Paulo Manuel José Isabel é o novo diretor da PJ Militar

EU2017EE / Flickr

O ministro da Defesa Nacional, José Azeredo Lopes

O ministro da Defesa nomeou o capitão-de-mar-e-guerra Paulo Manuel José Isabel como diretor-geral da Polícia Judiciária Militar, para restabelecer “o normal funcionamento da Polícia Judiciária Militar”.

Numa nota do Ministério da Defesa, o gabinete do ministro Azeredo Lopes, do qual o diretor da Polícia Judiciária Militar depende hierarquicamente, é referido que o ministro tomou a decisão de nomear o capitão-de-mar-e-guerra Paulo Manuel José Isabel como diretor-geral da Polícia Judiciária Militar, mediante proposta do chefe do Estado-Maior-General das Forças Armadas.

O próximo diretor-geral da PJM vai tomar posse do cargo na terça-feira de manhã, às 10h00, no Ministério da Defesa.

O comandante Paulo Isabel nasceu em Setúbal, em 16 de julho de 1964, ingressando em 1982 na Escola Naval, onde se licenciou em Ciências Militares Navais. Atualmente, coordenava da área de ensino de comportamento humano e administração de recursos no Instituto Universitário Militar.

Nos últimos anos, desempenhou várias funções na Polícia Marítima, polícia de especialidade no âmbito da Autoridade Marítima Nacional. Nos cargos que desempenhou na Polícia Marítima, de 2003 a 2009 e entre 2014 e 2017, participou nas Equipas Mistas de Prevenção Criminal (EMPC), nos distritos de Lisboa, Setúbal e Faro.

A nomeação do novo diretor da Policia Judiciária Militar surge após a detenção do até agora responsável da PJM, coronel Luís Vieira, no âmbito do caso do desaparecimento de material de guerra dos paióis de Tancos.

O ex-diretor da PJM e um arguido civil vão ficar a aguardar o desenrolar do processo em prisão preventiva.

Segundo a PGR, a PJ Militar e elementos da GNR de Loulé terão ajudado o ex-militar que roubou as armas de Tancos a devolver o material, uma forma de desviar as atenções do autor do roubo e de “matar a investigação inicial”.

Luís Vieira confessou a encenação do aparecimento das armas roubadas nos Paióis de Tancos, mas invocou “interesse nacional” para os militares terem feito um “acordo de cavalheiros” com o ladrão das armas.

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, afirmou esperar que o capitão-de-mar-e-guerra Paulo Manuel José Isabel “seja uma boa escolha”, escusando-se a prestar mais declarações sobre a nomeação.

“É uma escolha do senhor ministro da Defesa. Eu espero que seja uma boa escolha. Não tenho mais nada a dizer”, declarou o chefe de Estado e Comandante Supremo das Forças Armadas, em resposta aos jornalistas, à saída de uma conferência na Universidade Autónoma de Lisboa. “Nunca comento publicamente matérias das Forças Armadas”, referiu.

Sobre o caso de Tancos, Marcelo limitou-se a relembrar “aquilo que disse desde o princípio”, que “tinha de se apurar tudo até ao fim, doesse o que doesse”, considerando que foi “muito teimoso nessa matéria”.

O Presidente da República nada mais quis acrescentar, realçando que o processo não está concluído: “Já temos uma investigação em curso, e uma investigação avançada, mas não chegámos ao fim do processo”.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

"Ponte" biodegradável pode curar lesões nervosas do sistema nervoso periférico

Investigadores da Universidade de Pittsburgh descobriram recentemente uma "ponte" biodegradável que poderá ajudar no tratamento de lesões nos nervos e a recuperar cerca de 80% da função nervosa. As lesões superficiais que ocorrem no sistema nervoso …

Os polegares dos neandertais adaptaram-se a ferramentas com pega

Os polegares dos neandertais adaptaram-se para segurar melhor ferramentas com pega, da mesma forma como utilizamos atualmente um martelo, revela uma nova investigação da Universidade de Kent, no Reino Unido. A mesma investigação sugere ainda …

Sporting 2-1 Moreirense | JackPote rende pontos ao “leão”

O “Leão” soma e segue na liderança do campeonato, depois de vencer o Moreirense por 2-1, graças a um bis Pedro Gonçalves. Neste sábado, na recepção ao Moreirense, num embate relativo à oitava jornada, sofreu, mas conseguiu …

Raro crustáceo parasita descoberto na boca de um tubarão em exibição num museu

Uma equipa de cientistas descobriu uma espécie extremamente rara de Cymothoidae na boca de um espécime de tubarão capturado no Mar da China Oriental e agora em exibição num museu. Os Cymothoidae são uma família de isópodes …

Série da Netflix faz disparar venda de jogos de xadrez nos Estados Unidos

A série "The Queen’s Gambit", da plataforma de streaming Netflix, que retrata a ascensão de uma jovem jogadora de xadrez na década de 1950, fez disparar as vendas deste jogo de tabuleiro nos Estados Unidos. …

Novo comité central do PCP eleito com 98,5%

O novo comité central do PCP foi este domingo eleito no XXI congresso nacional dos comunistas, em Loures, com 98,5% dos votos. Dos 611 delegados, 602 votaram a favor, seis abstiveram-se e três votaram contra na …

Elefante salvo de um poço profundo na Índia. Resgate durou 14 horas

Uma equipa de 50 pessoas ajudou a salvar um elefante que tinha caído num poço profundo em Dharmapuri, no sul da Índia. Moradores locais atiraram folhas de bananeira para o animal comer antes de ser …

Santa Clara 0-1 Porto | Magia de Díaz resolve jogo pobre

Missão cumprida. O Porto viajou até aos Açores para defrontar o Santa Clara e leva na bagagem os três pontos. Mas não o conseguiu com brilhantismo, longe disso. A eficácia foi a palavra de ordem, num …

Raro pinguim totalmente branco encontrado nas Ilhas Galápagos

Um raro pinguim com o corpo totalmente "pintado" de branco foi encontrado no arquipélago das Galápagos, no Equador. Em comunicado, o Parque Nacional das Galápagos detalha que o raro espécime foi encontrado enquanto um guia fazia …

A China tem 8 milhões de cegos, mas apenas 200 cães-guia. Há uma razão

A China tem 8 milhões de cegos, mas apenas 200 cães-guia. As cidades populosas, as vias não adaptadas, as poucas escolas de treino e a própria população são entraves à existência destes companheiros (e verdadeiros …