Presidente da Câmara de Pedrógão usou incêndios para justificar propaganda eleitoral

Município de Pedrógão Grande / Facebook

O presidente da Câmara de Pedrógão Grande, Valdemar Alves, com o primeiro-ministro, António Costa

O presidente da Câmara de Pedrógão Grande, que foi reeleito no domingo, com mais de 50% dos votos, foi condenado pelo Tribunal Constitucional e pela Comissão Nacional de Eleições por ter usado os meios da autarquia para fazer campanha eleitoral. O autarca argumentou que o fez por causa dos incêndios florestais.

Está em causa uma carta intitulada “Esclarecimento do Presidente da Câmara Municipal, Valdemar Alves, aos Munícipes de Pedrógão Grande” que foi enviada pelo já então autarca aos eleitores da localidade, durante a campanha eleitoral, e que mereceu uma queixa do PSD.

Analisando o caso, o Tribunal Constitucional (TC) e a Comissão Nacional de Eleições (CNE) condenaram o comportamento de Valdemar Alves, conforme reporta a TSF, acusando-o de usar “meios do município para promover a sua candidatura”.

Em sua defesa, o presidente da Câmara argumentou que só quis dar uma explicação sobre o que aconteceu depois dos trágicos incêndios deste Verão e “agradecer a todos”, conforme cita a TSF.

Todavia, para o TC e para a CNE, a atitude do autarca configura uma violação dos deveres de “neutralidade e imparcialidade” devidos aos governantes em funções, nomeadamente quando dispõem de fundos públicos.

A TSF nota, ainda, que Valdemar Alves foi também alertado pelo TC e pela CNE para retirar uma mensagem “auto-elogiosa” que publicou no Facebook da Câmara Municipal, a 3 de Maio passado, e que não devia continuar online durante a campanha eleitoral. Mas o autarca manteve a publicação até hoje, destaca a rádio.

No fim de contas, Valdemar Alves, que no mandato anterior tinha concorrido pelo PSD, venceu de novo a autarquia, desta feita com as cores do PS e com os mesmos 56% de votos.

ZAP //

PARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

  1. Sim senhora…

    Para além de ser um “vira casacas” faz campanha com o N/ dinheiro e quais as consequências…
    Nada… pelo que se vê…

    Se assim é para que serve a legislação e as recomendações da CNE???

  2. Se não tivesse feito nada é porque não ligava às vitimas dos incêndios, assim como fez é campanha eleitoral.
    Enquanto foi laranja podia fazer tudo, como mudou para rosa, já é um malandro.
    Decidam o que querem.

  3. Este senhor é um dos principais responsáveis pelo que se passou neste concelho em junho deste ano!
    Agora volta a ser reeleito, é certo que tão cedo não terá de se preocupar com novos incêndios, pois o concelho ardeu praticamente todo, e para voltar a ser o que era serão necessários mais que 4 anos…
    Num país de corruptos quem paga é sempre o mesmo… mas aqui se votaram nele é porque acham que este trabalhou bem…
    “Não faziam limpeza, pois as matas erram privadas” -> uma das suas melhores fazes… “A lei diz que devem notificar e no caso de não ser feita devem agir limpado e enviado as faturas para os proprietários” ou mais ou menis assim!

    • É verdade, mas era do PSD e como era a época da Troika, devia querer ajudar o Passos e não arranjar despesa
      e nessa altura não era criticado, Agora é do PS e surgem as criticas.
      Mas votaram nele. È como em OEIRAS, esteve preso e ganhou com maioria absoluta.

      Enfim……

    • A sério?
      Se não for pedir muito, não nos queres explicar porquê?
      É que esse teu cometário parvo contrasta em tudo com a opinião da população (e vitimas) de Pedrogão que votaram nele.
      .
      Se ele usou meios da autarquia, é errado/ilegal e terá que ser penalizado por isso.
      Mas, ele não era do PSD. Era independente e foi convidado pelo PSD, que nestas eleições lhe virou as costas, e ele decidiu (e a meu ver, bem), candidatar-se pelo PS.

