Rússia não assume responsabilidades no abate do MH17

(cv) Euronews / YouTube

A Rússia rejeitou os pedidos dos membros do Conselho de Segurança da ONU para assumir responsabilidades no caso do abate do voo MH17.

Esta terça-fera, a Rússia rejeitou os pedidos dos membros do Conselho de Segurança da ONU para assumir responsabilidades no caso do abate do voo MH17, quando sobrevoava a Ucrânia, em 2014.

Stef Blok, ministro dos Negócios Estrangeiros, pediu a Moscovo que aceitasse as conclusões de uma investigação, segundo a qual o avião foi abatido por um míssil Buk da 53.ª brigada antiaérea baseada em Koursk, na Rússia.

“Com base nas conclusões das equipas internacionais, a Holanda e a Austrália estão agora convencidas de que a Rússia é responsável pela instalação do sistema de mísseis Buk, usados para abater o MH17”, declarou, na semana passada, o chefe da diplomacia holandesa.

Vassily Nebenzia, embaixador russo na ONU, rejeitou os pedidos, sublinhando que a “linguagem dos ultimatos não é algo que qualquer um pode usar quando se dirige à Rússia”. “Não podemos aceitar a conclusão sem fundamento” da equipa de investigadores liderada pela Holanda, diss.

O ministro holandês desvalorizou os comentários do embaixador russo, “que não são novidade”, e instou mais uma vez a Rússia a trabalhar com a Holanda e a Austrália para identificar os responsáveis.

O voo MH17 saiu de Amesterdão, na Holanda, com destino a Kuala Lumpur, na Malásia, quando foi atingido por um míssil a leste da Ucrânia, a 17 de julho de 2014. Todos os 298 passageiros e tripulantes morreram no acidente.

A embaixadora dos Estados Unidos na ONU, Nikki Haley, expressou apoio aos pedidos para que a Rússia reconheça o papel “na tragédia” e ajude os responsáveis a prestarem contas. Apesar das negações, “não há dúvida de que a Rússia está por trás do conflito ucraniano”, disse Nikki Haley.

Para o ministro dos Negócios Estrangeiros da Ucrânia, Pavlo Klimkin, a negação russa às conclusões da investigação não é “minimamente surpreendente”.

A Ucrânia irá apresentar documentos ao Tribunal Internacional de Justiça, no próximo mês, para mostrar que a Rússia está a quebrar as convenções sobre o antiterrorismo, garantiu o ministro ucraniano.

// Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

A abstenção venceu. É a mais alta de sempre

A abstenção foi a grande figura das eleições europeias deste domingo, tendo 68,7% dos portugueses optado por não votar. A abstenção em Portugal voltou a atingir um novo recorde, enquanto que a taxa de participação …

Neurocirurgia do Hospital de São João deixa os contentores ao fim de 12 anos

O novo serviço de neurocirurgia do Hospital de S. João, no Porto, está a funcionar desde este sábado. Ao fim de 12 anos, os serviços de neurocirurgia do Hospital de S. João, no Porto, deixaram de …

Europeias: Derrota histórica para o PSD. O PS resiste, o Bloco chega-se à frente e o PAN estreia-se

A derrota do PSD, com uma desvantagem de mais de 10 pontos percentuais sobre o PS que foi o vencedor da noite eleitoral, o reforço do Bloco de Esquerda como a terceira força política e …

Sindicalista que parou o país vai representar seguranças privados

O vice-presidente do Sindicato Nacional de Motoristas e Matérias Perigosas (SNMMP), Pedro Pardal Henriques, vai acumular este cargo com a vice-presidência de um outro sindicato, o Sindicato de Segurança e Vigilantes de Portugal (SSVP), que …

Uber, táxis e Tuk-Tuk vão estar na mira da GNR

Os Ubers, táxis e Tuk-Tuk vão estar na mira da GNR que inicia, esta segunda-feira, uma operação de fiscalização intensiva aos transportes individuais de passageiros em todo o país. A fiscalização do licenciamento e a certificação …

Operação Marquês. Carlos Santos Silva e Sócrates começam a atacar a acusação

O ataque de duas das principais figuras envolvidas na Operação Marquês à acusação do Ministério Público começa nesta segunda-feira e vai prolongar-se por toda a semana. Carlos Santos Silva, esta segunda-feira, e José Sócrates, entre quarta …

ASAE encontra carne estragada e falsificada em talhos portugueses

A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) detetou carne estragada, falsificada ou abatida de forma clandestina à venda em talhos nacionais, avançou o Jornal de Notícias (JN). A notícia do JN, citada pelo Público …

Detidos dois suspeitos do ataque em Lyon

A polícia francesa deteve dois suspeitos de envolvimento na explosão no centro de Lyon que feriu 13 pessoas na sexta-feira passada, disse esta segunda-feira a Procuradoria de Paris. Anteriormente, o ministro do Interior, Christophe Castaner, anunciava, …

Isabel dos Santos diz que tem pagamento à CGD "em dia"

A filha do ex-presidente de Angola usou o Twitter para garantir que tem todos os pagamentos do empréstimo de 125 milhões de euros concedido pela Caixa Geral de Depósitos (CGD) em 2009 “em dia”. A reacção, …

Há cinco concelhos com risco máximo de incêndio

Esta segunda-feira, o dia vai ser quente. A subida das temperaturas para os próximos dias aumenta o risco máximo de incêndio em Faro, Portalegre, Santarém e Castelo Branco. Cinco concelhos dos distritos de Faro, Portalegre, Santarém …