PSD-Lisboa provoca Passos

PSD / Flickr

O presidente do PSD, Pedro Passos Coelho

Passos Coelho ainda não definiu quem vai ser o candidato do PSD à Câmara de Lisboa, nas eleições autárquicas do próximo ano, mas a concelhia do partido já escolheu quem vai coordenar o programa político e é um crítico do líder social-democrata.

José Eduardo Martins, ex-secretário de Estado de um governo PSD e uma das vozes mais críticas de Passos Coelho, nos últimos tempos, foi a figura escolhida pelo PSD-Lisboa para a coordenação do programa eleitoral para a capital nas próximas autárquicas.

Uma decisão que está a ser encarada como uma “provocação” a Passos Coelho, avança o Diário de Notícias, lembrando que José Eduardo Martins é um “crítico do líder social-democrata”.

Eduardo Martins chegou a ser “desafiado” a candidatar-se à autarquia lisboeta por Aguiar-Branco, ex-ministro da Defesa, durante o congresso do partido, em Abril passado, após ter tecido duras críticas a Passos Coelho, segundo lembra o jornal.

Mas ele recusa a ideia de poder vir a ser candidato e diz que vai apenas “coordenar o programa do PSD”, conforme declarações ao DN.

É um desafio não para ter protagonismo, mas para ajudar o PSD numa tarefa muito importante”, frisa Eduardo Martins no diário, admitindo ainda que gostaria de ver Pedro Santana Lopes à frente da candidatura social-democrata.

Maria Luís Albuquerque e Jorge Moreira da Silva têm sido anunciados como possíveis segundas escolhas, caso Santana Lopes não avance.

E perante o impasse na saída de uma decisão do PSD quanto ao seu candidato a Lisboa, tanto mais depois de o CDS-PP ter divulgado a aposta em Assunção Cristas, a atitude da concelhia social-democrata na capital está a ser vista como uma forma de pressionar Passos a tomar uma decisão.

O líder da concelhia, Mauro Xavier, recusa a ideia e diz apenas que “faz parte da estratégia do PSD Lisboa, discutir primeiro o projecto e depois os nomes“, em consonância com aquilo que Passos Coelho tem dito, conforme transcreve o DN.

Uma fonte descrita no DN como “próxima do líder do PSD” também afasta polémicas e salienta que o partido manterá a estratégia definida para as autárquicas, realçando que “as secções têm autonomia para implementar os seus próprios planos de acção” e que Passos “não tem que se pronunciar sobre esses planos”.

Mas no CDS, um vice-presidente considera ao DN que a candidatura de Assunção Cristas a Lisboa veio agravar o “nervosismo” no PSD e o “vazio” quanto à falta de um candidato forte.

ZAP

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Santana não vai ser apoiado. Passos não gosta dele, é elemento a queimar. Mas,..Sim senhor,… uma rabuda avantajada contra uma dona de casa sedutora. Vai ser uma folia.

RESPONDER

Morreu Marie Fredriksson, vocalista dos Roxette

A cantora sueca Marie Fredriksson, dos Roxette, morreu segunda-feira aos 61 anos, anunciou esta terça-feira a sua manager em comunicado. Marie Fredriksson, vocalista e co-fundadora da banda Roxette, faleceu esta segunda-feira, aos 61 anos. A morte …

Taxa de sucesso no ensino profissional atinge os 63%. É o valor mais alto de sempre

No ano letivo de 2017/2018, 63% dos alunos inscritos no ensino profissional concluíram os seus cursos no tempo previsto, mais dez pontos percentuais do que quatro anos antes, avança o jornal Público. De acordo com um …

Regra para filhos de pais separados em casas alternadas divide partidos

A lei já prevê que os filhos de pais separados possam ficar em residência alternada se o tribunal assim o decidir. Porém, as regras não são claras e vai ser discutida a melhor forma de …

Helicóptero do INEM avariou durante missão. Vítima que ia socorrer acabou por morrer

Um helicóptero do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM), localizado em Loulé, teve uma avaria a meio de uma missão de socorro, sendo obrigado a abortar a viagem que visava ajudar uma mulher de 22 …

Águas do Porto alerta para cobranças fraudulentas porta a porta

A empresa municipal Águas do Porto alertou, esta segunda-feira, para uma fraude que está a ser cometida em seu nome com falsos funcionários que tentam fazer cobranças à porta. De acordo com a Águas do Porto, …

Um terço dos universitários de Lisboa já sofreu violência sexual física

Um terço dos estudantes universitários da área metropolitana de Lisboa já foi vítima de violência sexual física pelo menos uma vez, mas são muitos poucos os que denunciam as agressões, raramente o fazendo à …

OE2020: Esquerda vai negociar "até ao último minuto". PSD não comenta eventual traição madeirense

O Governo apresentou, nesta terça-feira, na Assembleia da República, as linhas gerais da proposta de Orçamento do Estado para 2020 (OE2020) aos partidos com representação parlamentar. Dos encontros, não saiu fumo branco, com o Bloco …

Turismo fez subir o custo de vida dos portugueses. Salários continuam estagnados

O crescimento do turismo em Portugal fez crescer o custo de vida dos portugueses, especialmente nos que vivem nas grandes cidades, apesar de estes continuarem com os salários estagnados, escreve o Jornal de Notícias. Entre 2013 …

Contrato público. Amazon apresenta queixa em tribunal contra Trump

A Amazon revela que os "insistentes ataques públicos e de bastidores" de Donald Trump contra Jeff Bezos causaram "pressão" que levou à perda de contrato público com o Departamento de Defesa.  A Amazon apresentou uma queixa …

Empurrões, insultos e (talvez) um murro: Sérgio Conceição e Pedro Ribeiro perderam as estribeiras no túnel do Jamor

Os treinadores de FC Porto e Belenenses, Sérgio Conceição e Pedro Ribeiro, desentenderam-se no túnel de acesso ao relvado do Estádio Nacional, ao intervalo do jogo em que as duas equipas empataram a uma bola. …