  4. Este de facto de duro crítico à acção do governo no caso dos incêndios passou a apoiante e mais ainda, recandidatou-se com o emblema PS, agora parece ser acusado de corrupção e se estar a servir em proveito próprio dos dinheiros que eu e milhares de portugueses e não só deram com a melhor das intenções para aliviarem o sofrimento daquelas gentes vitimadas pelos incêndios, com tudo isto só me parece é que talvez tenha sido coerente com a sua própria pessoa e decidiu mudar para o lugar certo.

Presidente do Afeganistão reeleito para segundo mandato

O Presidente do Afeganistão foi reeleito para um segundo mandato com 50,64% dos votos, anunciou a comissão eleitoral independente afegã, esta terça-feira, ao divulgar os resultados definitivos das eleições realizadas em setembro passado. "A comissão eleitoral …

Mário Ferreira torna-se o segundo maior acionista da Cofina

O empresário português vai investir 20 milhões de euros no aumento de capital da Cofina, o suficiente para tornar-se o segundo maior acionista da empresa. De acordo com o semanário Expresso, o empresário Mário Ferreira deverá …

Índia dá às mulheres direitos iguais aos dos homens em cargos militares

O Supremo Tribunal indiano decidiu que as mulheres têm os mesmos direitos que os homens para assumir funções de liderança no exército da Índia e criticou os argumentos do Governo que considera perpetuarem "estereótipos de …

Identificado 12.º caso suspeito de coronavírus em Portugal

A Direção-Geral da Saúde (DGS) informou, esta terça-feira, que foi validado um novo caso suspeito de infeção por novo coronavírus (Covid-19) em Portugal. De acordo com o comunicado da Direção-Geral da Saúde (DGS), citado pelo jornal …

Autoridade Tributária alerta contribuintes para novo e-mail fraudulento

A Autoridade Tributária e Aduaneira (AT) alertou, esta terça-feira, para um e-mail que está a ser enviado aos contribuintes, solicitando-lhes que regularizem dívidas fiscais e avisa que a mensagem é falsa e deve ser apagada. Num …

União Europeia acrescenta quatro paraísos fiscais à "lista negra"

Ilhas Caimão, Palau, Panamá e Seicheles juntam-se a Samoa Americana, Fiji, Guame, Samoa, Omã, Trindade e Tobago, Vanuatu e Ilhas Virgens Americanas na lista de não respeitadores das regras comunitárias. O Conselho da União Europeia (UE) …

"Relação estava cristalizada". PS satisfeito com retoma do "diálogo cordial" com CDS

O presidente do PS saudou, esta terça-feira, a "retoma" de um relacionamento "cordial" com a nova direção do CDS-PP em torno de matérias de interesse nacional, considerando que se verificou uma transição e acabou uma …

Ministra espanhola não pensa "nem um segundo" em substituir Centeno

A ministra dos Assuntos Económicos de Espanha, Nadia Calviño, assegurou que não dedica “nem um segundo” a pensar numa candidatura à presidência do Eurogrupo, apontando que Mário Centeno “está a fazer um excelente trabalho”. A cerca …

Grupo alemão de extrema-direita tinha planos "assustadores" para atacar mesquitas

Um grupo alemão de extrema-direita, em que 12 elementos foram detidos na semana passada, é suspeito de planear ataques em larga escala "assustadores e chocantes" contra muçulmanos, semelhantes aos realizados na Nova Zelândia no ano …

Novo Banco deverá pedir perto de mil milhões de euros ao Fundo de Resolução

O Novo Banco prepara-se para pedir uma nova injeção ao Fundo de Resolução a rondar os mil milhões de euros. Com este montante, o banco atinge o teto definido na venda ao fundo Lone Star. O …