Suécia vai alargar testes à covid-19 para que ninguém fique em casa inutilmente

A Suécia anunciou, esta terça-feira, que vai alargar os testes ao novo coronavírus a todas as pessoas com sintomas moderados e aumentar os testes disponíveis para os trabalhadores considerados essenciais.

As autoridades suecas têm apelado às pessoas que tenham sintomas relacionados com o novo coronavírus que fiquem em casa. No entanto, citada pela AFP, Lena Hallengren, ministra da Saúde da Suécia, explicou que, se esta situação se prolongar, estas pessoas devem saber quando podem voltar ao trabalho.

“Não podemos ter uma situação em que as pessoas ficam em casa ao mais pequeno sintoma se não têm necessidade de ficar”, disse a governante.

Até meados de abril, as autoridades suecas faziam apenas testes de despistagem aos doentes hospitalizados e ao pessoal de saúde. Desde então, as autoridades têm vindo a alargar os testes às pessoas com profissões consideradas essenciais, como polícias e bombeiros, para que os que tiveram sintomas possam regressar ao trabalho mais rapidamente.

O Governo anunciou, também em meados de abril, querer fazer uma despistagem da população em larga escala, esperando poder fazer testes a 100.000 pessoas por semana, meta que ainda não foi atingida.

“Temos a capacidade para fazer testes, mas ainda há dificuldades com a logística que envolvem”, disse a coordenadora nacional, Harriet Wallberg. Na semana passada, foram realizados 32.000 testes.

Ao contrário da generalidade dos países, a Suécia adotou medidas menos restritivas face à pandemia, o que suscitou críticas tanto no país como no estrangeiro.

A estratégia focou-se no isolamento de grupos de risco e no apelo à responsabilidade individual dos cidadãos, não tendo sido ordenado o confinamento da população nem o encerramento de escolas, restaurantes, cafés ou bares.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Chuvas torrenciais fazem mais de uma centena de mortos na Índia

Pelo menos 136 pessoas morreram na Índia, em consequência de chuvas torrenciais que assolaram o país e causaram fortes enchentes e deslizamentos de terra, enterrando casas e submergindo ruas. Numa altura em que as alterações climáticas …

China inaugurou o comboio mais rápido do mundo

O comboio-bala maglev, que pode atingir uma velocidade de 600 quilómetros por hora, fez a sua estreia em Qingdao, na China, esta semana. Tal como conta a cadeia televisiva CNN, este comboio-bala maglev foi desenvolvido pela …

Quatro portugueses detidos em Espanha por alegada violação de duas mulheres

A polícia espanhola anunciou, este sábado, ter detido quatro cidadãos portugueses por suposta violação múltipla e abusos sexuais a duas mulheres de 22 e 23 anos, numa pensão em Gijón, no norte do país. Segundo a …

Stonehenge pode perder estatuto de património mundial da UNESCO

Depois de Liverpool, também Stonehenge pode perder o estatuto de património mundial da UNESCO. O aviso surge após o secretário dos transportes, Grant Shapps, ter dado luz verde aos planos de construção de um túnel …

Mais 20 mortes e 3396 casos de covid-19. Não havia tantos óbitos desde março

Portugal registou, este sábado, mais 20 mortes e 3396 casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da DGS, dos 3396 novos …

"Integral confiança". Chega segura militantes acusados de agredir homossexual

O Chega anunciou, esta sexta-feira, que mantém "integral confiança" nos candidatos e estruturas local e distrital de Viseu, referindo que só se pronunciará sobre alegadas agressões de motivação homofóbica naquela cidade depois de apurados os …

Há dezenas de autarcas envolvidos em processos sem fim à vista

Dezenas de autarcas foram neste mandato acusados por corrupção, negócios imobiliários duvidosos e abuso de poder, entre outros, em processos judiciais que se arrastam, na maioria, sem desfecho à vista a dois meses de novas …

Milhares de pessoas manifestam-se na Austrália contra o confinamento

Milhares de australianos manifestaram-se, este sábado, em várias cidades do país contra as restrições impostas pelo Governo para controlar o aumento de casos de covid-19. Em Sidney, cerca de mil manifestantes protestaram contra o confinamento decretado …

Há 406 farmácias com testes comparticipados pelo Estado

Há 406 farmácias de 104 laboratórios em Portugal continental com testes comparticipados pelo Estado. Saiba quais. O Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (INSA) atualizou recentemente a lista das farmácias e laboratórios que disponibilizam testes …

Há 33 cursos com emprego garantido. Abandono no Ensino Superior aumentou

Este ano, há 30 licenciaturas e três mestrados integrados sem recém-diplomados inscritos no Instituto de Emprego e Formação Profissional. Segundo o Observador, o número total (33) é inferior ao de 2020 e de 2019, quando foram …