Segurança Social paga taxas de justiça de Rui Rangel. Juiz alega que não tem dinheiro

António Pedro Santos / Lusa

O ex-juíz desembargador Rui Rangel

Rui Rangel, ex-desembargador do Tribunal da Relação de Lisboa, pediu apoio à Segurança Social para pagar as taxas de justiça, alegando que, como foi despedido, não tem dinheiro para as suportar. O ex-magistrado é o principal arguido da Operação Lex.

Acusado de 21 crimes, entre os quais corrupção, fraude fiscal e falsificação de documentos, Rui Rangel está a receber o apoio da Segurança Social para pagar as taxas de justiça que lhe cabem no âmbito da Operação Lex.

A notícia é avançada pelo Correio da Manhã (CM) que cita um documento do Supremo Tribunal de Justiça onde “a Segurança Social informa que o requerimento do ex-desembargador [no sentido de receber apoio judicial] foi aceite no final de Janeiro“.



O CM nota que Rangel alegou que “foi despedido em Junho do ano passado e que neste momento não aufere qualquer rendimento”. Portanto, argumenta que não tem dinheiro para as taxas de Justiça.

Entretanto, Rui Rangel terá que continuar a pagar os honorários do seu advogado, João Nabais, que é um dos mais conhecidos da praça.

Rui Rangel é suspeito de ter recebido “luvas” de um milhão de euros em troca de decisões judiciais favoráveis.

O ex-magistrado é um dos 17 arguidos da Operação Lex que implica ainda a ex-mulher de Rangel, a também ex-magistrada Fátima Galante, o antigo presidente da Relação de Lisboa, Luís Vaz das Neves, e o presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira, entre outros.

A tese do Ministério Público (MP) é que Rangel vivia à custa dos alegados subornos que recebia, uma vez que mantinha uma vida de luxo que não seria compatível com o ordenado de três mil euros que tinha como juiz desembargador.

Em 2020, o Supremo Tribunal de Justiça pediu o arresto de imóveis, carros e contas bancárias de Rui Rangel e da ex-mulher como forma de garantir a existência de bens para suportar o eventual pagamento da indemnização cível de 1 milhão de euros que é pedida pelo MP.

No final de 2019, Rui Rangel foi demitido da magistratura devido ao seu envolvimento na Operação Lex.

ZAP //

PARTILHAR

19 COMENTÁRIOS

  1. Este ainda há pouco tempo tinha o seu espaço de comentários num canal televisivo e não só. Falam em controlo de massas ? Aí têm um dos seus intervenientes. Resta saber a razão para que a comunicação social dê espaço a esta gente no formato de comentadeiros. Continuem a acreditar nos “mais que mentes”, nos portas e outros tantos que tanto gostam de criar opinião…

  2. Há pessoas que não têm um pingo de vergonha na cara, que por se saberem mexer, acham que tudo é válido.
    Eu ofereço- me para pagar as referidas custas de tribunal na condição de que esse senhor me contacte pessoalmente para pedir tall ajuda.
    Ratos de esgoto!

    • O problema é que quem lhe paga as taxas de justiça são os que realmente trabalham neste país. Que indecência! Ainda se admiram de partidos como Chega começar a ter votos que Deus nos Livre!

  3. Quantos favores não terá feito esses Rangel, a João Nabais. Parece que só assim ganhou vários processos e ganhou fama, mas sem mérito.

  4. Já não há vergonha nem remédio para este país, que não seja inocular com estrequenina gente como esta e a quem lhes dá proteção (são iguais)!

  5. Não pode dizer porque este é do mesmo clubismo, é assim que os políticos fracassam sempre com falta de frontalidade e imparcialidade!

  6. Se ele não tem dinheiro quem é que tem? O Ordenado de um Juiz, segundo me informaram, é superior ao do Primeiro ministro. Peçam ao Rui Pinto para investigar para onde ele enviou os rendimentos.

  7. Não o gasta-se roubou imenso devia dár para tudo, filh da ..ta, estuda-se como Sócrates olha para ver se ele não roubo o suficiente para advogados e farinha…..

  8. Onde é que o ZAP foi obter a notícia de que um juiz desembargador com a idade dele ganha 3 mil euros? O ordenado é muito maior e de cerca de 7 mil euros brutos.

RESPONDER

Na Tailândia, a legalização do aborto enfrenta "resistência espiritual"

Desde fevereiro, qualquer pessoa que procure fazer um aborto na Tailândia consegue fazê-lo legalmente, pelo menos no primeiro trimestre. Ainda assim, muitos médicos e enfermeiros recusam-se a levar a cabo o procedimento. A advogada Supecha Baotip …

Haiti. Viúva do presidente assassinado implica seguranças no crime

Martine Moise, a viúva do presidente haitiano Jovenel Moise — assassinado na sua residência por um comando armado no início de julho — descreveu abertamente o ataque e partilhou as suas suspeitas sobre o crime …

Covid-19. Portugal regista 2.306 novos casos e aumento nos internados

Portugal registou este domingo 2.306 novos casos de infeção por covid-19 e mais oito mortes, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS).  Portugal regista este domingo oito mortes atribuídas à covid-19, 2.306 novos casos …

Birmânia. Líder da junta volta a prometer eleições até 2023, seis meses depois do golpe militar

O líder da junta militar birmanesa, no poder desde o golpe de 1 de fevereiro, comprometeu-se novamente a realizar eleições "até agosto de 2023". “Estamos a trabalhar para estabelecer um sistema multipartidário democrático”, disse, este domingo, …

Tóquio2020. Patrícia Mamona conquista medalha de prata no triplo salto (e melhora recorde nacional)

Patrícia Mamona conquistou este domingo a medalha de prata no triplo salto dos Jogos Olímpicos Tóquio2020, ao conseguir 15,01 metros, novo recorde nacional, arrebatando a segunda medalha por atletas portugueses depois do bronze do judoca …

Trabalhadores da CP e IP iniciam hoje greve ao trabalho extraordinário e feriados

Os trabalhadores da CP - Comboios de Portugal e da Infraestruturas de Portugal (IP) entram este domingo em greve ao trabalho extraordinário e feriados, até 31 de agosto, por aumentos salariais. A greve, convocada pelo Sindicato …

Mesmo longe da Casa Branca, Trump foi o político republicano que mais arrecadou dinheiro em 2021

O ex-Presidente dos Estados Unidos Donald Trump é o político do Partido Republicano que mais arrecadou dinheiro este ano, apesar de ter deixado o cargo a 20 de janeiro, segundo a imprensa local. Os comités políticos …

Marcelo satisfeito com reabertura “sensata”. Alívio das restrições arranca hoje

O levantamento gradual das restrições em função da vacinação contra a covid-19 arranca este domingo com regras aplicáveis em todo o território continental, inclusive o limite de horário de encerramento até às 2h00 para restauração …

Restos mortais de morcego-vampiro podem desvendar mistérios sobre a espécie extinta

A descoberta da mandíbula de um morcego que viveu há 100 mil anos pode ajudar a responder a algumas incógnitas sobre a espécie extinta. Os restos mortais foram encontrados numa caverna na Argentina. De acordo com …

Vacinação de crianças saudáveis está aberta à "livre escolha dos pais"

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, salientou este sábado que as autoridades de saúde não proibiram a vacinação contra a covid-19 para crianças saudáveis, considerando que “esse espaço continua aberto à livre escolha …