SwissLeaks: português com 143 milhões no HSBC investigado

Barry Caruth / Flickr

Sede do HSBC em Canary Wharf, Londres

O escândalo em torno da filial suíça do banco britânico HSBC continua a dar que falar e sabe-se agora que o português com mais dinheiro na instituição está a ser investigado pelas autoridades franceses, o que leva a que o seu nome não esteja a ser divulgado.

Um dos jornalistas ligados ao consórcio internacional que está a investigar o chamado caso “SwissLeaks“, marcado por uma fraude fiscal de milhões de euros no HSBC de Genebra, revelou ao Diário de Notícias que o português que terá cerca de 143 milhões de euros no Banco estará a ser alvo de uma investigação em França.

Este facto terá determinado que o seu nome tenha sido rasurado na lista com os clientes implicados neste alegado esquema que decorreu entre 2006 e 2007, envolvendo mais de 180 mil milhões de euros dissimulados em empresas offshores no Panamá e nas Ilhas Virgens Britânicas.

Há diversas celebridades implicadas, nomeadamente David Bowie, Tina Turner, Phil Collins, John Malkovich, entre outros, mas também traficantes de armas, de diamantes e até o entretanto falecido Oussama Bin Laden.

Quanto a Portugal, haverá 611 clientes com ligações a território nacional envolvidos, 220 dos quais terão nacionalidade portuguesa, de acordo com o que revela o Diário de Notícias. O jornal também refere que “não significa que todos tenham fugido ao fisco” e que “pode haver contas legítimas“.

O Jornal de Negócios revela, entretanto, que entre 2006 e 2012 entraram em Portugal 4,6 mil milhões de euros, provenientes da Suíça, no âmbito do Regime Especial de Regularização Tributária (RERT) criado pelo governo de José Sócrates como uma amnistia fiscal que visava recuperar dinheiro do estrangeiro para território luso. Terá sido assim que o amigo do ex-governante, Carlos Santos Silva, recuperou para contas nacionais 23 milhões de euros.

O montante é significativamente superior aos cerca de 800 milhões de euros que foram descobertos no âmbito do SwissLeaks como provenientes de clientes portugueses. Mas a origem do dinheiro que chegou a Portugal, no âmbito do RERT, não é conhecida, dado que foi garantido à partida, aquando da aplicação desta amnistia fiscal que permitiu um encaixe de 387 milhões de euros aos cofres públicos.

Entretanto, o antigo funcionário do HSBC que deu origem à fuga de informação que despoletou a investigação SwissLeaks refere, citado pelo jornal francês Le Parisien, que isto é apenas a “ponta do icebergue“. Hervé Falciani frisa que a Administração Fiscal francesa possui “muito mais” dados sobre esta alegada fraude.

Hervé Falciani é alvo de um mandado de captura internacional, lançado pela Suíça, sob a acusação de violação do segredo bancário, e o antigo informático do HSBC pede mais protecção, notando que só assim se pode combater a “impunidade” dos poderosos.

Em entrevista ao canal suíço RTS, Hervé Falciani defende que seja criado “um estatuto” baseado nos casos de pessoas como ele que agem denunciando um crime.

SV, ZAP

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Fraude de notícia… David Bowie, Tina Turner, Phil Collins, John Malkovich são CIDADÕES FISCAIS SUIÇOS (é público para quem esteja atento) pois mudaram a residência para a Suiça a troco de uma mais baixa taxa de imposto. Fizeram muito bem. Eu só não faço porque não ganhei esse dinheiro!

RESPONDER

Falhas na formação de médicos levam ministra a criar grupo de trabalho

A ministra da Saúde determinou a constituição de um grupo de trabalho para criar um manual de regras e procedimentos para a avaliação das capacidades de formação de médicos no SNS, depois de falhas apontadas …

Surto de sarampo leva Samoa a fechar escolas e serviços. Ativista anti-vacinação detido

Com o objetivo de conter o surto de sarampo que já matou 60 pessoas, o governo de Samoa está a pedir à população que coloque uma bandeira vermelha em frente às casas nais as pessoas …

Poluição do ar leva Sarajevo a cancelar todos os eventos públicos

As autoridades bósnias consideram que a poluição na capital do país, Sarajevo, atingiu níveis perigosos nos últimos dias. Perante a densa nuvem de nevoeiro que paira na cidade, o governo regional decidiu cancelar todos os …

A banana colada à parede que custou 108 mil euros foi comida

A banana mais cara do mundo, presa a uma parede com fita adesiva, foi descascada e comida por um artista que visitava o stand da galeria Perrotin, na feira de arte contemporânea Art Basel, nos …

Empresas norte-americanas reforçam domínio na venda global de armas

O Instituto Internacional de Estudos de Paz de Estocolmo (SIPRI) revelou esta segunda-feira que as empresas norte-americanas aumentaram o domínio no comércio global de armas em 2018, para 59% do volume total entre as 100 …

Faltam medicamentos para doenças crónicas nas Farmácias (e ninguém sabe porquê)

Há medicamentos para doenças crónicas que estão, constantemente, em falta nas Farmácias Portuguesas. Uma situação preocupante, sobretudo para os pacientes que deles precisam, e que não tem uma explicação. A Associação Nacional de Farmácias está …

Mais de dois mil coalas mortos devido aos incêndios na Austrália

O presidente da Aliança das Florestas do Nordeste da Austrália disse que os incêndios florestais que deflagram no leste do país, desde o início de novembro, provocaram a morte a mais de dois mil coalas. O …

Regionalização sem referendo é “golpe de estado palaciano”

Luís Marques Mendes falou este domingo, no habitual espaço de comentário político na SIC, sobre a regionalização, os "tempos difíceis para a direita", Greta Thunberg e Joe Berardo. Houve ainda tempo para falar sobre o …

China diz que detidos em Xinjiang estão "formados" e "vivem felizes"

Um alto quadro do regime chinês afirmou, esta segunda-feira, que os membros de minorias étnicas chinesas de origem muçulmana mantidos em "centros de treino vocacional" no extremo oeste do país já se "formaram" e levam …

Greve geral volta a parar França. Filas de trânsito chegam aos 620 quilómetros

Os acessos a Paris estão, esta manhã, muito complicados devido ao quinto dia de greve contra a reforma das pensões e que afeta sobretudo a rede de transportes na capital francesa. De acordo com as autoridades, …