1,5 milhões viram primeiro debate entre Seguro e Costa

DR PSocialista / Flickr

António José Seguro com António Costa em Lisboa, Setembro de 2013

António José Seguro com António Costa em Lisboa, Setembro de 2013

O debate transmitido na terça-feira pela TVI que colocou frente a frente os candidatos do PS a primeiro-ministro, António Costa e António José Seguro, foi seguido por 1,5 milhões de pessoas, anunciou a estação televisiva.

O secretário-geral do PS atacou esta terça-feira a legitimidade moral da candidatura de António Costa à liderança partidária, enquanto o presidente da Câmara de Lisboa lamentou a insuficiência do resultado obtido pelos socialistas nas últimas eleições europeias.

Estas foram duas das ideias essenciais que estiveram presentes no primeiro debate televisivo entre os dois concorrentes às eleições primárias do PS de 28 de setembro, das quais sairá o candidato socialista a primeiro-ministro nas próximas eleições legislativas.

António José Seguro abriu ao ataque o debate na TVI, que foi moderado pela jornalista Judite de Sousa e que durou cerca de 35 minutos, acusando o presidente da Câmara de Lisboa de “deslealdade” e de “traição”.

“Considero que António Costa foi desleal e traiu uma cultura que existe há 40 anos no PS. Foi desleal com o líder do PS, porque assinou um acordo comigo o ano passado, teve duas oportunidades para se candidatar à liderança e, na sequência de uma vitória do PS nas europeias, rasgou esse acordo”, declarou Seguro, antes ainda de acusar Costa de “ter violado uma regra e uma cultura do PS”.

“Em 40 anos, todos os líderes do PS tiveram a oportunidade de disputar as eleições legislativas, mas, desta vez, essa cultura é interrompida depois de o PS ter obtido duas vitórias, nas autárquicas e nas europeias. A crise que o António Costa provocou ao PS é uma enorme irresponsabilidade. Isto não se faz, é um sinal negativo que se dá aos portugueses, em particular aos portugueses que esperam da política não um jogo das cadeiras e das ambições”, disse.

Na resposta, o presidente da Câmara de Lisboa António Costa justificou a sua candidatura às eleições primárias do PS como “um imperativo de consciência“, num momento em que Portugal se encontra “num impasse”.

“É manifesto que esta política de austeridade do Governo fracassou, até na própria consolidação das contas públicas. O PS precisa de responder àquilo que os portugueses sentem ser o dever do PS, afirmando uma alternativa a esta política”, começou por apontar o autarca da capital.

A verdade, no entanto, de acordo com António Costa, “é que nas eleições europeias verificou-se um resultado insuficiente para o PS e negativo para o país”. De acordo com Costa, o resultado obtido pelo PS “não lhe permite sequer ter uma posição forte” num cenário de coligação política.

“Trairia a minha consciência se, perante esta situação, e verificando que havia uma expetativa de muitos socialistas e muitas pessoas na sociedade portuguesa de que poderia dar o meu contributo para a construção da alternativa, eu me mantivesse numa situação cómoda”, alegou António Costa.

Rescaldo do debate

António Costa foi o primeiro a sair dos estúdios da TVI, tendo a acompanhá-lo, entre outros, o ex-presidente do Governo Regional dos Açores Carlos César.

“Sinto-me satisfeito, acho que o debate correu com a elevação possível. Nem sempre é fácil ouvir sem responder à letra a algum estilo de campanha que o secretário-geral entendeu fazer. Mas enfim, alguém tem fazer o esforço de estar a altura da dignidade que o PS exige e não responder à letra”, afirmou Costa aos jornalistas.

O autarca de Lisboa considerou que “a primeira parte do debate foi muito poluída por ataques pessoais“.

“Espero que o próximo, depois de o secretário-geral do PS ter aliviado a sua tensão, já tenha outro conteúdo”, declarou.

António José Seguro saiu minutos depois, acompanhado, entre outros, pelo secretário nacional socialista João Proença e o presidente da Associação Nacional de Municípios, Manuel Machado.

