Há 4 meses que o Parlamento espera por respostas de Siza Vieira sobre imobiliária

(dr) PS

Pedro Siza Vieira

No final de janeiro, na reunião do grupo de trabalho sobre registo de interesses da Assembleia da República, levantaram-se as primeiras dúvidas sobre a situação do ministro Adjunto à sua imobiliária.

O pedido de explicações a Pedro Siza Vieira sobre a gestão da sua empresa foi feito no dia 30 de janeiro, na reunião do grupo de trabalho sobre registo de interesses da Assembleia da República. No entanto, até esta quinta-feira, o ministro Adjunto continuava sem responder em que data cessou funções como sócio-gerente da Prática Magenta.

A primeiras dúvidas sobre a situação de Siza Vieira foram levantadas naquele grupo de trabalho, avança o Público, que refere que o ministro informava, no registo de interesses, ter uma quota de 50% daquela empresa, mas nada referia sobre cargos que detinha.

Esta última informação era decisiva para se saber se, de facto, teria havido uma situação de incompatibilidade, já que a lei 64/93 determina que o desempenho de funções governativas é incompatível com qualquer cargo, remunerado ou não, em sociedades privadas. A sanção é a destituição do cargo, declarada pelo tribunal.

Foi por esse motivo que no dia 30 de janeiro, Pedro Siza Vieira foi questionado sobre se detinha algum cargo societário e, na manhã do dia seguinte, os serviços do Parlamento receberam como resposta que ele tinha sido sócio-gerente, mas já tinha cessado funções.

Os deputados não ficaram esclarecidos com a resposta, pelo que insistiram no pedido de informações. Na resposta seguinte, o ministro Adjunto terá indicado apenas o ano – 2017 – sem indicar o dia e o mês.

Os pedidos de esclarecimento foram-se repetindo até esta quinta-feira. O grupo de trabalho sobre registo de interesses da Assembleia da República voltou a reunir-se e insistiu em perguntar ao ministro a data de cessação de funções, mas ainda não terá chegado qualquer resposta aos jornais.

O Portal da Justiça dava conta, na quinta-feira, de uma publicação online de alteração de ato societário da Prática Magenta, dando contra de que o ministro tinha renunciado ao cargo de gerente na data de 15 de dezembro de 2017.

Contudo, esta data não bate certo, já que a alteração só foi publicada esta quinta-feira no registo comercial. A par disso, a data da carta é anterior, em seis dias, à entrega da declaração de rendimentos e património no Tribunal Constitucional (TC).

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Cientistas identificaram organismo que prospera ao comer meteoritos

O micróbio Metallosphaera sedula tem uma propensão para comer minerais. E não estamos a falar de granito ou giz, mas de rochas muito mais especiais como meteoritos. Segundo o Science Alert, uma equipa internacional de cientistas …

Médicos estrangeiros em Portugal atingem o valor mais alto da última década

O número de médicos estrangeiros registados em Portugal atingiu, em 2019, o valor mais elevado da última década, situando-se em 4192, mais 9,1% face a 2009, revelam dados da Ordem dos Médicos (OM). A maioria dos …

O único carro-avião do mundo vai ser vendido em leilão

O Taylor Aerocar, aquele que é o único carro-avião legalizado em todo o mundo, vai a leilão no início do próximo ano. Este modelo da marca data do ano de 1954. Se é um apaixonado por …

Marcha pelo Clima. Polícia espanhola deteve duas pessoas com facas e martelos

A Polícia Nacional de Espanha deteve, na sexta-feira, duas pessoas que pretendiam perturbar a manifestação pelo clima em Madrid, tendo apreendido vários materiais, como facas e martelos. Um homem e uma mulher foram detidos e enviados …

Reflexão, ritual ou mundo idealizado. Um Natal sem filmes, não é Natal

Se é daquelas pessoas que passa a noite da Natal com uma chávena na mão, meias nos pés e um filme na televisão, saiba que não está sozinho. Nesta altura do ano, os filmes tornam-se …

Musk ilibado depois de ter chamado "pedófilo" a mergulhador no resgate da gruta da Tailândia

O magnata fundador da Tesla, Elon Musk, foi absolvido na sexta-feira no processo por difamação movido pelo espeleólogo britânico Vernon Unsworth, que alegava ter sido chamado de pedófilo. Após cerca de uma hora de deliberações, o …

Luzes nas redes de pesca? Os golfinhos e as tartarugas agradecem

A implementação de luzes nas redes de pesca reduz a probabilidade de tartarugas marinhas e de golfinhos serem apanhados por acidente. Luzes LED nas redes de pesca eliminariam a "captura acidental" de tartarugas marinhas em mais …

Presidente da República passa o fim de ano na ilha do Corvo

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, vai passar a noite de 31 de dezembro para 1 de janeiro na ilha do Corvo, nos Açores, de onde será transmitida a sua mensagem de Ano …

O calor extremo está a fazer com que os bebés nasçam mais cedo

Investigadores descobriram que o calor extremo faz com que os bebés nasçam mais cedo. Tal como quase tudo neste mundo, as coisas só vão piorar com as alterações climáticas. Segundo o Science Alert, os dois investigadores …

Empresa está a contratar uma pessoa que será paga para usar pijamas e dormir

Um start-up de colchões da Índia, que se descreve como uma "empresa de soluções para dormir" está a contratar alguém que será pago apenas para fazer isso mesmo. O objetivo é testar os seus produtos de …