Há quase 30 anos que não morria tanta gente na Suécia

jameslosey / Flickr

Palácio de Drottningholm, em Estocolmo, na Suécia

Há quase três décadas que não morriam tantas pessoas na Suécia. As autoridades de saúde suecas registaram mais mortes em abril desde ano do que qualquer outro mês desde o final de 1993.

De acordo com a TSF, em abril, a Suécia registou cerca de 10.500 óbitos. Este é o número mais alto em quase 30 anos. Só em dezembro de 1993 foi mais alto: o país registou 11 mil mortes.

Segundo o Instituto de Estatística sueco, se as contas tiverem em conta o tamanho da população, em abril deste ano morreram 101 pessoas por cada 100 mil habitantes.

Em 1993 e em 2000 registaram-se, na Suécia, surtos do vírus Influenza.

A Suécia optou por medidas menos restritivas de combate à pandemia de covid-19. Em vez de restringir as deslocações da população, confiou que esta manteria a distância social. Ginásios, escolas, restaurantes e lojas permaneceram abertas durante a propagação da pandemia.

Assim, ao contrário da maior parte dos países, a Suécia, começou por combater a pandemia com uma estratégia que visava a imunidade de grupo, não aplicando grandes restrições para combater a pandemia – confiou no “dever cívico” dos seus cidadãos.

Em abril, Stefan Löfven, primeiro-ministro da Suécia, admitiu falhas no combate ao novo coronavírus, dizendo que é “evidente, em vários aspetos” que o país não estava suficientemente preparado para lidar com uma pandemia.

Na semana passada, a Suécia anunciou que vai alterar a estratégia de combate à covid-19 devido ao recente disparo do número de mortes entre os cidadãos idosos, reforçando a proteção a esta população.

Segundo os analistas, embora a Suécia tenha optado por evitar um confinamento oficial, é pouco provável que consiga evitar as consequências económicas da pandemia.

A Suécia registou mais de 3.500 mortes por coronavírus, número pouco elevado quando comparado com as dezenas de milhares de mortes nos Estados Unidos. No entanto, a população da Suécia é de 10 milhões, o que torna a taxa de mortalidade do país uma das mais altas.

ZAP //

 

PARTILHAR

14 COMENTÁRIOS

  1. O artigo é tendencioso e leva à conclusão que a Suécia está entre os países com mais mortes por milhão de habitantes. Suécia está em 8º lugar, acima dela estão França, UK, Italia, Espanha e Bélgica.
    Suécia: 371 mortos/milhão hab.
    França: 433 mortos/milhão hab.
    Bélgica: 786 mortos/milhão hab.
    E foi a Suécia que falhou?

    • Os nossos media têm praticado este tendenciosismo sistemático.
      Por isso é que, se perguntar a qualquer consumidor de media portugueses, ele vai responder que os EUA “é o caso mais grave do mundo”.

    • Se a Suécia tem cerca de 10 milhões de habitantes e morreram cerda de 10.500 pessoas de COVID-19 até a agora, o número de mortes por milhão seria de 1.050 mortos/milhão hab. e não 371/milhão had., colocando a Suécia acima da maioria dos países europeus (incluindo os citados). Acho que deve ter usado alguma informação desatualizada sem querer…

      • Os dados que usei estão correctos, já tinha respondido mas a resposta teima em não aparecer, possivelmente porque tinha enviado um link com os dados, assim, tento novamente, mas sem link, que de resto será fácil de encontrar.
        O valor que é indicado no artigo de 10.500 mortes é a mortalidade total, de todas as causas. O total de mortes atribuídas ao COVID19, últimos números, na Suécia são de 3.831.

  2. A campanha de desinformação da DGS e dos Media, fez com que neste momento tenhamos 1,5 milhões de trabalhadores desempregados e quase 5 milhões de pessoas com problemas financeiros, nomeadamente para pagarem os seus compromissos.
    E já agora o que mudou de tão significativo desde meados de Março para este momento, para toda a gente andar na rua?
    Em Março os Portugueses de 2ª. continuaram a trabalhar para os Portugueses de 1ª. estarem em casa sem fazerem nada (não contando com os que estavam em tele-trabalho). Estes Portugueses de 2ª. não fazia mal serem infetados?
    Enfim, politicas feitas por pessoas sem visão de futuro, e com problemas de pouca inteligência (ex: DGS).

