Sal, gorduras e açúcares vão ser reduzidos em mais de 2.000 alimentos

A Direção-Geral da Saúde (DGS) vai assinar um acordo esta quinta-feira com sete associações da indústria alimentar e distribuição que vai permitir reduzir as quantidades de sal, açúcar e gorduras em mais de 2.000 alimentos.

“Mais de 2000 produtos podem ser abrangidos por este acordo. O que vamos avaliar é uma média ponderada, uns poderão reduzir mais do que outros. Mas isto é o que potencialmente podemos vir a atingir”, diz Maria João Gregório, nova diretora do Programa Nacional para a Alimentação Saudável, em entrevista ao jornal Público.

De acordo com o matutino, no caso do açúcar, os alimentos que vão ficar mais saudáveis vão ser os cereais de pequeno-almoço, refrigerantes, néctar de fruta, iogurtes e leites com chocolate. Já no que toca ao sal, a medida vai incidir nas batatas fritas e outros snacks, pão, sopas prontas a consumir e algumas refeições prontas a consumir.

“Demorou mais de um ano, fizemos mais de 17 reuniões com os sectores da indústria e também da distribuição. Também queríamos assegurar que os alimentos que vão ser reformulados são aqueles que são os mais consumidos pela população. Isso é um dos pontos muito positivos deste acordo”, afirmou Maria João Gregório, observando que foi difícil conseguir chegar a este acordo.

“Conseguimos assegurar que este processo vai implicar a reformulação dos produtos que representam pelo menos 80% do total de vendas de cada categoria”, sustentou.

Tal como nota a TSF, os protocolos foram iniciados em fevereiro de 2017, previstos para junho de 2018, e só nesta quinta-feira é que serão assinados.

Globalmente, os protocolos assinados serão para alcançar entre 2022 e 2023. “Temos algumas categorias em que as metas serão apenas alcançadas em 2023. Aqui temos as sopas prontas a consumir e os néctar de fruta. Em relação a percentagens de redução, para o açúcar na sua maioria serão reduções de 10% até 2022, sendo que para os néctar de fruta é uma redução de 7%. Nestes produtos há mais dificuldade em reduzir o açúcar porque este está geralmente presente no sumo da fruta”.

“Em relação aos ácidos gordos trans são valores inferiores a 2 gramas por 100 gramas de gordura, que é o que vai ficar definido no novo regulamento que foi publicado na semana passada pela Comissão Europeia”, explicou ainda a responsável.

De acordo com o Ministério da Saúde, os acordos para reformulação de produtos alimentares, serão assinados com sete associações empresariais: Associação Portuguesa de Empresas de Distribuição (APED, que representa os supermercados), Federação das Indústrias Portuguesas Agro-Alimentares (FIPA), Associação Nacional dos Industriais de Gelados Alimentares, Óleos, Margarinas e Derivados (ANIGOM), Associação Nacional Comerciantes Industriais Produtos Alimentares (ANCIPA), Associação Nacional dos Industriais de Lacticínios (ANIL), Associação Portuguesa de Produtores de Flocos de Cereais (AFLOC) e Associação Portuguesa de Bebidas Refrescantes Não Alcoólicas (PROBEB).

A ministra da Saúde já disse que a meta do Governo é promover estilos de vida saudáveis para reduzir a mortalidade prematura, bem como aumentar a esperança de vida saudável.

ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. sempre quero ver.

    é que se encontram açucares em tudo quanto precisa e não precisa, um exemplo, tentei adquirir presunto e só encontrei uma marca que não tinha açucar, alguém me consegue explicar pq raio é que presunto necessita de ter açucar?

    e claro os açucares não são todos iguais, o açucar/fructose natural bem como o mel puro em quantidades ,diria, recomendadas não tem qq problema.

    as gorduras boas tb não fazem qq mal, como azeite puro, banha, manteigas de leites de pastagem, óleo de côco e de abacate, as gorduras naturais de carnes de pastagem bem como peixes gordos como sardinha, salmão de rio, cavalas etc são todos excelentes para a saúde.

    agora claro está que esta gentinha não estará a pensar em nada disto, para eles gorduras boas são a completa aldrabice a que chamam de óleos vegetais como o de soja, girassol, margarinas etc que fazem péssimamente mal e que contribuem em larga medida para doenças autoímunes, diabetes entre outras maleitas.

