Perito que analisou incêndios acusa EDP de “cortar” provas da investigação

Paulo Cunha / Lusa

Incêndio em Pedrógão Grande

Depois do incêndio de Pedrógão Grande, a EDP “cortou toda a vegetação” na zona onde o fogo terá começado, impedindo a investigação detalhada da situação, acusa o director do Centro de Estudos sobre Incêndios Florestais da Universidade de Coimbra, Domingos Xavier Viegas, que integrou uma das comissões de análise ao trágico evento que matou 64 pessoas.

As declarações de Domingos Xavier Viegas são divulgadas pelo Notícias de Coimbra e foram proferidas depois da palestra “Uma abordagem da ciência aos incêndios florestais”, realizada no Departamento de Física da Universidade de Coimbra (UC).

A análise feita pelo Centro de Estudos sobre Incêndios Florestais ao incêndio de Pedrógão Grande concluiu que o fogo começou devido ao contacto de uma linha de média tensão da EDP com a vegetação.

Xavier Viegas reforça, agora, aquela ideia, acusando a EDP de “más práticas” e de “desleixo”, cita o jornal.

“Pelo que temos visto nos indícios que temos recolhido, dá ideia de algum desleixo por parte desta instituição relativamente à manutenção das linhas eléctricas na distância entre a folhagem das árvores e as linhas”, refere o professor de Engenharia Mecânica na UC.

Durante a palestra, Xavier Viegas disse ainda que a EDP ocultou provas à investigação. O professor refere que, apesar de ter sido pedido ao Ministério Público (MP) que “embargasse a zona” onde terá começado o incêndio, para investigações mais detalhadas, “a EDP chegou lá e cortou toda a vegetação“.

Xavier Viegas também considerou que o incêndio em Mortágua, em 2005, “em que morreram quatro sapadores de Coimbra, foi causado por uma linha eléctrica de 15 quilovolts”, cita o Notícias de Coimbra. Assim, o professor diz que é preciso travar a empresa eléctrica, para evitar que as alegadas más práticas prossigam.

O perito deixa ainda críticas ao Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF), considerando que este organismo público “está coxo” e “esvazia-se de ano para ano”. “Não o vejo a fazer coisa alguma”, diz.

Sobre os incêndios, o jornal Público apurou, entretanto, que o ex-secretário de Estado Jorge Gomes impediu o reforço da Força Especial de Bombeiros, antes da época de incêndios.

O governante terá alegado que era “extemporâneo” tomar aquela decisão “por não haver ainda regime legal”, refere o diário.

De Bruxelas chega a notícia de que a Comissão Europeia vai autorizar, esta quinta-feira, a primeira ajuda financeira a atribuir a Portugal, no âmbito dos incêndios. A TVI avança que vão chegar 1,5 milhões de euros do Fundo de Solidariedade Europeu para ajudar na reconstrução.

SV, ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. E qual é a novidade vivendo nós num pais de vigaristas e ladrões, estamos há espera de quê.
    Posso dizer que no meu prédio a EDP veio substituir o contador da escada por um digital, como a administradora não estava, não tiveram problema arrombaram a fechadura da porta que dá acesso ao dito contador, e mudaram o dito contador sem dar qualquer informação.
    Posto isto palavras para quê ?

RESPONDER

Google cria modelo de cérebro mais detalhado (e com maior resolução) de sempre

A recriação 3D do cérebro de uma mosca da fruta - que mostra 20 milhões de sinapses e 25 mil neurónios - é a que tem a maior resolução até ao momento. Uma equipa de …

Morreu Kobe Bryant, uma das maiores estrelas de sempre da NBA

Kobe Bryant, um dos maiores basquetebolistas de sempre, morreu na manhã deste domingo em Calabasas, Califórnia, num desastre de helicóptero. De acordo com a TMZ, Bryant viajava com, pelo menos, três outras pessoas num helicóptero privado, …

Há seis queixas de violência policial por semana

Em Portugal, são apresentadas em média seis queixas semanais por violência policial, escreve o semanário Expresso na sua edição deste fim-de-semana, citando os dados mais recentes da Procuradoria-Geral da República. De acordo com os números, relativos …

CRISPR tornou galinhas resistentes a um vírus comum

A técnica de edição genética CRISPR tem sido usada para tornar as galinhas resistentes a um vírus comum, uma abordagem que poderia aumentar a produção de ovos e de carne em todo o mundo. Mesmo quando …

A Cybertruck de Musk poderá ser "incrivelmente barata" de produzir

A Cybertruck de Elon Musk, CEO da Tesla e da Space X, pode ser "incrivelmente barata" de produzir graças à sua inovadora tecnologia de carroçaria, afirmou um especialista em entrevista à Autoline Network. O engenheiro Sandy …

Novo estudo associa o burnout a uma consequência fatal

Uma nova investigação associa o burnout a um aumento de até 20% no risco de desenvolver fibrilhação auricular, a arritmia crónica mais frequente. O burnout é uma perturbação psicológica causada pelo stress excessivo devido a uma …

Pinto da Costa diz ter total confiança em Sérgio Conceição

O presidente do FC Porto, Pinto da Costa, garantiu que tem "total confiança nos jogadores e no treinador", Sérgio Conceição, que no sábado colocou o lugar à disposição, de acordo com a newsletter oficial dos …

Isabel dos Santos utilizou três identidades para entrar e sair de Portugal

A empresária angola Isabel dos Santos utilizou três documentos de identificação distintos durante as últimas viagens que fez entre Portugal e o Reino Unido. "Izabel Dosovna Kukanova", "Isabel José dos Santos" e "Santos Isabel" foram as …

Voar nunca foi tão seguro, garante a Estatística

Voar em companhias áreas comerciais nunca foi tão seguro, garante um estudo levado a cabo por um professor do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT) que monitoriza o número de mortes de passageiros de todo o …

Coronavírus já provocou 56 mortes. China começa a desenvolver vacina

China começou a desenvolver uma vacina contra o novo coronavírus, que já provocou a morte a 56 pessoas e infetou 1.975 pessoas no país, informa este domingo o jornal oficial do Partido Comunista Chinês (PCC). De …