Nova Deli registou 123 mil casos. Afinal, podem ser 6,6 milhões

Jagadeesh Nv / EPA

O Centro Nacional para o Controlo de Doenças da Índia revelou, esta terça-feira, que cerca de 23% da população do estado de Nova Deli já esteve infetada com covid-19.

De acordo com a Associated Press, foram testadas 21.387 pessoas, escolhidas de forma aleatória de entre os 29 milhões de habitantes do estado, onde fica Nova Deli, a capital da Índia.

Até ao momento, foram registados oficialmente 123.747 casos de infeção na região e 3.633 óbitos. A principal conclusão deste estudo, de acordo com Sujeet Kumar Singh, responsável pelo Centro Nacional para o Controlo de Doenças da Índia, é a de que os números reais na pandemia serão, afinal, muito mais elevados.

O estudo revelou que 23,48% das pessoas testadas tinham anticorpos para o novo coronavírus. A estimativa final do Centro Nacional para o Controlo de Doenças fixou-se nos 22,86%.

Assim, o estudo, que apenas se refere à capital indiana, que tem 29 milhões de habitantes, aponta para um valor muito mais elevado do que foi registado oficialmente: 6,6 milhões de casos de infeção, sendo que a maior parte deles não foram detetados nem identificados.

De acordo com Jayaprakash Muliyil, epidemiologista que faz parte da equipa de conselheiros do governo indiano para a gestão da pandemia, o estudo pode pecar por defeito. “É preciso olhar para os vários grupos diferentes”, alertou, explicando que os resultados representam uma média, pelo que a percentagem real de infeções deverá ser bastante mais elevada em algumas zonas, nomeadamente nos bairros de lata.

Especialistas suspeitam que muitas mortes, especialmente entre os idosos, não estão a ser registadas nos números oficiais. Os testes são ainda mais limitados fora da capital.

Os valores são superiores aos detetados no início do mês em Espanha, onde um estudo publicado na revista científica Lancet fixou nos 5,2 a percentagem da população com imunidade para a covid-19 e apontou para a possibilidade de os anticorpos desenvolvidos para lutar contra a doença desaparecerem ao fim de algumas semanas.

A Índia, que é o segundo país mais populoso do mundo, é o terceiro mais afetado pela covid-19, a seguir aos Estados Unidos e ao Brasil. O país tem mais de um milhão de casos de infeção (1.194.888) e 28.771 óbitos.

No início da pandemia, o vírus estava amplamente restrito às cidades do país, onde as populações tendem a ser mais jovens e onde há mais hospitais. Porém, surtos preocupantes foram detetados em áreas rurais com sistemas de saúde mais frágeis e em estados com populações mais velhas.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Cada qual conta consoante lhe convêm, um país destes o segundo mais habitado do planeta com condições de vida miseráveis, que pensar de tudo isto?

RESPONDER

Corrida à Câmara de Lisboa divide CDS. Mesquita Nunes junta-se aos críticos

A escolha de Filipe Anacoreta Correia, em vez de João Gonçalves Pereira, para número dois da lista à Câmara de Lisboa está a gerar uma guerra interna no CDS. A escolha de Filipe Anacoreta Correia para …

Tragédia Hillsborough: morreu uma vítima, depois de 32 anos em estado vegetativo

Andrew Devine faleceu aos 55 anos. É oficialmente a 97.ª pessoa a morrer por causa do desastre em 1989, em Sheffield. De 15 de abril de 1989 até 27 de julho de 2021 passaram mais de …

Trabalhadores da Google só regressam aos escritórios em outubro e todos vacinados

A maioria dos trabalhadores da Google só regressará aos escritórios em meados de outubro, depois de ser totalmente vacinada, numa tentativa de combater a disseminação da variante Delta do novo coronavírus SARS-COV-2, anunciou esta quarta-feira …

Primeiro-ministro tunisino terá sido agredido antes de concordar em renunciar

O primeiro-ministro da Tunísia, Hichem Mechichi, terá sido alegadamente agredido dentro do palácio presidencial antes de ser afastado de cargo pelo chefe de Estado do país, Kais Saied. Mechichi e o restante governo foram demitidos na …

Comissão Europeia envia primeiro “cheque” do PRR na próxima semana

A Comissão Europeia irá fazer o pagamento da primeira verba do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) no decorrer da próxima semana. Na sessão de assinatura dos contratos do Mecanismo de Recuperação e Resiliência da União …

Marcelo pede ao TC fiscalização do artigo 6.º da Carta de Direitos na Era Digital

O Presidente da República pediu, esta quinta-feira, ao Tribunal Constitucional a fiscalização sucessiva do artigo 6.º da Carta Portuguesa de Direitos Humanos na Era Digital em vigor, tendo em conta o "importante debate público" sobre …

Portugal regista mais 10 mortes e 3009 casos de covid-19

Portugal registou, esta quinta-feira, mais 10 mortes e 3009 casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da DGS, dos 3009 novos …

Ministra da Coesão diz que Portugal vai precisar de imigrantes

A ministra da Coesão Territorial disse hoje que a perda de população é preocupante e que Portugal vai ter de trabalhar numa política de imigração muito ativa e acolhedora para fazer face aos investimentos previstos. "Estando …

Testes rápidos serão gratuitos até ao final de agosto

A comparticipação a 100% dos testes rápidos de antigénio (TRAg), que vigorava até final do mês, foi alargada até 31 de agosto, segundo uma portaria esta quinta-feira publicada em Diário da República. "Perante a atual situação …

Tiago Antunes acusa Rui Rio de usar Constituição como "moeda de troca" para agradar ao Chega

No podcast Política com Palavra do PS, o secretário de Estado adjunto do primeiro-ministro, Tiago Antunes, acusou Rui Rio de propor a revisão da Constituição e do sistema eleitoral como "moeda de troca" para o …