    • O teu é que é bem revelador da tua ausência de neurónios. Se não percebes os comentários anteriores… fica-te pela bola

  3. excelentes comentários, felizmente que há gente ainda a pensar racionalmente.

    é que olhando para a propaganda diária de MSM e politiqueiros do burgo, tudo bem expremido só dá uma frase, “MEDO, tenham muito MEDO”.

  4. No tratamento noticioso da Pandemia a Comunicação Social parece estar sempre do lado do “aperto” das medidas, assumindo muitas vezes até o papel de denunciante sempre que uma nova regra não está sendo cumprida.
    Alguns canais de TV querem parecer tão responsáveis que fazem lembrar uma ditadura……A tal ditadura do medo.
    Haja bom senso, Liberdade e Civismo .

RESPONDER

Diário de oficial nazi revela localização de tesouro escondido na Polónia durante a 2.ª Guerra Mundial

Um diário que esteve na posse de uma sociedade secreta durante décadas contém um mapa que descreve a localização de mais de 30 toneladas de ouro escondidas pelos nazis durante a Segunda Guerra Mundial. Escrito há …

"Pés de café" ajudam robôs a andar mais rápido (e sem tropeçar)

Uma das principais aplicações para robôs com pernas é a exploração de locais de desastre. No entanto, para atravessar os escombros, estas máquinas precisam de ter "pés" firmes. Uma equipa de investigadores da Universidade da Califórnia, …

Famalicão 2-1 FC Porto | Dragões falham reentrada

O FC Porto ficou hoje com a liderança da I Liga portuguesa de futebol em risco, ao perder em casa do Famalicão, por 2-1, na 25.ª jornada, que marca o regresso após a paragem devido …

Empresas chinesas compram soja dos EUA apesar de suspensão imposta pelo Governo

Empresas estatais chinesas terão comprado pelo menos três carregamentos de soja aos Estados Unidos (EUA), mesmo após o Governo ter levantado uma suspensão. Esta surgiu depois de Washington afirmar que terminaria com o acordo comercial …

Musk quer bombardear Marte. Pode ser só um "pretexto" para enviar armas nucleares para o Espaço

O plano de Elon Musk de bombardear Marte é apenas um pretexto para o lançamento de armas nucleares para o Espaço, disse o diretor da agência espacial russa Roscosmos, Dmitry Rogozin. Bombardear Marte para tornar o …

Quase 20 mil toneladas de combustível derramadas em rio na Rússia

https://cache-igi.cdnvideo.ru/igi/video/2020/6/2/%D0%BD%D0%BE%D1%80%D0%B8%D0%BB%D1%8C%D1%81%D0%BA.mp4 Quase 20 mil toneladas de combustível foram acidentalmente derramadas num rio no extremo norte da Rússia, levando as autoridades a declarar uma situação de "emergência" e levantando preocupações entre ambientalistas e residentes. Em comunicado, a associação …

Mais verde e mais barato. Suécia segue a Alemanha e instala a primeira turbina eólica de madeira

A Suécia instalou uma nova e interessante turbina eólica: uma torre construída em madeira. A Alemanha também já tem esta nova tecnologia. Construída a partir de materiais de fontes sustentáveis e que oferecem desempenho comparável às …

Já não mostra só as filas do supermercado. App "Posso ir?" também diz se pode ir à praia

A aplicação móvel que permite aos utilizadores consultar as filas e as afluências aos supermercados também mostra como está a praia. Agora, a aplicação "Posso ir?" vai também dizer-lhe se é ou não prudente ir dar …

Discurso xenófobo. Na Áustria, "a islamofobia tornou-se uma forma dominante de racismo"

A Áustria regista um aumento preocupante do discurso xenofóbico, em particular em relação aos muçulmanos e refugiados, alerta um relatório do Conselho da Europa. A Comissão do Conselho da Europa contra o Racismo e a Intolerância …

Um em cada quatro russos acredita que a pandemia é uma invenção

Um em cada quatro russos acredita que a pandemia de coronavírus é uma invenção, de acordo com uma pesquisa realizada pela Escola Superior de Economia de Moscou (HSE). Segundo avançou o site de notícias RBC, citado …