Pedrógão Grande: um mês depois, há 13 milhões de donativos retidos em contas

Paulo Novais / Lusa

Passado um mês desde o grande incêndio de Pedrógão Grande, o dinheiro doado para ajudar as vítimas ainda não chegou a quem precisa. São 13 milhões de euros que estão retidos em contas bancárias.

Os dados foram apurados pela RTP1 e divulgados no programa “Sexta às 9”, no qual se salienta que os donativos, cedidos no âmbito da onda de solidariedade gerada depois do trágico incêndio de Pedrógão Grande, que matou 64 pessoas e destruiu várias casas, estão retidos em contas bancárias geridas por sete entidades diferentes.

O valor total dos donativos retidos ultrapassará os 13 milhões de euros. O Secretário de Estado da Coesão e Desenvolvimento, Nelson Souza, garante ao canal público que o dinheiro vai começar a chegar às pessoas de Pedrógão Grande no final deste mês de Julho.

A RTP1 destaca que só este sábado é que foi publicado o regulamento do REVITA, o mecanismo criado pelo Estado para “gerir a distribuição dessas verbas no terreno”. Este será o passo fundamental para que o dinheiro chegue àqueles de que dele precisam para reconstruir as suas vidas.

Perante a demora na chegada dos fundos à população, Pedro Passos Coelho, líder do PSD, fala em incompetência do Governo. “É incompreensível que o Estado, nem mesmo quando lhe oferecem o dinheiro para acudir às pessoas, tem competência para lhes acudir de facto”, critica o presidente dos sociais-democratas.

“O Estado não falhou apenas há um mês quando aconteceu a tragédia, continua a falhar, continua a não fazer aquilo que é necessário, conseguiu até ainda não ter pronto o pedido de ajuda à União Europeia para poder reforçar os meios de ajuda às populações”, acusou ainda Passos Coelho, em declarações divulgadas pela Rádio Renascença.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Que vergonha…
    Mais uma vez as entidades vão embolsar (roubar) os donativos e o dinheiro não chegará a quem foi destinado…

RESPONDER

Google cria modelo de cérebro mais detalhado (e com maior resolução) de sempre

A recriação 3D do cérebro de uma mosca da fruta - que mostra 20 milhões de sinapses e 25 mil neurónios - é a que tem a maior resolução até ao momento. Uma equipa de …

Morreu Kobe Bryant, uma das maiores estrelas de sempre da NBA

Kobe Bryant, um dos maiores basquetebolistas de sempre, morreu na manhã deste domingo em Calabasas, Califórnia, num desastre de helicóptero. De acordo com a TMZ, Bryant viajava com, pelo menos, três outras pessoas num helicóptero privado, …

Há seis queixas de violência policial por semana

Em Portugal, são apresentadas em média seis queixas semanais por violência policial, escreve o semanário Expresso na sua edição deste fim-de-semana, citando os dados mais recentes da Procuradoria-Geral da República. De acordo com os números, relativos …

CRISPR tornou galinhas resistentes a um vírus comum

A técnica de edição genética CRISPR tem sido usada para tornar as galinhas resistentes a um vírus comum, uma abordagem que poderia aumentar a produção de ovos e de carne em todo o mundo. Mesmo quando …

A Cybertruck de Musk poderá ser "incrivelmente barata" de produzir

A Cybertruck de Elon Musk, CEO da Tesla e da Space X, pode ser "incrivelmente barata" de produzir graças à sua inovadora tecnologia de carroçaria, afirmou um especialista em entrevista à Autoline Network. O engenheiro Sandy …

Novo estudo associa o burnout a uma consequência fatal

Uma nova investigação associa o burnout a um aumento de até 20% no risco de desenvolver fibrilhação auricular, a arritmia crónica mais frequente. O burnout é uma perturbação psicológica causada pelo stress excessivo devido a uma …

Pinto da Costa diz ter total confiança em Sérgio Conceição

O presidente do FC Porto, Pinto da Costa, garantiu que tem "total confiança nos jogadores e no treinador", Sérgio Conceição, que no sábado colocou o lugar à disposição, de acordo com a newsletter oficial dos …

Isabel dos Santos utilizou três identidades para entrar e sair de Portugal

A empresária angola Isabel dos Santos utilizou três documentos de identificação distintos durante as últimas viagens que fez entre Portugal e o Reino Unido. "Izabel Dosovna Kukanova", "Isabel José dos Santos" e "Santos Isabel" foram as …

Voar nunca foi tão seguro, garante a Estatística

Voar em companhias áreas comerciais nunca foi tão seguro, garante um estudo levado a cabo por um professor do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT) que monitoriza o número de mortes de passageiros de todo o …

Coronavírus já provocou 56 mortes. China começa a desenvolver vacina

China começou a desenvolver uma vacina contra o novo coronavírus, que já provocou a morte a 56 pessoas e infetou 1.975 pessoas no país, informa este domingo o jornal oficial do Partido Comunista Chinês (PCC). De …