Itália vai processar Pfizer e AstraZeneca devido a atrasos nas vacinas. UE pede “transparência”

worldeconomicforum / Flickr

Giuseppe Conte, primeiro-ministro de Itália

A Itália vai processar a Pfizer Inc e a AstraZeneca devido aos atrasos na entrega das vacinas contra a covid-19 e para garantir os fornecimentos – não para obter compensações, disse neste domingo o ministro dos Negócios Estrangeiros, Luigi Di Maio. O presidente do Conselho Europeu, Charles Michel, pediu às empresas farmacêuticas, este domingo, “transparência” sobre as razões para os atrasos

No sábado, o primeiro-ministro italiano, Giuseppe Conte, disse que os atrasos no fornecimento das vacinas são “inaceitáveis” e representam uma séria violação das obrigações contratuais, acrescentando que a Itália recorreria a todas as ferramentas legais disponíveis, avança o Público.

A Itália terá que refazer todo o seu programa de vacinação se os problemas de abastecimento persistirem, disse um alto funcionário da Saúde do país.

Questionado sobre as razões para as empresas farmacêuticas terem anunciado a redução dos lotes disponíveis, Di Maio disse acreditar que tiveram mais olhos do que barriga. “Estamos a ativar todos os canais para que a Comissão Europeia faça todos os possíveis para que esses senhores respeitem os contratos”, disse.

A Pfizer disse na semana passada que ia reduzir os fornecimentos para a Europa para fazer mudanças na fabricação de forma a aumentar a produção. Na sexta-feira, um alto funcionário disse à Reuters que a AstraZeneca também informou a União Europeia que reduziria em 60% as entregas de sua vacina devido a problemas de produção.

O corte de fornecimento anunciado pelas duas empresas vai atrasar a vacinação dos maiores de 80 anos em Itália em cerca de quatro semanas e a do resto da população em cerca de 6-8 semanas, disse o vice-ministro da Saúde, Pierpaolo Sileri, neste domingo.

União Europeia também já se pronunciou

“O que pedimos a essas empresas é um diálogo transparente”, declarou Charles Michel a vários jornais franceses, sobre os atrasos na distribuição das vacinas.

“É óbvio que pensamos em fazer respeitar os contratos que foram assinados pelas empresas farmacêuticas”, afirmou o presidente do Conselho, que representa os 27 Estados-membros da União Europeia (UE).

Contudo, lembra que “quando a Pfizer anunciou atrasos de várias semanas, viu-se que reagimos com firmeza e, finalmente, os atrasos anunciados de várias semanas foram reduzidos”.

Charles Michel mostrou-se compreensivo, porém, com as dificuldades industriais e com os “obstáculos” que os laboratórios podem enfrentar, como os problemas “de fornecimento das matérias-primas necessárias”.

Após os atrasos anunciados pela Pfizer nas entregas da vacina contra a covid-19, um anúncio similar da AstraZeneca na sexta-feira gerou preocupação e revolta na Europa.

O continente corre contra o relógio, face ao surgimento de novas e mais perigosas variantes do coronavírus.

A União Europeia assinou um total de seis contratos com empresas farmacêuticas e está em negociações com outras duas, para um total de 2,5 bilhões de doses potenciais.

Com estes atrasos, Portugal só vai receber em fevereiro e março 700 mil vacinas das 1,4 milhões previstas.

Francisco Ramos tem dito que a aprovação da Agência Europeia do Medicamento (EMA) e chegada desta vacina da AstraZeneca será decisiva para acelerar o processo, algo que mantém, mas estes percalços obrigarão a rever o calendário, o que acaba por ser uma má notícia, referiu à TSF.

Ainda assim, o coordenador da taskforce do Plano de Vacinação da covid-19, Francisco Ramos, garantiu hoje que o atraso da vacina AstraZeneca/Oxford não comprometerá a primeira fase do plano português, mas não permitirá antecipá-lo, admitindo uma quebra de 50% do esperado.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Leite sem lactose em laboratório (e com a ajuda de membranas de óxido de grafeno)

As membranas de óxido de grafeno (uma forma oxidada do material) têm sido muito estudadas para a dessalinização da água e separação de corantes, mas as suas propriedades podem não ficar por aqui. Uma equipa de …

Cientistas criam material de "auto-reparação" mais resistente do mundo (e é perfeito para ecrãs de telemóveis)

Investigadores do Instituto Indiano de Educação e Investigação Científica (IISER, na sigla em inglês) podem ter encontrado o material perfeito para fazer os ecrãs de smartphones: transparente, resistente e que a capacidade de se "auto-curar" …

"A bitcoin vai criar a paz mundial"

A rainha das moedas digitais, se não construir a paz no planeta, vai ajudar na pacificação entre os seres humanos. É a opinião de Jack Dorsey. É o centro de atenções de muitos investidores, é o …

"Burrolandia". Parque temático de burros no México está a tentar salvar estes animais

Um parque temático de burros no México serve de santuário a estes animais que estão aos poucos a desaparecer no país. "O burro ajudou o homem por muito tempo. É hora de retribuirmos o favor", …

Uma mão robótica que joga Super Mario Bros na Nintendo? Sim, existe

Uma equipa de investigadores da Universidade de Maryland, nos Estados Unidos, imprimiu em 3D peças para criar uma mão robótica capaz de jogar Super Mario Bros na Nintendo.  A mão robótica é totalmente montada com circuitos …

"Narco Drones" apanhados a entregar drogas numa prisão chilena

Reclusos e cúmplices no exterior estão a usar drones para contrabandear droga para a prisão mais antiga do Chile. As autoridades chilenas descobriram que o esquema de contrabando tinha como objetivo transportar drogas para a Ex …

Erupção do vulcão Etna causa problemas económicos na Sicília

Nos últimos meses, o vulcão Etna tem estado em constante erupção e o custo de limpeza das cinzas está a deixar muitas cidades da Sicília à beira da falência. O vulcão Etna – um dos mais …

Argentina cria documento de identidade para pessoas não binárias

O Presidente da Argentina anunciou, esta semana, que o país tem um novo documento de identidade para incluir pessoas não binárias. É o primeiro país da América Latina a fazê-lo. De acordo com o chefe de …

Costa diz que Portugal vai ter "o dobro" de fundos comunitários para investir

O primeiro-ministro afirmou, este sábado, que Portugal vai contar, nos próximos sete anos, com "o dobro" de fundos comunitários para investimento, considerando que esta "é uma oportunidade única" que não pode ser desperdiçada. "Vamos ter a …

Chinesa morre após salvar a filha de deslizamento de terra. Bebé esteve 24 horas nos escombros

Uma mulher morreu após salvar o seu bebé quando um deslizamento de terra e uma forte inundação atingiram a sua casa na China, revelam as equipas de resgate. Como noticia a BBC, a bebé foi resgatada …