Pedro Dias: “Esta pistola já matou quatro pessoas e tu podes ser a próxima”

Paulo Novais / Lusa

Pedro Dias

Está previsto que mais 12 testemunhas prestem o seu testemunho, esta terça-feira, no Tribunal da Guarda. Esta manhã, a irmã da mulher sequestrada em Moldes e a médica legista responsável pelas autópsias já foram ouvidas.

Esta terça-feira, realiza-se a quinta sessão do julgamento de Pedro Dias, onde deverão ser ouvidas 12 testemunhas, entre as quais as irmãs de Lídia da Conceição, a mulher que foi sequestrada em Moldes e que sofreu um AVC quase um mês e meio depois do incidente.

Segundo o Observador, a primeira testemunha a ser ouvida foi Dulce da Conceição, irmã que acompanhou Lídia desde o dia do alegado sequestro até ao dia em que teve o AVC, uma vez que a vítima não se encontra em condições de prestar declarações.

A defesa do arguido ainda pediu para que o depoimento fosse rejeitado, escreve o jornal online, no entanto, o coletivo de juízes quer ouvir a familiar e só depois vai decidir se este testemunho será tido em conta.

A testemunha explicou que esteve com Dulce no dia anterior ao sequestro, que lhe disse que iria a casa da mãe para “arejar a casa” e tratar da “correspondência”. No fatídico dia, recebeu uma chamada da irmã a dizer que estava “gravemente ferida”.

“Aquele homem de Arouca que estava a ser procurado pela polícia estava em casa da mãezinha”, terá dito Lídia, citada pelo Observador. Dulce foi ter com ela à unidade de saúde, onde a encontrou “praticamente irreconhecível”.

“Entrei e vi a minha irmã num estado que ninguém deseja ver. Estava praticamente com o rosto desfeito”, recordou, acrescentando que tinha o rosto “desfigurado e cheio de sangue”, estava “cheia de hematomas”, “as mãos em ferida” e com “dedos marcados no pescoço”.

De acordo com o jornal, Lídia contou à irmã que mal entrou na casa da mãe apareceu “um vulto” à sua frente, que a agarrou pelo pescoço e pelos cabelos, e que a arrastou para um quarto. Foi então que foi “brutalmente agredida” e os seus gritos chamaram a atenção de António Duarte que, ao tentar socorrê-la, acabou também sequestrado.

Segundo Dulce, a irmã sabia “perfeitamente” que quem a estava a agredi-la era “o homem procurado pela polícia”, que lhe terá apontado a arma várias vezes, chegando mesmo a dizer: “Esta pistola que tenho aqui já matou quatro pessoas e tu podes ser a próxima“.

A irmã contou ainda em tribunal que Lídia ficou muito afetada psicologicamente e que, nos dias seguintes, andava com “uma ansiedade muito grande”, “não dormia” e passava as noites “a olhar para as mãos” que estavam feridas. Segundo o médico de família, o AVC deveu-se a uma “situação de stress despoletada pelo incidente”. O jornal online escreve que a vítima permanece internada no hospital, toma 20 comprimidos por dia e praticamente não fala.

Segundo o Correio da Manhã, também já foi ouvida Beatriz Silva, a médica legista que fez a autópsia das vítimas. “Liliane foi atingida com dois tiros: um na cabeça, que lhe acertou de raspão, e outro que lhe atravessou os tecidos moles da região cervical, que atravessou de um lado ao outro”, descreveu a médica legista, citada pelo jornal.

Pedro Dias continua em silêncio

Desde 3 de novembro, primeiro dia do julgamento, que o arguido se recusa a falar e passa as sessões a tomar notas em folhas de papel, embora a advogada, Mónica Quintela, já tenha assegurado que o cliente vai acabar por falar.

Na primeira sessão, foi ouvido António Ferreira, militar da GNR alegadamente baleado por Pedro Dias e que acabou por sobreviver. “Pensei que ia morrer”, disse.

Nas restantes sessões, nos passados dias 7, 8 e 9, foram ouvidas dezenas de testemunhas, entre as quais as mães do casal de Aguiar da Beira, Liliane e Luís Pinto. A mãe da última vítima mortal, Maria de Fátima, protagonizou um dos momentos mais tensos do julgamento, onde fez questão de enfrentar com o olhar o homem que é suspeito de ter morto a sua filha. A imprensa assinalou que, pela primeira vez, Pedro Dias mostrou uma reação e “corou intensamente”.

Também foi ouvida Ana Cristina Laurentino, ex-namorada do arguido que, apesar de admitir que este tinha alterações súbitas de humor e que houve duas situações em que a agrediu, não era capaz de matar: “O Pedro não mata um animal, respeita muito a natureza e os seres vivos”.

