PSD propõe que Estado pague as dívidas aos fornecedores

O Conselho Estratégico Nacional (CEN) do PSD propõe que o Estado use a almofada financeira do IGCP para pagar os 4 a 5 mil milhões de euros de dívidas aos fornecedores, durante as próximas duas semanas.

Em comunicado, o presidente do CEN, Joaquim Sarmento, explica que esta medida “injeta liquidez imediata nas empresas e não afeta o défice, dado que a despesa que deu origem a essa dívida a fornecedores, em contas nacionais, já foi registada”.

Sarmento considera que esta é uma medida possível caso seja usada a chamada ‘almofada financeira’ do IGCP, “que serão cerca de 10 a 12 mil milhões de euros”. Citado pelo Observador, o social democrata realça que esta almofada “pode ser reforçada ou através de um aumento das emissões de bilhetes de Tesouro ou através de uma emissão de médio prazo de obrigações do Tesouro”.

O PSD avança também que brevemente vai apresentar um conjunto de medidas, a nível nacional e europeu, “para procurar mitigar a crise de liquidez que já se abate sobre as empresas nacionais, e que se irá agravar muito durante os meses de abril e maio”.

Posteriormente, “quando os efeitos económicos e financeiros do Covid-19 forem já mensuráveis e já se tiver uma ideia clara da resposta a nível europeu”, o grupo de economistas e gestores do CEN vai apresentar “um programa de recuperação da economia nacional e de aumento da sua competitividade, de capitalização das empresas e de aumento da competitividade, via mais investimento, exportações e emprego”.

“Portugal não pode sair desta crise de saúde pública com uma economia destruída”, realça Joaquim Miranda Sarmento.

“Nestas últimas semanas, o PSD tem mantido contacto com o Governo, procurando apoiar as medidas tomadas, analisando-as e contribuindo com sugestões e propostas para a sua melhoria”, acrescentou aquele que é conhecido como o ‘Centeno do PSD’.

O PSD pede então uma resposta imediata a esta crise, procurando garantir “que o máximo de empresas que fecharam ou venham a fechar temporariamente por causa do covid-19 voltem a abrir quando a quarentena e este período de exceção passar”.

ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Calma lá, então também quero que o estado pague as minhas pois tenho o mesmo direito que uma qualquer empresa!
    Arranjar uma maneira de adiar, sim, pagar as empresas que as paguem!

    • A proposta consiste em pagar neste momento todos os valores que o Estado está a dever a empresas fornecedoras.
      O Estado (ministérios, municípios, empresas públicas, institutos públicos, hospitais, etc) pagam aos seus fornecedores de bens e serviços com atrasos enormes que chegam a mais de 12 meses.
      Há muitos casos tristes de empresas que são alvo de penhoras por dívidas às Finanças quando o Estado lhes deve mais do que elas devem aos Estado.

  2. «…Portugal não pode sair desta crise de saúde pública com uma economia destruída…»

    Não seria mais fácil acabar com a prisão domiciliária infundada dos cidadãos decretada pelo sr. Marcelo Sousa, deixar-mo-nos de tretas e tristes espectáculos como este do coronavírus covid-19 ou de que enfrentamos uma «crise de saúde pública», e resolver-mos em conjunto a crise económica como pessoas adultas e racionais?

RESPONDER

Cofundador do Twitter doa 28% da riqueza para causas solidárias. Incluindo combate à Covid-19

O cofundador do Twitter, Jack Dorsey, anunciou que vai doar mil milhões de dólares (920 milhões de euros), 28% da sua riqueza pessoal, para causas solidárias, incluindo a luta contra a pandemia da Covid-19. Numa mensagem …

Reclusos libertados e cortes de água, luz, gás e internet suspensos

Esta quarta-feira, no Parlamento, a esquerda viabilizou o projeto do Governo para libertar reclusos. O PS vai ainda viabilizar as propostas do PCP e do BE que suspendem cortes na água, luz, gás e internet. A …

Pandemia deixa passaporte português mais "forte". É o sexto mais poderoso do mundo

A pandemia desencadeada pelo novo coronavírus oriundo da China (covid-19) tornou o passaporte português mais forte. O documento português subiu uma posição no ranking da Henley Passport Index, estando agora o documento na sexta posição dos …

SAD do Leixões avança para lay-off

A SAD do Leixões propôs ao plantel "que nos próximos três meses, abril incluído, pagaria metade do salário em cada mês, valores que seriam repostos ao longo do trimestre que se seguiria". O plantel do Leixões, …

Rui Pinto colocado em prisão domiciliária

O hacker Rui Pinto, criador do Football Leaks e autor das revelações do caso Luanda Leaks, foi colocado em prisão domiciliária esta quarta-feira. Rui Pinto, que estava em prisão preventiva desde 22 de março de 2019, …

Detidas 33 pessoas desde a renovação do estado de emergência

A PSP e a GNR detiveram, até terça-feira, 33 pessoas pelo crime de desobediência desde 3 de abril, totalizando 141 as detenções feitas desde o início do estado de emergência, indicou o Ministério da Administração …

Bruxelas disponibiliza 300 milhões de euros a pequenas e médias empresas para alavancar investimentos

O programa "Escalar" disponibiliza 300 milhões de euros, através do Fundo Europeu de Investimento, para apoiar investimentos de pequenas e médias empresas "promissoras" que queiram crescer. A Comissão Europeia anunciou que vai disponibilizar 300 milhões de …

Maçonaria cancela eleições e proíbe rituais em sessões virtuais

A pandemia de Covid-19 levou o Grão Mestre do Grande Oriente Lusitano, Fernando Lima, a principal obediência maçónica em Portugal, a cancelar as eleições e a proibir os encontros com rituais maçónicos 'online', visto que …

Mourinho quebra regras e assume que errou ao ir treinar com Ndombele

Fotografias e vídeos divulgados nas redes sociais mostram José Mourinho e os jogadores do Tottenham a treinar juntos e a violar as regras de segurança impostas devido ao surto do novo coronavírus. O Tottenham, treinado por …

Rússia bate recordes de infeções diárias. Em Itália, o número de mortes voltou a diminuir

Há três dias consecutivas que o número de novos casos bate recordes de crescimento na Rússia. Já em Itália, o número de mortes voltou a diminuir esta quarta-feira. Pelo terceiro dia consecutivo, o crescimento de número …