Temido admite “tropeções” na vacinação, mas “não podemos perder de vista a meta”

António Pedro Santos / Lusa

Esta quinta-feira, a ministra da Saúde, Marta Temido, admitiu que existem “tropeções” no processo de vacinação, mas avisou que é importante não se perder de vista “a meta”.

Esta manhã, numa visita ao Centro de Saúde da Damaia, no concelho da Amadora, a ministra da Saúde disse que o processo de vacinação contra a covid-19 “às vezes tem tropeções” que o Governo gostaria de evitar.

Ainda assim, avisou, “não podemos perder de vista aquilo que é a meta a que devemos chegar: no final do verão, ter 70% da nossa população vacinada“.

Segundo a TSF, Marta Temido garantiu empenho na nova fase de vacinação dos profissionais dos serviços essenciais, aqueles que estão “envolvidos no socorro através das corporações de bombeiros”, e da população com mais de 80 anos ou que tem entre 50 e 79 anos e comorbilidades.

A governante alertou ainda que, apesar da vacina, as restantes medidas de proteção contra o vírus “não podem ser descuradas“.

“É importante que as pessoas tenham presente que não podem deixar de cumprir o distanciamento físico, o arejamento de espaços, a colocação da máscara e a higienização das mãos. A vacina ajuda à proteção, mas não é um escudo completo”, reforçou, insistindo que temos de continuar a ter cuidado, até porque “há novas variantes em circulação”.

“A vacina ajuda a proteção, mas não é um escudo completo”, sublinhou a ministra.

A governante esteve, esta manhã, juntamente com o ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, a assistir ao início do programa de vacinação dos bombeiros, no centro de saúde da Damaia.

Cerca de 15.000 bombeiros voluntários, sapadores e municipais começam a ser vacinados esta quinta-feira, num processo que se vai prolongar durante as próximas duas semanas.

O Ministério da Administração Interna sustenta que os bombeiros, dada a dimensão operacional do transporte pré-hospitalar que executam, desempenham “uma função essencial do Estado e por isso vão ser vacinados ao longo das próximas duas semanas”. A ordem de vacinação foi definida com base em critérios operacionais da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil.

O Ministério tutelado por Eduardo Cabrita indica que os locais de vacinação, em vários concelhos de cada um dos 18 distritos do continente, foram estabelecidos de acordo com a distribuição geográfica dos 15.000 bombeiros.

Lisboa e Porto são os distritos com mais bombeiros que vão ser vacinados contra a covid-19, 2.181 e 1.916 respetivamente, seguido de Viseu (1.025), Aveiro (958), Coimbra (945), Leiria (945), Braga (910), Santarém (842), Setúbal (829) e Vila Real (687).

No distrito da Guarda vão ser vacinados 644 bombeiros, em Faro 617, em Castelo Branco 500, em Bragança 477, em Portalegre 388, em Viana do Castelo 347, em Beja 358 e em Évora 326.

Liliana Malainho, ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Toda a gente sabe que anda aldrabice no ar. Quais 70% de vacinados?! É muito menos do que isso, e ela já está a compôr o barco.

RESPONDER

Vulcão, La Palma

O Cumbre Vieja também tem negacionistas. "É tudo orquestrado"

Nos últimos dias, as redes sociais têm-se tornado o palco dos "negacionistas dos vulcões" que defendem que, por trás da erupção do Cumbre Vieja, há mão humana. Nas redes sociais já há negacionistas do vulcão Cumbre …

Selecção da Lituânia falhou os Mundiais porque...chegou atrasada

Per Strand venceu, António Morgado ficou em sexto, mas os ciclistas da Lituânia acabaram por marcar a prova de estrada de juniores, nos Mundiais em Flandres. Per Strand Hagenes é o novo campeão mundial júnior de …

Gil Vicente 1-2 Porto | Dragão canta de galo com dois golaços

Foi sofrer até ao fim. Sérgio Conceição tinha alertado que não seria fácil bater o Gil Vicente e foi isso que ocorreu na noite desta sexta-feira em Barcelos. O FC Porto apenas a um minuto dos …

Na II Guerra Mundial, um erro "humilhante" destruiu dois imponentes navios de guerra da Marinha Real

No dia 10 de dezembro de 1941, os japoneses afundaram os imponentes Prince of Wales e Repulse. A culpa foi do almirante Thomas Phillips que, na sequência de um "erro humilhante", acabou também por falecer. Winston …

O robô Atlas, da Boston Dynamics, faz parkour (e até dá um mortal para trás)

O Atlas é, sobretudo, um projeto de investigação: um robô que ajuda os engenheiros da Boston Dynamics a trabalhar em melhores sistemas de controlo e perceção. O parkour é um verdadeiro desafio para os seres humanos, …

Na Tailândia, um "cemitério" de táxis foi transformado numa horta sobre rodas

Desde pimentos a pepinos, beringelas e até mangericão. Num parque de estacionamento ao ar livre em Banguecoque, os táxis abandonados transformam-se em hortas para alimentar os trabalhadores. A pandemia de covid-19 obrigou os táxis de Banguecoque …

Morreu o "último nazi" canadiano, aos 97 anos

Um ucraniano que serviu como tradutor no regime nazi morreu na quinta-feira na sua casa, em Ontário, no Canadá, encerrando uma luta de décadas para deportá-lo e acusá-lo de cúmplice no assassinato de dezenas de …

No Sri Lanka, elefantes traficados foram resgatados. Mas voltaram às pessoas que os compraram ilegalmente

Um tribunal do Sri Lanka devolveu elefantes resgatados a pessoas influentes que foram acusadas de os terem comprado ilegalmente. Durante alguns anos, elefantes selvagens permaneceram na corda bamba de uma intensa batalha de custódia judicial entre …

Sporting 1-0 Marítimo | Porro volta a decidir de penálti

Que sofrimento! É normal ver os “grandes” dominarem por completo os seus adversários, mas nesta partida entre Sporting e Marítimo, em Alvalade, praticamente só houve uma equipa a atacar e a procurar o golo. Ainda assim, …

A falhar pagamentos e com 260 mil milhões de dívida - como é que a Evergrande chegou até aqui?

A situação da imobiliária chinesa Evergrande, que tem uma dívida maior do que a economia portuguesa, está a deixar o mundo ansioso sobre uma eventual repetição da história da crise de 2008, que começou com …