“Espero que tenha sido esclarecedor e que os portugueses tenham tido oportunidade de verificar quais são as diferenças dos dois projetos e dos dois políticos que estiveram aqui em confronto”, afirmou aos jornalistas.

Questionado acerca de ataques pessoais desferidos no debate, o secretário-geral socialista respondeu que “como é óbvio, a personalidade política dos candidatos é muito importante”.

“Nós estamos a escolher o candidato e, potencialmente, o futuro primeiro-ministro. Por isso, a confiança é indispensável, e é natural que esta crise que foi provocada por uma atitude individual, por uma ambição individual, tivesse que ser esclarecida neste debate”, disse.

As frases chave

António Costa foi desleal e traiu uma cultura que existe há 40 anos“,
António José Seguro.

Devias ter percebido que aquele Orçamento do Estado não reflectia o memorando”,
António Costa

Pela primeira vez o líder que ganha é contestado. Isto não se faz“,
António José Seguro.

A derrota histórica da direita PSD/CDS não correspondeu uma vitória histórica do PS“,
António Costa.

Já viste o que tu fizeste ao PS?“,
António José Seguro.

As primárias do PS decorrem no dia 28 de setembro.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Tem dores nas articulações quando está de chuva? É mito

A relação entre o tempo de frio e chuva e as dores nas articulações é um mito que persiste desde a antiguidade, mas não há qualquer relação, garante um estudo feito nos Estados Unidos e …

Vieira da Silva "absolutamente tranquilo"

O ministro do Trabalho, da Solidariedade e da Segurança Social reafirma estar "absolutamente tranquilo" relativamente à sua implicação no caso relativo a suspeitas de gestão danosa na associação Raríssimas. "Uma equipa técnica do Instituto de Segurança …

China constrói campos de refugiados na fronteira com a Coreia do Norte

A China, que sempre defendeu uma solução pacífica para a crise da Coreia do Norte, pode estar a preparar-se para um eventual conflito militar ou para a queda do regime de Kim Jong-un. Isto numa …

Ministério abre processo disciplinar por fuga de informação no exame de Português

O inquérito à fuga de informação no exame nacional de Português deste ano determinou a abertura de um processo disciplinar a uma professora "para apuramento de responsabilidade", adiantou o Ministério da Educação. O processo disciplinar é …

"Super-homem chinês" cai de um edifício e filma a própria morte

O "super-homem" Wu Yongning, uma estrela na rede social chinesa Weibo, morreu ao cair do 62º andar de um edifício em Changsha, na China. Wu Yongning, de 26 anos, morreu numa queda ocorrida quando tentava subir …

Governo concede tolerância de ponto no dia 26 de dezembro na função pública

O Governo vai conceder tolerância de ponto em 26 de dezembro "aos trabalhadores que exercem funções públicas nos serviços da administração direta do Estado, sejam eles centrais ou desconcentrados, e institutos públicos", de acordo com …

Juncker envolvido em processo judicial por escutas ilegais

Jean-Claude Juncker pode ser envolvido num processo judicial por escutas ilegais e adulteração de conversas. A investigação é relativa a uma altura em que o Presidente da Comissão Europeia era primeiro-ministro do Luxemburgo. Jean-Claude Juncker, presidente …

ONU prepara projeto contra reconhecimento pelos EUA de Jerusalém como capital de Israel16

Um projeto de resolução contra o reconhecimento pelos Estados Unidos de Jerusalém como capital de Israel está a ser preparado na ONU para demonstrar o isolamento dos norte-americanos no Conselho de Segurança. Os Estados Unidos da …

Senador John McCain hospitalizado devido a tumor

O senador e ex-candidato republicano à Casa Branca foi hospitalizado, esta quarta-feira, nos arredores de Washington. John McCain foi diagnosticado em julho com um tumor cerebral. "O senador McCain está a receber tratamento no Centro Médico …

Último aviso da Cassini: se for a Saturno, leve guarda-chuva

Se está a pensar fazer uma viagem até Saturno deixamos um conselho: não se esqueça do guarda-chuva. Cientistas norte-americanos descobriram recentemente que os anéis de Saturno podem produzir uma espécie de chuva. A sonda Cassini viveu …