Trump ameaça Irão: “Em alguns casos pode significar aniquilação”

Kevin Dietsch / EPA

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump

O Presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, disse na terça-feira que a reação do Irão à proposta de Washington de manter a porta aberta para negociações é “insultuosa e ignorante”, advertindo que qualquer ataque iraniano será seguido de represálias norte-americanas “esmagadoras”.

“A declaração muito ignorante e insultuosa do Irão, divulgada hoje, mostra apenas que eles não compreendem a realidade. Qualquer ataque do Irão a qualquer alvo norte-americano será recebido com grande e esmagadora força. Em alguns casos, esmagadora irá significar aniquilação”, referiu Donald Trump no Twitter.

O Presidente norte-americano terminou a publicação com uma referência à anterior administração norte-americana liderada por Barack Obama, que firmou o acordo nuclear com Teerão em 2015.

“Não há mais John Kerry [ex-secretário de Estado] e Obama!”, disse Trump, cuja administração decidiu retirar unilateralmente os EUA do pacto nuclear em maio de 2018 e restabelecer sanções ao Irão, noticiou o Expresso, citando a agência Lusa.

O Presidente iraniano, Hassan Rohani, acusou na terça-feira os EUA de mentirem quando disseram que queriam negociar com Teerão, após o anúncio de novas sanções feito no dia anterior, medidas que pretendem abranger altas figuras da República Islâmica, como o guia supremo Ali Khamenei ou o ministro dos Negócios Estrangeiros iraniano, Mohammad Javad Zarif.

“Ao mesmo tempo em que apelam às negociações, tentam sancionar o ministro dos Negócios Estrangeiros! É óbvio que estão a mentir”, afirmou Hassan Rohani, num discurso transmitido pela televisão. Considerou ainda que as novas sanções dos EUA são “ultrajantes e idiotas”.

Momentos antes das declarações de Hassan Rohani, o conselheiro de segurança nacional dos EUA, John Bolton, tinha lamentado o silêncio “ensurdecedor” do Irão, afirmando que a porta permanecia aberta a “negociações reais”, apesar das atuais tensões entre Washington e Teerão, informou o Expresso.

No entanto, como referiu o Público, o embaixador iraniano na ONU, Majid Takht-Ravanchi, afastou a hipótese de se estabelecer um diálogo com “alguém que está a sempre a ameaçar com sanções”. O chefe da diplomacia russa, Serguei Lavrov, disse que a situação entre o Irão e os EUA corre o risco de se tornar “perigosa”.

A ação para aumentar as sanções foi também descrita como “desesperada” pelo porta-voz do Ministério dos Negócios Estrangeiros, Abbas Mousavi, que alertou para “o encerramento permanente do caminho da diplomacia”.

rouhani.ir

O presidente do Irão, Hassan Rohani

Nos vários ‘tweets’ divulgados, Donald Trump afirmou ainda que o “maravilhoso povo iraniano está a sofrer e sem razão nenhuma”.

“A liderança iraniana gasta todo o seu dinheiro no terrorismo (…). A liderança do Irão não entende as palavras ‘bom’ ou ‘compaixão’, nunca entenderam. Infelizmente, o que entendem é força e poder, e os Estados Unidos são de longe a força militar mais poderosa do mundo, com 1,5 biliões de dólares [1,3 biliões de euros] investidos nos últimos dois anos”, acrescentou o chefe de Estado norte-americano.

A tensão entre o Irão e os EUA voltou a aumentar na sequência do derrube de um ‘drone’ da Marinha norte-americana pelas forças iranianas na passada quinta-feira. O Irão alega que o ‘drone’ de vigilância marítima RQ-4A Global Hawk estava em espaço aéreo iraniano e que foi alertado várias vezes antes de ser lançado um míssil contra ele.

A versão iraniana é contestada pelos EUA, que afirmam que o ‘drone’ foi abatido no espaço aéreo internacional no estreito de Ormuz, no Golfo de Omã.

