Ricciardi acusa Morais Pires de intervir em “graves” operações financeiras

(td) Isabelmariapinto / Wikimedia, sinanyuzakli / Flickr

José Maria Espírito Santo Silva Ricciardi, Presidente do BES Investimento

José Maria Espírito Santo Silva Ricciardi, Presidente do BES Investimento

O antigo administrador do BES José Maria Ricciardi enviou esta segunda-feira uma carta ao presidente da comissão de inquérito ao caso BES, denunciando a intervenção direta de Morais Pires, antigo administrador financeiro do banco, em graves operações financeiras.

“Compreende-se que o doutor Morais Pires, interveniente direto em graves operações financeiras que estão a ser objeto de investigação criminal, pretenda não só camuflar a sua eventual responsabilidade com afirmações conclusivas sobre o meu desempenho, que não resistem ao escrutínio documental, como ainda desvalorizar a sua especial relevância dentro do banco, bem comprovada pela sua designação como substituto do dr. Ricardo Salgado em junho de 2014″, lê-se no documento a que a agência Lusa teve acesso.

Tal como avançou o Expresso, Ricciardi fez questão de reagir por escrito às declarações prestadas no Parlamento por Amílcar Morais Pires na semana passada, aproveitando para se disponibilizar para voltar à comissão de inquérito para prestar esclarecimentos adicionais.

Ao longo de 12 pontos, José Maria Ricciardi realçou que, apesar de “ter deixado de desempenhar funções efetivas a partir de junho de 2012” no Departamento de Risco Global (DRG) do BES, cuja gestão efetiva disse ter ficado na prática a cargo de Joaquim Goes, “é preciso deixar bem claro que jamais” se apercebeu da realidade das contas da Espírito Santo International (ESI), a não ser em novembro de 2013.

O presidente do BESI assegurou que as últimas contas da holding do Grupo Espírito Santo (GES) em causa que eram do seu conhecimento referiam-se ao exercício de 2011, que foram certificadas pela KPMG, não tendo havido desde então qualquer actualização.

“Era materialmente impossível aperceber-me do buraco financeiro resultante de dívida e prejuízos ocultados, que só veio a ser denunciado em setembro de 2013, na sequência do ETRICC 2”, isto é, o exercício amplo de avaliação de activos e exposição do BES solicitado pelo Banco de Portugal.

Paralelamente, sublinhou Ricciardi, “a venda e colocação de papel comercial destinada a cobrir o buraco financeiro da ESI aos balcões do BES, que já era reveladora de um inusitado aumento de prejuízo, não foi precedida de qualquer consulta ou apreciação prévia do DRG”.

Este departamento também não detinha “jurisdição de qualquer natureza sobre a ESAF [gestora de activos do BES], onde em momento anterior os fundos se encontravam consignados”, acrescentou.

E acusou: “A decisão de vender o papel comercial aos balcões do BES competia ao Departamento de Gestão da Poupança, dirigido pelo administrador, doutor Morais Pires, sem qualquer participação da Direcção Global de Risco”.

A comissão de inquérito arrancou a 17 de novembro e tem um prazo de 120 dias, que pode eventualmente ser alargado.

Os trabalhos têm por intuito “apurar as práticas da anterior gestão do BES, o papel dos auditores externos, as relações entre o BES e o conjunto de entidades integrantes do universo GES, designadamente os métodos e veículos utilizados pelo BES para financiar essas entidades”.

A 3 de agosto deste ano, o Banco de Portugal tomou o controlo do BES, após a apresentação de prejuízos semestrais de 3,6 mil milhões de euros, e anunciou a separação da instituição em duas entidades: o chamado “banco mau” (um veículo que mantém o nome BES e que concentra os activos e passivos tóxicos do BES, assim como os accionistas) e o banco de transição que foi designado Novo Banco.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Nélson Évora terminou contrato com o Sporting

Nelson Évora, campeão olímpico do triplo salto nos Jogos Olímpicos Pequim2008, vai deixar o Sporting após o fim do contrato com o clube, no sábado, confirmou à "Lusa" fonte oficial do Sporting, esta sexta-feira. O atleta, …

Nova Zelândia aprova eutanásia. Mas rejeita legalização da marijuana

Os neozelandeses aprovaram a eutanásia voluntária, mas rejeitaram a legalização da marijuana para uso recreativo, em dois referendos realizados em 17 de outubro, anunciou esta sexta-feira a Comissão Eleitoral. Cerca de 65,2% dos neozelandeses votaram a …

Governo pondera novas medidas de apoio ao emprego e empresas

O Governo está a ponderar novas medidas de apoio ao emprego e às empresas em resposta ao agravamento da pandemia de covid-19, disse hoje o ministro de Estado, da Economia e da Transição Digital, Pedro …

Cova da Piedade não joga: "Prefiro perder três pontos do que alguém perder a vida"

O jogo entre Estoril e Cova da Piedade, como se esperava, não vai ser realizado e deverão ser atribuídos três pontos ao Estoril. Diretor do Cova da Piedade não poupa nas críticas. Mais uma partida da …

Investigadores descobrem porque há pessoas infetadas sem sintomas de covid-19

Investigadores do hospital universitário de Aarhus, na Dinamarca, descobriram que algumas pessoas infetadas com o novo coronavírus não desenvolvem sintomas porque este poder ocultar o seu genoma para não ser reconhecido. Como noticiou esta sexta-feira o …

Luís Pina condenado a quatro anos de prisão pela morte de adepto italiano junto ao Estádio da Luz

O principal arguido no processo do atropelamento mortal do adepto italiano de futebol Marco Ficini, junto ao Estádio da Luz, em Lisboa, em 2017, foi hoje condenado a quatro anos de prisão efetiva, por homicídio …

Glenn Greenwald deixa Intercept e acusa editores de “censura”. Foi proibido de publicar texto sobre Biden

O cofundador do site de investigação The Intercept, Glenn Greenwald, anunciou a sua demissão e acusou os restantes editores de “censura” por terem impedido a publicação de um artigo seu sobre o candidato democrata à …

Cristiano Ronaldo está curado da covid-19

Cristiano Ronaldo está curado da covid-19, informou a Juventus esta quarta-feira através de uma nota no seu site oficial. "Cristiano Ronaldo fez o teste para Covid-19. O exame deu um resultado negativo. O jogador está, portanto, …

Investigação a Juan Carlos vai ser arquivada pela Justiça espanhola

A justiça espanhola vai arquivar a investigação ao rei emérito, Juan Carlos, aberta devido a alegados crimes fiscais e branqueamento de capitais, informaram fontes judiciais citadas pelo Confidencial. De acordo com o jornal, Juan Carlos ainda …

Concelho de Portalegre registou o seu primeiro caso (e revela "segredo" para combater pandemia)

Um comportamento recatado e os habitantes sempre alerta com "o bicho" são apontados como os "segredos" que têm "protegido" Fronteira (Portalegre) da covid-19, que só esta semana registou o primeiro infetado desde o início da …