Álvaro Almeida é o candidato do PSD à Câmara do Porto

Ana Gasston / Flickr

Edifício da Câmara Municipal do Porto, na Avenida dos Aliados

Edifício da Câmara Municipal do Porto, na Avenida dos Aliados

A concelhia do PSD do Porto aprovou hoje, por maioria, o nome de Álvaro Almeida para cabeça-de-lista à câmara local nas próximas eleições autárquicas, indica um comunicado daquela estrutura.

“Reunidos no dia 13 de janeiro de 2017, os membros eleitos da Comissão Política Concelhia do PSD do Porto aprovaram por maioria o professor Álvaro Santos Almeida como candidato pelo PSD a presidente da Câmara Municipal do Porto nas próximas eleições autárquicas”, refere a concelhia do PSD do Porto.

Em comunicado, assinado pelo presidente Miguel Seabra, a concelhia explica que “o processo de ratificação do candidato segue agora o curso estatutário para aprovação na Comissão Política Distrital do Porto e, posteriormente, para aprovação pelo senhor presidente do PSD, Pedro Passos Coelho“.

“Este dia culmina um processo que, desde que fomos eleitos, pretendemos exigente, metódico e intelectualmente honesto. Fizemos a nossa parte. Chegamos pois à etapa da ratificação do candidato”, assinala a concelhia.

A comissão política realça ter encarado “esta missão, desde o primeiro dia, com responsabilidade e confiança” e pretender “apresentar ao Porto um dos seus melhores”. “E estamos convencidos de que o estamos a fazer“, frisa.

Álvaro Almeida junta-se assim à corrida à Câmara do Porto para as autárquicas deste ano que conta, para já, apenas com o atual presidente, o independente Rui Moreira, que tem do seu lado o apoio formal quer do PS, quer do CDS, que desistiram de apresentar candidato próprio.

Álvaro Fernando Santos Almeida nasceu no Porto a 17 de novembro de 1964, licenciou-se em Economia pela Faculdade de Economia do Porto e doutorou-se em Economia pela SE – London School of Economics and Political Science.

Entre 1997 e 2000 residiu em Washington, DC, EUA, onde foi Economista no Policy Development and Review Department do Fundo Monetário Internacional.

No final de 2000, Álvaro Almeida regressou a Portugal, tendo sido Presidente do Conselho de Administração da Espaço Atlântico – Formação Financeira, vice-presidente do Conselho de Administração da CapNet – SGPS e Presidente do Conselho Diretivo da Entidade Reguladora da Saúde.

Em 2015, Álvaro Almeida foi nomeado pelo então ministro da Saúde, Paulo Macedo, para a Administração Regional de Saúde do Norte, cargo a que renunciou no início de 2016.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Nova Iorque quer oferecer vacina aos turistas. Miami vai começar a vacinar no aeroporto

Em Nova Iorque os turistas irão receber a vacina da Johnson & Johnson e em Miami a vacina da Pfizer. Com o objetivo de reativar o turismo na cidade, as autoridades de Nova Iorque querem oferecer …

Carta misteriosa escrita por passageira do Titanic está a intrigar os peritos

Uma equipa de investigadores está a tentar desvendar um mistério que envolve uma carta que terá sido escrita por uma jovem a bordo do Titanic na véspera do naufrágio. Uma família encontrou a carta numa garrafa …

Violência na Colômbia preocupa comunidade internacional

Várias cidades colombianas continuam a ser palco de violentas manifestações contra o Governo do país, mas são reprimidas com força pela polícia e por militares. As manifestações começaram em forma de protesto contra uma reforma tributária …

Veterana de Bletchley Park tem um novo código da 2.ª Guerra para decifrar (mas precisa de ajuda)

Um casal que encontrou mensagens codificadas da II Guerra Mundial sob o assoalho está tentar decifrá-las com a ajuda do seu vizinho, um decifrador de códigos de Bletchley Park. John e Val Campbell encontraram um esconderijo …

"Caixas mistério" com animais de estimação geram indignação na China

Uma nova moda conhecida como "caixa mistério" ganhou popularidade na China. O método consiste em fazer uma encomenda através da internet e é enviada, pelo correio, uma caixa com um animal de estimação. Estas encomendas estão …

Arquivos da polícia do Estado Islâmico revelam como era a vida sob o califado

Arquivos da polícia do Estado Islâmico, conhecida como shurta, revelam como era a vida sob o califado. Os polícias eram tão bem pagos que não podiam ser subornados. Não é sempre que os regimes mirram …

Barco português detido por ancorar ilegalmente em águas da Malásia

Um navio mercante registado em Portugal está retido na Malásia por ter alegadamente ancorado em águas territoriais do país sem autorização, avançou esta sexta-feira a Guarda Costeira malaia. Num comunicado, Nurul Hizam Zakaria, diretor da agência …

”Eficácia e qualidade”. OMS aprova vacina chinesa da Sinopharm

A Organização Mundial da Saúde (OMS) aprovou, esta sexta-feira, o uso de emergência da vacina chinesa contra a covid-19 da Sinopharm. Trata-se da primeira vacina desenvolvida pela China a ser aprovada pela organização, lembra a agência …

Sem estado de emergência não pode haver confinamento de pessoas saudáveis

O constitucionalista Jorge Reis Novais defendeu hoje que sem estado de emergência que suspenda a garantia do artigo 27.º da Constituição não pode haver confinamento de pessoas saudáveis, até uma eventual revisão constitucional. Por outro lado, …

"Neuro-direitos". O Chile quer proteger os seus cidadãos do controlo da mente

O Chile quer tornar-se o primeiro país a proteger as pessoas do controlo da mente, à medida que a capacidade de mexer com cérebros se aproxima cada vez mais da realidade. O senador Guido Girardi está …