  2. Açúcar acho bem… há no geral muito abuso… mas por exemplo sal no pão? Já acho a maioria do pão que se vende actualmente insonso… claro que em aperitivos, enchidos, etc (muita coisa que se calhar nem mexem) há abuso, mas no pão? Nunca vi pão salgado…

RESPONDER

"DeepNude". Inteligência Artificial "tirou a roupa" a mulheres nas redes sociais

A empresa de informação Sensity alertou que mais de 100 mil imagens foram carregadas para um canal de Telegram onde um bot "tirou a roupa" de mulheres. A empresa de segurança Sensity revelou recentemente que existe …

Poluição atmosférica "custa" a cada citadino europeu 1.276 euros por ano

A poluição atmosférica "custa" 1.276 euros por ano a cada cidadão europeu residente em cidades, de acordo com um estudo da Aliança Europeia de Saúde Pública (EPHA) divulgado esta quarta-feira. O estudo chegou ao valor médio …

"Emergência arqueológica". O degelo dos Alpes está a "libertar" artefactos escondidos há milhares de anos

As alterações climáticas podem estar a ajudar os arqueólogos a encontrar artefactos escondidos nos glaciares do Alpes há milhares de anos. O derretimento dos glaciares dos Alpes está a "liberta" objetos que permaneceram congelados no tempo …

Thermite RS3 é o primeiro robô de combate a incêndios dos EUA (e está pronto a entrar ao serviço)

O Corpo de Bombeiros de Los Angeles, nos Estados Unidos, deu as boas-vindas ao mais recente membro da equipa: um bombeiro robótico. O Thermite RS3 é um rover de controlo remoto capaz de bombear milhares de …

Inventor dinamarquês que matou jornalista no seu submarino escapou da prisão (mas já foi apanhado)

O inventor dinamarquês Peter Madsen, condenado a prisão perpétua por torturar e assassinar a jornalista sueca Kim Wall, fugiu da prisão esta terça-feira.  As autoridades dinamarquesas capturaram-no minutos depois. Peter Madsen, o dinamarquês condenado a prisão …

Molécula descoberta por menina de 14 anos pode levar a uma cura para a covid-19

A jovem norte-americana de 14 anos, Anika Chebrolu, descobriu uma molécula que pode levar a uma potencial cura para a covid-19. Enquanto cientistas dos quatro cantos do mundo trabalham no desenvolvimento de uma vacina para a …

Cerca de 1.300 reclusos fogem de prisão no Congo após ataque do Estado Islâmico

Cerca de 1.300 reclusos escaparam de uma prisão na República Democrática do Congo na manhã de terça-feira, após um ataque reivindicado pelo Estado Islâmico, informou a Organização das Nações Unidas (ONU). Embora as autoridades locais tenham …

Amesterdão vai usar flores para impedir que os ciclistas estacionem bicicletas nas pontes

A cidade conhecida pelo uso de bicicletas, vai agora tomar uma medida em relação ao estacionamento destas nas pontes. Tudo para proteger as vistas para os seus famosos canais. Amesterdão orgulha-se de ser uma das cidades …

Morreu voluntário envolvido no ensaio da vacina de Oxford. Tinha 28 anos e era médico recém-formado

As autoridades de saúde brasileiras divulgaram esta quarta-feira a morte de um voluntário dos testes da vacina contra a covid-19, desenvolvida pelo laboratório AstraZeneca e pela Universidade de Oxford. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), …

Milo, o "comunicador de ação" que permite conversar em grupo durante atividades ao ar livre

Chegou o Milo, o novo aparelho que vai revolucionar as aventuras em grupo. Este pequeno dispositivo permite-lhe conversar com o seu grupo à distancia sem precisar de levar o smartphone para o meio da montanha, …