“Parte substancial” dos espanhóis estará vacinada até julho

Mariscal / EPA

O primeiro-ministro espanhol anunciou esta sexta-feira que Espanha, juntamente com a Alemanha, será o primeiro país da União Europeia (UE) a ter um plano de vacinação completo, que permitirá vacinar uma “parte substancial” da população no primeiro semestre de 2021.

Pedro Sánchez, que fez este anúncio durante a apresentação do Plano de Recuperação, Transformação e Resiliência da Economia Espanhola na comunidade autónoma de La Rioja, acrescentou que o plano, que está a ser preparado desde setembro, será aprovado na próxima terça-feira, pelo Conselho de Ministros.

“Ainda há meses difíceis pela frente”, sublinhou Pedro Sánchez, citado pela agência Efe, mas “o roteiro está traçado”, com base no respeito pelas decisões dos peritos e das instituições, afirmou.

Espanha é um dos países mais atingidos pela pandemia de covid-19, que já provocou mais de 1,3 milhões de mortos no mundo desde dezembro do ano passado, incluindo 3.701 em Portugal.

O nível de incidência acumulada (infetados) em Espanha tem baixado nos últimos 10 dias, alcançando na quinta-feira um valor de 453 casos diagnosticados (menos 17 do que no dia anterior) por 100.000 habitantes nos últimos 14 dias. As regiões espanholas com os níveis mais elevados deste indicador são as de Castela e Leão (794), Ceuta (747), País Basco (719), Rioja (654), Aragão (649), Melilla (585), Navarra (470) e Extremadura (424).

Portugal planeia começar a distribuição da vacina em janeiro e, em dezembro, serão conhecidos os grupos prioritários a serem vacinados contra a covid-19.

A pandemia de covid-19 provocou pelo menos 1.350.275 mortos resultantes de mais de 56,2 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Na Europa, o maior número de vítimas mortais regista-se no Reino Unido (53.775 mortos, mais de 1,4 milhões de casos), seguindo-se Itália (47.870 mortos, mais de 1,3 milhões de casos), França (47.127 mortos, mais de dois milhões de casos) e Espanha (42.291 mortos, mais de 1,5 milhões de casos).

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

ZAP // Lusa

 

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Já ninguém se acredita muito no que vai sendo dito em torno do Covid.
    Acima de tudo estamos perante um modo de vida que veio para ficar independentemente da existência ou não do Covid.
    O estado de emergência e os confinamentos não surtem de forma nenhuma o efeito apregoado mas no entanto continuam a ser obrigatórios, com que intuito ?
    Os laboratórios internacionais responsáveis pela fabricação da vacina nunca ganharam tanto dinheiro como agora e no entanto ainda nem sequer lançaram nenhuma vacina!
    Tudo muito estranho e muito contraditório o que se vai passando!

RESPONDER

Académicos sul-africanos querem diminuir o brilho do Sol

Um grupo de cientistas e académicos sul-africanos considera diminuir o brilho do Sol para evitar uma seca devastadora na Cidade do Cabo, de acordo com um novo estudo científico recentemente publicado. Os especialistas pretendem lançar …

O Universo está cheio de uma substância misteriosa: chama-se quintessência

Uma equipa internacional de cientistas sugere, num novo estudo, que a expansão acelerada do Universo pode ser causada por uma substância misteriosa chamada quintessência. Os cientistas acreditam que a expansão do Universo está relacionada com a …

Entrevista: "Demorei 2 anos a aperfeiçoar o meu passe; os miúdos de Timor já jogam lindamente!"

Sara Moreira Silva é a líder da primeira escola de voleibol em Timor-Leste, que vai arrancar em janeiro de 2021. Fica aqui a perspetiva de uma portuguesa que vê muito talento entre os timorenses...que não …

O edifício mais antigo do mundo ainda em funcionamento "mora" em Roma

O Panteão de Roma, o edifício mais antigo desta cidade italiana, continua a ser utilizado nos dias de hoje, cerca de 2.000 anos depois da sua construção. Edificado em meados de 125 a.C sob a …

Da cabeça de javali à perdiz. Historiadores e chefs ensinam a cozinhar pratos medievais

Uma equipa de historiadores e grandes chefs reuniu-se para oferecer um curso online para ensinar os alunos a criar banquetes medievais. Professores da Universidade de Durham e chefs do restaurante Blackfriars criaram o Eat Medieval, que …

The Climate Store. Os preços desta loja sueca variam conforme a pegada ecológica

Os rótulos dos alimentos já indicam o quão bom ou mau um produto é para a nossa saúde, mas e o planeta? Um número crescente de marcas está agora a rotular os seus produtos para …

A cidade-irmã mais famosa de Petra abre finalmente ao público. "Esconde" túmulos amaldiçoados

A cidade de Hegra, localizada nos desertos a norte de Al Ula, no noroeste da Arábia Saudita, vai pela primeira vez abrir ao público, podendo os visitantes explorar agora este local antigo sem quaisquer restrições. …

Falha no Microsoft Excel pode ter levado a mais de 1.500 mortes no Reino Unido

Um erro no Microsoft Excel que eliminou quase 16 mil casos de covid-19 das estatísticas do Reino Unido pode ter levado a mais de 1.500 mortes evitáveis, de acordo com um artigo da Warwick University. Os …

Pessoas com bons hábitos de sono têm menor risco de insuficiência cardíaca

Os padrões de sono saudáveis ​​incluem acordar de manhã cedo, dormir 7 a 8 horas por noite e não ter insónias ou sonolência diurna excessiva. Esta pode ser a receita secreta para evitar insuficiência cardíaca, …

Marcelo quer regras do Natal na próxima semana. E lembra que não há lugar para uma crise política

O Presidente da República defendeu, esta sexta-feira, que as medidas para o fim-de-semana do Natal devem ser conhecidas já na próxima semana. E congratulou-se com o facto de já haver um Orçamento aprovado. Em resposta às questões …