Pedrógão Grande: um mês depois, há 13 milhões de donativos retidos em contas

Paulo Novais / Lusa

Passado um mês desde o grande incêndio de Pedrógão Grande, o dinheiro doado para ajudar as vítimas ainda não chegou a quem precisa. São 13 milhões de euros que estão retidos em contas bancárias.

Os dados foram apurados pela RTP1 e divulgados no programa “Sexta às 9”, no qual se salienta que os donativos, cedidos no âmbito da onda de solidariedade gerada depois do trágico incêndio de Pedrógão Grande, que matou 64 pessoas e destruiu várias casas, estão retidos em contas bancárias geridas por sete entidades diferentes.

O valor total dos donativos retidos ultrapassará os 13 milhões de euros. O Secretário de Estado da Coesão e Desenvolvimento, Nelson Souza, garante ao canal público que o dinheiro vai começar a chegar às pessoas de Pedrógão Grande no final deste mês de Julho.

A RTP1 destaca que só este sábado é que foi publicado o regulamento do REVITA, o mecanismo criado pelo Estado para “gerir a distribuição dessas verbas no terreno”. Este será o passo fundamental para que o dinheiro chegue àqueles de que dele precisam para reconstruir as suas vidas.

Perante a demora na chegada dos fundos à população, Pedro Passos Coelho, líder do PSD, fala em incompetência do Governo. “É incompreensível que o Estado, nem mesmo quando lhe oferecem o dinheiro para acudir às pessoas, tem competência para lhes acudir de facto”, critica o presidente dos sociais-democratas.

“O Estado não falhou apenas há um mês quando aconteceu a tragédia, continua a falhar, continua a não fazer aquilo que é necessário, conseguiu até ainda não ter pronto o pedido de ajuda à União Europeia para poder reforçar os meios de ajuda às populações”, acusou ainda Passos Coelho, em declarações divulgadas pela Rádio Renascença.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Que vergonha…
    Mais uma vez as entidades vão embolsar (roubar) os donativos e o dinheiro não chegará a quem foi destinado…

RESPONDER

Filho de José Eduardo dos Santos em prisão preventiva

O filho do ex-Presidente angolano está em prisão preventiva por suspeita de vários crimes. Vários jornais estão a avançar que José Filomeno dos Santos, filho do ex-Presidente angolano, está em prisão preventiva. Em causa estão os crimes …

Metallica regressam a Portugal

A banda americana regressa a Portugal a 1 de maio de 2019, num concerto no estádio do Restelo, em Lisboa. O concerto em solo luso da digressão WorldWired será o primeiro de 20 concertos agendados …

Jovem indonésio sobreviveu 48 dias à deriva no Pacífico

Um jovem indonésio sobreviveu 48 dias com a ajuda de uma plataforma para captura de peixe até ter sido resgatado por um cargueiro a cerca de dois mil quilómetros do território norte-americano de Guam, no …

Câmara de Braga condenada a pagar mais 4 milhões pelo Estádio

Construído nos mandatos de Mesquita Machado, o estádio tinha um orçamento inicial de 65 milhões, mas acabou por custar mais de 150 milhões. O Tribunal Administrativo e Fiscal condenou a Câmara de Braga a pagar mais …

Movimento de Rui Moreira confronta António Costa sobre Infarmed

A Associação Cívica Porto, o Nosso Movimento pediu, este domingo, ao primeiro-ministro que esclareça se apoiou o ministro da Saúde na decisão de reavaliar a eventual transferência do Infarmed para o Porto. A associação Porto, o …

Nova acusação de assédio sexual contra juiz nomeado por Trump para o Supremo

O juiz nomeado pelo Presidente dos EUA para o Supremo Tribunal foi acusado por uma segunda mulher, este domingo, de assédio sexual na década de 80.  A New Yorker noticiou, este domingo, que os democratas que …

"Hard Brexit" pode ser o fim do Reino Unido

A primeira-ministra do Reino Unido, Theresa May, tem sido alertada por elementos do seu Executivo para o possível desmembramento do Reino Unido, num cenário de saída da União Europeia sem acordo, o chamado ‘hard Brexit’. Após …

Duas sondas japonesas pousaram num asteróide e fizeram História

Pela primeira vez na história, o Homem conseguiu aterrar dois rovers não tripulados num asteróide. A proeza histórica aconteceu este sábado e deveu-se aos japoneses. "Fiquei impressionado com o que conquistamos no Japão. Este é apenas …

Milionário da Somague declara falência e pede perdão de 67 milhões de euros

O ex-presidente da Somague, Diogo Vaz Guedes, declarou falência, pedindo o perdão de dívidas superiores a 67 milhões de euros. O Novo Banco e o BCP estão entre os credores do milionário. O jornal Correio da …

A China está (literalmente) a comprar um país africano

A Zâmbia corre o risco de perder a sua soberania devido à enorme dívida externa que tem com a China. O país poderá ser obrigado a entregar a Pequim a propriedade das suas principais infraestruturas de …