Sócrates “continuou a receber benefícios” depois de preso

José Coelho / Lusa

O ex-primeiro-ministro José Sócrates continuou a receber benefícios financeiros de empresas arguidas na Operação Marquês, após a sua detenção preventiva em novembro de 2014, segundo a acusação divulgada esta quarta-feira pelo Ministério Público.

No despacho, a acusação sustenta que José Sócrates recebeu 34 milhões de euros, entre 2006 e 2015, a troco de favorecimento de interesses do ex-banqueiro Ricardo Salgado no Grupo Espírito Santo e na Portugal Telecom, bem como a garantia de concessão de financiamentos da Caixa Geral de Depósitos à Vale de Lobo e favorecimento de negócios do Grupo Lena.

Os 34 milhões de euros integram fundos de diversas origens: 21 milhões em entidades do GES, pagos para contas na Suíça, entre 2006 e 2009, 2,8 milhões com origem no Grupo Lena, pagos através do arguido Joaquim Barroca entre 2007 e 2008, um milhão de euros em receitas desviadas do grupo Vale do Lobo, por ordem dos arguidos Diogo Gaspar Ferreira e Rui Horta e Costa, através de conta na Suíça de Joaquim Barroca, em 2008.

Sócrates, segundo o MP, terá ainda recebido 2,9 ME em pagamentos do Grupo Lena à sociedade XLM Lda, com base num “pretenso contrato de prestação de serviços”, e 1,2 milhões de fundos colocados pelo GES na esfera do arguido Helder Bataglia, entre 2013 e 2015, e por este no Grupo Lena, de forma a suportar pagamentos à XLM, tendo por base um outro pretenso contrato de prestação de serviços.

O ex-governante terá ainda recebido mais três milhões com origem num contrato de intermediação imobiliária celebrado entre a Angola Investimento Imobiliário e a XLM, mas com pagamento realizado pela empresa Lena Engenharia e Construções, SA.

Dos 34 milhões de euros que o MP diz que Sócrates beneficiou, 919 mil euros resultam de despesas suportadas por sociedades do grupo Lena, imputadas a fundos recebidos do GES a pedido de Carlos Santos Silva e 1,1 ME de ganhos financeiros, entre 2007 e 2010, sendo o montante de 882 mil euros referente ao resultado financeiro alcançado nas contas abertas na Suíça por Carlos Santos Silva em 2007 a 2010.

Deste valor, 312 mil euros correspondem a ganhos financeiros pelas vendas de aplicações em valores mobiliários, transferidos das contas na Suíça para Portugal.

Da acusação consta também um pedido de indemnização civil de mais de 58 milhões de euros contra os arguidos, incluindo José Sócrates, Ricardo Salgado, Carlos Santos Silva, Armando Vara e Henrique Granadeiro e Zeinal Bava, entre outros.

Sócrates está acusado de corrupção passiva de titular de cargo político, branqueamento de capitais, falsificação de documentos e três de fraude fiscal qualificada e Carlos Santos Silva por corrupção passiva de titular de cargo político, corrupção ativa de titular de cargo político, branqueamento de capitais, falsificação de documento, fraude fiscal e fraude fiscal qualificada.

Ricardo Salgado está acusado de corrupção ativa de titular de cargo político, corrupção ativa, branqueamento de capitais, abuso de confiança, falsificação de documento e fraude fiscal qualificada, enquanto o antigo presidente da PT Zeinal Bava foi acusado por corrupção passiva, branqueamento de capitais, falsificação de documento e fraude fiscal qualificada.

Henrique Granadeiro, ex-administrador da PT, está acusado de corrupção passiva, branqueamento de capitais, peculato, abuso de confiança e fraude fiscal qualificada e Armando Vara foi acusado de corrupção passiva de titular de cargo político, branqueamento de capitais e fraude fiscal qualificada.

Na Operação Marquês foram acusados 28 arguidos, 19 pessoas e nove empresas, num total de 188 crimes.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Harry Potter ganha novo (e estranho) capítulo

Harry Potter e o retrato daquilo que parecia ser um grande monte de cinzas é o título do mais recente pedaço da história protagonizada pelo famoso feiticeiro. Mas não foi J.K. Rowling que o escreveu. Os autores …

Rússia pode cortar a Internet mundial, avisa General britânico

É uma nova ameaça à "nossa forma de vida" e à segurança e economia mundiais. O alerta é do chefe do Estado-Maior-General das Forças Armadas do Reino Unido, Stuart Peach, que teme que a Rússia …

Tribunal mantém pena de 30 anos para mulher que alega ter sofrido aborto espontâneo

Um tribunal de El Salvador confirmou a sentença de 30 anos de prisão a uma mulher acusada de homicídio agravado devido à morte do seu recém-nascido. Teodora Vásquez garante que se tratou de um aborto …

WikiLeaks é agora um meio de comunicação social

Um tribunal britânico considerou, em sentença, que o portal de divulgação de informação WikiLeaks é, agora, uma "organização de meios de comunicação". Um tribunal britânico, que avalia casos sobre liberdade de informação, classificou o WikiLeaks como …

Arquiteto Manuel Aires Mateus vence Prémio Pessoa 2017

Esta sexta-feira, o arquiteto Manuel Aires Mateus foi distinguido com o Prémio Pessoa, uma das mais importantes distinções em Portugal. O arquiteto Manuel Aires Mateus é o vencedor do Prémio Pessoa, anunciado esta sexta-feira pelo presidente …

Investigação australiana recomenda fim do celibato na Igreja Católica

Esta sexta-feira, uma investigação australiana sobre abuso sexual de crianças recomendou à Igreja Católica que levante a exigência de celibato ao clero. A Comissão Real da Austrália, que corresponde à procuradoria-geral da república, divulgou esta sexta-feira …

Carrilho absolvido do crime de violência doméstica por falta de provas

O ex-ministro da Cultura Manuel Maria Carrilho foi absolvido do crime de violência doméstica contra a ex-mulher Bárbara Guimarães. A juíza do processo considera que não há provas suficientes para uma condenação. Manuel Maria Carrilho era …

Ex-dirigente da Cerci da Guarda usa instituição para faturar

O ex-vice-presidente da Cercig, a cooperativa de solidariedade social da Guarda com estatuto de utilidade pública, foi acusado de crime de participação económica em negócio, punível com 5 anos de prisão. De acordo com o Ministério …

Pensões, subsídios e abono de família aumentam já em Janeiro

As prestações sociais pagas pela Segurança Social vão subir já a partir de Janeiro de 2018, fruto do aumento previsto de 1,8% para o chamado Indexante dos Apoios Sociais (IAS). O IAS é o referencial usado …

Lince-ibérico esteve à venda (com urgência) no OLX

Um anúncio no OLX vendia "urgentemente" um lince-ibérico pelo valor negociável de 1500 euros. O Ministério Público já está a investigar o caso. O Ministério Público está a investigar uma possível venda online de um lince-ibérico, …