/

Portugal já passou a barreira dos 10 mil mortos por covid. 96% das vítimas tem mais de 60 anos

Christophe Petit Tesson / EPA

No dia em que se registou um novo recorde de mortes (274) e de novos casos de covid-19 (15333), Portugal passou a barreira dos dez mil óbitos, estando agora nos 10 194 desde o início da pandemia.

Cerca de 96% das vítimas mortais tem mais de 60 anos de idade. Em termos de internamentos foram igualmente atingidos máximos, com 5922 hospitalizados (mais 143 em 24 horas), estando 720 em Unidades de Cuidados Intensivos, mais cinco do que no dia anterior, avança o CM.

É entre as pessoas de idade mais avançada que se verifica a esmagadora maioria dos óbitos, uma vez que 67,3% das vítimas tem mais de 80 anos, e neste grupo etário há o registo de 3746 mulheres e 3117 homens vítimas de Covid-19.

Há também a registar 2089 vítimas (20,4%) com idades entre os 70 e os 79 anos de idade – sendo 771 mulheres e 1318 homens. Nas pessoas com mais de 60 anos e menos de 70, há 854 mortos (8,3%), sendo estas 244 mulheres e 610 homens.

Estes três grupos etários somam 96% das vítimas mortais por covid-19, num total de 9806 pessoas. As restantes 388 vítimas são das faixas etárias mais jovens. Embora a morte atinja sobretudo os mais velhos, a maioria dos infetados são crianças e adultos com menos de 50 anos. Os menores de 20 anos totalizam 91 809 casos (14,7%); dos 20 aos 49 anos são 288 010 (46,2%) e os maiores de 50 anos 244 650 (39,1%).

A zona de Lisboa e Vale do Tejo é a que tem mais novos casos: 6135 em 24 horas. Segue-se o Norte (com mais 4992 infeções), o Centro (mais 2933), o Alentejo com 651, o Algarve com 471, a Madeira com 117 e os Açores com mais 34.

O Plano de vacinação de estima que até ao fim do mês sejam entregues em Portugal cerca de 300 mil doses de vacinas. No fim de março a estimativa aponta para três milhões de doses.

A três dias de ficar concluído um mês da vacinação contra a Covid-19 em Portugal, 232 725 pessoas receberam a vacina. Destas, tomaram as duas doses 24 657 pessoas.

Portugal é o país com maior número de mortos por semana em cada milhão de habitantes. Os dados facultados pela Universidade de Oxford indicam uma média diária nos últimos sete dias de 22,9 mortes por um milhão de habitantes em Portugal.

  Ana Moura, ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.