Destaque também para o testemunho de Carlos Santos, militar da GNR que abriu a porta ao colega António Ferreira depois de este ter sido baleado. “Quando abri a porta, dei com o camarada. Não o reconheci logo. Ele disse-me: ‘Santos, levei um tiro na cabeça, o Caetano está morto, ajuda-me'”.

Pedro Dias é acusado de cinco crimes de homicídio, três consumados e dois na forma tentada. Também responde por três crimes de sequestro, dois roubos e três detenções de arma proibida.

O arguido, de 44 anos, esteve fugido um mês depois da noite sangrenta em Aguiar da Beira, até se ter entregado às autoridades. Tem aguardado o julgamento em prisão preventiva, na cadeia de alta segurança de Monsanto, em Lisboa.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Discurso infinito… tempo perdito por um individu-o que esta parasitado de proteção!!!
    Leigo eu pois, pq não o posicionar em praça publica, e retirar menbro a menbro, sofrendo pois… seria o ‘espelho’ sofredor de quantos outros mais nas nossas ruas sorriem gozando tds estes midia…
    Assim continuamos a alimentar corruptos, intutitulados ‘descontrolados’ e mentores de doidices… sejamos superiores a todos, é tempo de entrar em ação c/ as nossas proprias mãos!!! Deixemo-nos de ser cobardes…

RESPONDER

Ljubomir Stanisic rescindiu contrato “de forma unilateral” com a TVI

A caminho da SIC, o apresentador rescindiu o contrato com a estação de Queluz, avança a TVI. Ljubomir Stanisic tinha contrato até dezembro de 2020. “O Chef Ljubomir Stanisic rescindiu hoje [esta sexta-feira], unilateralmente, o contrato …

Netflix tem uma nova funcionalidade. Os cegos e os surdos agradecem

A nova funcionalidade da Netflix permite alterar a velocidade de reprodução dos seus filmes e séries. Esta é uma novidade bem recebida por espetadores cegos e surdos. A Netflix tem uma nova funcionalidade que permite que …

Cientistas transformam tijolos em dispositivos de armazenamento de eletricidade

Uma equipa de investigadores descobriu como converter o pigmento vermelho dos tijolos num plástico condutor de eletricidade. Esse processo permitiu transformar os tijolos em dispositivos de armazenamento de eletricidade. Esses supercapacitores de tijolo podem ser …

Primeiro Museu do Godzilla abre no Japão (e os visitantes podem entrar na boca do monstro)

O primeiro Museu do Godzilla do mundo está agora aberto no Japão e tem uma estátua enorme do icónico monstro, em cuja boca se pode entrar de slide. De acordo com a Newsweek, atualmente, os visitantes …

Hubble faz a primeira observação de um eclipse lunar total

Tirando vantagem de um eclipse lunar total, astrónomos usaram o Telescópio Espacial Hubble da NASA/ESA para detetar ozono na atmosfera da Terra. Este método serve como um substituto de como vão observar planetas semelhantes à Terra …

Biden tem 71% de probabilidade de vencer as eleições contra Trump

Joe Biden, candidato democrata à Casa Branca, tem 71% de probabilidade de vencer as eleições presidenciais norte-americanas frente a Donald Trump, o atual Presidente dos Estados Unidos, aponta uma nova sondagem. A pesquisa de opinião, levada …

Barcelona 2-8 Bayern | Atropelamento histórico na Champions

Noite histórica no Estádio da Luz. Em jogo dos quartos-de-final da Liga dos Campeões, o Bayern goleou o Barcelona por impensáveis 8-2 – com 4-1 em cada uma das metades. Um resultado que se tornou …

Depois das sementes, norte-americanos recebem máscaras, óculos de sol e até meias sujas da China

Vários residentes da Flórida, nos Estados Unidos, receberam pacotes misteriosos da China pelo correio que não tinham encomendado. Desta vez não eram sementes, mas sim máscaras cirúrgicas, óculos de sol e até meias sujas. Em declarações …

Imposto sobre refrigerantes reduziu o seu consumo

O imposto especial sobre as bebidas com maior teor de açúcar levou mais de 40% dos inquiridos num estudo da Universidade Católica esta sexta-feira divulgado a reduzir o seu consumo, comportamento que adotariam também com …

Uma só teoria da conspiração sobre a covid-19 matou 800 pessoas. 60 ficaram totalmente cegas

Pelo menos 800 pessoas morreram e 60 ficaram cegas na sequência de uma teoria da conspiração sobre a covid-19, concluiu um novo estudo. A investigação, cujos resultados foram esta semana publicados na revista científica American Journal …