O caso do ‘drone’ levou Washington a preparar ataques aéreos retaliatórios, cancelados à última hora por Donald Trump.

TP, ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Morrem todos os dias pessoas inocentes. O único crime que cometeram foram estarem vivas. E anda este anormal do Trump a afirmar “A liderança do Irão não entende as palavras ‘bom’ ou ‘compaixão’, nunca entenderam. Infelizmente, o que entendem é força e poder, e os Estados Unidos são de longe a força militar mais poderosa do mundo, com 1,5 biliões de dólares [1,3 biliões de euros] investidos nos últimos dois anos”, acrescentou o chefe de Estado norte-americano” Então os EU têm a maior força do mundo para matar e os outros é que são os terroristas. Nunca mais morre este cabrão.

SNS24 ultrapassa recorde semanal de chamadas com mais de 200 mil

O recorde semanal de chamadas atendidas no SNS24 foi ultrapassado na última semana, num aumento da procura para mais do dobro, de 126.860 para 279.279, em relação à última semana de 2020, foi esta terça-feira …

Entre críticas a Rio e Marcelo, Ventura teve um drive-in com música de baile (e comparou-se a Sá Carneiro)

Ventura demarcou-se dos insultos de apoiantes à comunicação social, mas não admitiu que o seu mandatário os incentivou, chamando “inimigos” aos jornalistas. Terminou o dia num comício na praia de Leça da Palmeira mas em …

Governo Regional da Madeira garante que aumento de casos se deve às celebrações de fim de ano

O presidente do Governo da Madeira afirmou que o aumento de casos de covid-19 registado nos últimos dias na região é resultado das celebrações do fim do ano, assegurando fiscalização mais apertada nos bares aos …

Novo máximo diário com 218 mortes. Morre uma pessoa com covid-19 a cada 7 minutos

Portugal contabilizou esta terça-feira 218 mortes, um novo máximo de óbitos em 24 horas, relacionados com a covid-19, e 10.455 novos casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS). Quase metade das …

Ana Gomes teme que processos BES e Operação Marquês acabem como o dos submarinos

A candidata presidencial Ana Gomes disse ontem temer que processos como os do BES e da Operação Marquês terminem como o dos submarinos, em que considerou que se "trabalhou para a prescrição". Na conversa online que …

Recuperação só em 2022, disse Vestager. Leão quer aprovação rápida dos planos para a UE

A vice-presidente executiva da Comissão Europeia, Margrethe Vestager, afirmou que a recuperação europeia só será "sentida como tal" em 2022, mas que no outono já poderão ser visíveis alguns sinais, caso a vacinação contra a …

Marcelo aprova novas medidas e anuncia reunião com especialistas para discutir situação das escolas

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, assinou esta terça-feira o decreto do Governo que altera a regulamentação do estado de emergência devido à pandemia de covid-19 e anunciou uma reunião com especialistas na …

Jerónimo na campanha de João Ferreira para homenagear os que "se levantaram contra o fascismo"

O candidato presidencial comunista contou com a presença do secretário-geral do PCP, esta segunda-feira, na Marinha Grande, que destacou a importância de lutar contra os atuais "traços de regressão democrática". Durante uma ação na Escola Secundária …

Gilberto, Vertonghen, Grimaldo, Diogo Gonçalves e Waldschmidt infetados

Os futebolistas do Benfica Gilberto, Vertonghen, Grimaldo, Diogo Gonçalves e Luca Waldschmidt são os mais recentes casos positivos ao novo coronavírus no plantel do Benfica, informou esta terça-feira o clube da Luz. “O Sport Lisboa e …

Hospital de Portalegre abre inquérito a morte de doente que esteve 3 horas em ambulância

O hospital de Portalegre vai abrir um inquérito para apurar as circunstâncias da morte de um octogenário, na noite de segunda-feira, na área dedicada aos doentes respiratórios, depois de estar quase três horas numa ambulância, …