAP de “manipulação, falta de ética e desonestidade” e defendeu que a empresa não tem “trabalhadores a mais” e deve procurar os “sorvedouros de …

Menos de 1% dos infetados estavam registados na app StayAway Covid

Menos de 1% das pessoas infetadas com covid-19 desde a disponibilização da app StayAway Covid notificaram a sua infeção. Já mais de 2,6 milhões de pessoas têm a aplicação. Desde o lançamento da aplicação de rastreio …

Guardiola lança farpas ao FC Porto, mas até isso Marchesín defendeu

Pep Guardiola mostrou-se frustrado com a forma como o FC Porto disputou o jogo. Entre os postes, Marchesín foi defendendo (praticamente) tudo o que havia para defender. O FC Porto está nos oitavos de final da …

Eurodeputado húngaro opositor do casamento gay é apanhado em "orgia" homossexual

József Szájer foi autor da revisão constitucional que proíbe o casamento gay na Hungria. Este domingo, foi apanhado a quebrar o confinamento ao participar numa "orgia" num bar gay. O eurodeputado húngaro József Szájer foi autor …

Englobamento do IRS chumbou, mas Governo não desiste. "É para cumprir"

O englobamento do IRS foi, ao segundo Orçamento da legislatura, deixado novamente de fora. Ainda assim, o Ministério das Finanças garante que a ideia é para avançar até ao fim da legislatura. O englobamento do IRS …

Estranho artefacto encontrado no interior de uma múmia egípcia infantil

Uma equipa de cientistas norte-americanos encontrou uma misterioso artefacto no interior de uma múmia egípcia com 2.000 anos, revela uma nova investigação. Recorrendo a tecnologias avançadas de tomografia computorizada, combinadas com difração de raios X …