Reivindicações da Função Pública não foram atendidas (e luta pode começar em fevereiro)

José Sena Goulão / Lusa

A coordenadora da Federação dos Sindicatos da Função Pública, Ana Avoila

O Governo não recuou na intenção de aumentar apenas os salários mais baixos. Frente Comum pode avançar para greve no fim de fevereiro e FESAP não descarta acompanhar.

As negociações estarão fechadas e a nova tabela remuneratória única da função pública poderá ir já na próxima semana a Conselho de Ministros, sem que os sindicatos tenham visto as reivindicações atendidas.

A Frente Comum decide na próxima segunda-feira se avança para uma greve nacional e a FESAP, que já antes prometeu dar uma primavera quente ao governo, vai ainda decidir se a acompanha. O Sindicato dos Quadros Técnicos do Estado não avança, de acordo com o Diário de Notícias.

Depois de uma nova reunião, na quinta-feira, liderada pela secretária de Estado da Administração Pública, Fátima Fonseca, o governo mantém a posição de mexer apenas no fundo da tabela, com uma valorização salarial para os 635,07 euros a incidir nas remunerações mais baixas – os três níveis inferiores, que atualmente alcançam os 583,58 euros, e que serão eliminados.

O objetivo é gastar no máximo 50 milhões de euros, acolhendo na atualização 70 mil trabalhadores e deixando mais de 600 mil de fora.

A mudança irá anular também a progressão a quem, nos salários mais baixos, tenha reunido créditos para subir de escalão até aqui. Para a Frente Comum, “isso foi clarinho e foi assumido” na reunião. A estrutura reúne-se em plenário na segunda-feira para decidir formas de luta a adotar no final de fevereiro.

A FESAP, no entanto, ainda acredita numa solução e faz depender dela a decisão de avançar para greve ou manifestação, sozinha ou com a Frente Comum. “No dia em que soubermos que as pessoas deitam os pontos fora e que se verifica um apagão, não tenham dúvidas de que no dia seguinte temos de decidir todas as formas de luta. Não é só de um dia nem será só para os próximos tempos”, avisou o secretário-geral, José Abraão.

Para o Sindicato dos Quadros Técnicos do Estado, que acusou o governo de não ser claro no processo negocial, a última reunião do processo significou também um desfecho pouco certo. “Na próxima semana será provavelmente aprovado em Conselho de Ministros e, portanto, está encerrado”, afirmou Helena Rodrigues, presidente do STE. Mas “é uma coisa que não percebemos, que não está clara. Tem um desenvolvimento futuro que nós vamos ver o que é”.

Helena Rodrigues avisou que a proposta do governo deixa de fixar que a posição mais baixa da tabela é equivalente ao salário mínimo – determina agora que “é igual ou superior a 635,07 euros”. Esta proposta não é clara e não conseguimos perceber o que é que ela quer significar. Provavelmente, uma desconstrução da tabela remuneratória única. Diz-nos que o futuro nos trará surpresas, mas não sabemos quais são”, disse.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Estudo mostra que o canguru gigante tinha uma parecença com os pandas

O já extinto canguru gigante tinha uma característica muito semelhante com o panda-gigante dos dias modernos: grandes mandíbulas que lhe permitiam comer alimentos que outros animais não conseguiam. Há mais de 40 mil anos, o sudoeste …

Assunção Cristas contra o "ditador" verde e André Silva contra a "despesista" demagoga

O debate deste sábado, transmitido pela RTP3, sentou frente-a-frente os líderes do CDS e do PAN. Assunção Cristas contou quantas vezes o programa do adversário usa a palavra "proibir" e André Silva acusou os centristas …

Poluição no rio Lis arrasta-se há mais de 20 anos

A poluição na bacia hidrográfica do rio Lis arrasta-se há mais de duas décadas, com o contributo das descargas ilegais das suiniculturas, mas a construção da estação de tratamento de efluentes suinícolas tem sido adiada …

No Quénia, há meninas a faltar às aulas por não terem acesso a tampões

No Quénia, há adolescentes que não têm dinheiro para comprar pensos higiénicos ou tampões. Por isso, faltam às aulas. O Expresso conta a história de uma menina queniana, de 14 anos, que não aguentou ser humilhada …

As sestas podem ser boas amigas do coração

Fazer uma sesta uma ou duas vezes por semana pode reduzir o risco de ataque cardíaco ou AVC. No entanto, se fizer mais sestas do que o recomendado, os benefícios desaparecem. Uma equipa de cientistas decidiu …

Qual o tamanho mínimo para que um planeta possa ser habitável? Cientistas responderam

Uma equipa de cientistas de Harvard revelou o tamanho crítico abaixo do qual um planeta nunca pode ser habitável, mesmo que esteja numa área com uma distância à sua estrela que permita a existência de …

Criatura com "cabeça de canivete suíço" deu origem aos escorpiões e às aranhas

Encontrada no Canadá, esta nova espécie de fóssil provou ser o quelicerado mais antigo, situando a origem dos escorpiões e das aranhas há 500 milhões de anos. Com o tamanho de um dedo polegar, olhos em …

Benfica 2-0 Gil Vicente | "Águia" q.b. bate minhotos aguerridos

O Benfica cumpriu frente ao Gil Vicente, no Estádio da Luz, e venceu por 2-0, com um golo a fechar a primeira parte e outro a abrir a segunda. A formação “encarnada” sentiu muitas dificuldades para …

Há cidades que, em 2050, vão ser quentes demais para se visitar

Em 2050, há cidades que vão ser vítimas do flagelo das alterações climáticas. As altas temperaturas vão impedir que os turistas explorem cada recanto destas metrópoles. Os efeitos das alterações climáticas são cada vez mais visíveis.. …

As legislativas não se ganham nas sondagens, alerta Costa

Após ter sido divulgada mais uma sondagem este sábado, António Costa afirmou que as eleições não se ganham nas sondagens e apelou para a mobilização de modo a garantir a vitória. O secretário-geral do PS, António …