António Costa: País está “chocado” com o “desplante” de Joe Berardo

António Cotrim / Lusa

O primeiro-ministro considerou esta segunda-feira que o país está “seguramente chocado com o desplante” de Joe Berardo, quando foi ouvido na Assembleia da República, e disse esperar que o empresário pague “o que deve” à CGD.

“Eu acho que o país está seguramente todo chocado pelo desplante com que o senhor Joe Berardo respondeu na semana passada nesta Assembleia da República”, disse António Costa no debate quinzenal que decorreu ontem no Parlamento.

Em resposta à líder do Bloco de Esquerda, Catarina Martins, o primeiro-ministro salientou que “a atual gestão da Caixa, nomeada por este Governo, acionou o senhor Joe Berardo para pagar à Caixa o que deve à Caixa”, sendo “dever da Caixa recuperar até ao último cêntimo possível tudo o que tem a recuperar“.

“E aquilo que tenho a desejar é que, naturalmente, a justiça funcione e que o que é devido seja obviamente pago, porque não há nenhuma razão para que a Caixa Geral de Depósitos [CGD] perdoe qualquer tipo de crédito, designadamente não perdoe créditos a quem tem a obrigação estrita de os pagar”, notou.

Na opinião de Catarina Martins, o banco foi “completamente irresponsável” neste caso. A bloquista falou também num “esquema” por parte de Joe Berardo, que incluiu “manobras, trafulhice e prejuízos para o Estado”.

O empresário madeirense foi ouvido no parlamento na sexta-feira, onde disse que é “claro” que não tem dívidas, e confirmou que a garantia que os bancos têm é da Associação Coleção Berardo, e não das obras de arte. Joe Berardo esclareceu que a garantia dada à CGD são os títulos da Associação Coleção Berardo e não das obras de arte em si.

Para Catarina Martins, “Joe Berardo é um produto acabado do sistema de impunidade dos poderosos, de parasitagem do Estado, com cumplicidades em governos sucessivos”.

“O Bloco denuncia este ‘gangsterismo’ financeiro desde sempre. Sabemos bem que, para fazer negócios destes, não bastam bandidos, e nós temos um gang deles, é preciso negligentes e cúmplices que lhes deixem as portas abertas”, salientou a bloquista.

Catarina Martins assinalou também que, “agora que Berardo vem ao parlamento rir-se dos portugueses, como fizeram antes Oliveira e Costa ou Ricardo Salgado, toda a gente perdeu a vontade de rir”.

Costa admite nacionalizar SIRESP

Também no debate quinzenal de ontem, e depois de ter sido questionado pelo líder comunista, António Costa anunciou que as negociações entre o Estado e o SIRESP (Sistema Integrado de Redes de Emergência e Segurança de Portugal) serão “concluídas nas próximas horas”, admitindo que “há um questão financeira” que divide as partes.

António Costa reconheceu que “o objeto da negociações” a decorrer têm em vista “a aquisição da posição acionista por parte do Estado”, ou seja, a nacionalização.

“A sociedade [SIRESP] tem uma questão financeira com o Estado, que temos vindo a negociar no estrito limite da legalidade, não podemos pagar algo que não tem o visto do Tribunal de Contas. Não lhe quero dizer neste momento em que ponto é que as negociações chegarão a bom porto, mas estou convencido de que nas próximas horas teremos uma conclusão”, afirmou António Costa, em resposta a uma pergunta do líder da bancada do PSD, Fernando Negrão.

No sábado, o Público noticiou que a Altice ameaça cortar o SIRESP, sistema de redes de comunicação de emergência e segurança usado, por exemplo, em incêndios, devido ao uma dívida de 11 milhões de euros, divulgada dois dias antes.

Esta segunda-feira, no debate quinzenal, o líder da bancada social-democrata questionou António Costa sobre se essa dívida já foi paga, tendo o primeiro-ministro explicado que “não existe uma dívida”, porque o contrato celebrado entre o Estado e a entidade gestora do SIRESP – a Altice – não foi visado pelo Tribunal de Contas. “Não se formou contrato e, portanto, não havendo contrato, não resultam daí obrigações”.

Assunção Cristas questionou ainda o primeiro-ministro sobre as negociações do SIRESP e perguntou quantos cabos de telecomunicações – dos mil quilómetros existentes – já tinham sido enterrados. Costa começou por dizer que em público não ia “falar do que a outra parte não deve saber enquanto estão a decorrer as negociações”.

A sua pergunta é ino-por-tu-na neste momento“, disse. Depois da insistência, António Costa reconheceria que já estão enterrados 600 quilómetros de cabos, para resistirem melhor aos fogos.

ZAP // Lusa

 

PARTILHAR

44 COMENTÁRIOS

  1. Entao mas isto é o exemplo de toda a classe politica em portugal e de pessoas com dinheiro … so que berardo teve coragem de gozar na cara de todos na comissāo de inquerito que nao servem para nada apenas pra ingles ver … enquanto que os outros so gozam atras das camaras ….

    • Concordo plenamente! A única diferença é que estou gozou pela frente. Fica a pergunta: Onde está a responsabilidade de quem autorizou esta trapalhada toda? Não sei porque o Sr. Costa está chocado! Esta estratégia vem do tempo do patrão dele – Sr. Sócrates. Não lhe fez confusão na altura? Uma coisa é certa… Quem vai ficar com as dividas somos nós. O povo que as vai pagar. Mas como diz o outro: “Só vota quem quer”.

      • O costa não está chocado. Ele disse que o país é que está chocado. Tanto o costa como a camarilha dele não se chocam com estas coisas. Lá por cima é só malabarismo, incompetência, roubalheira e gatunagem. O costa sabe muito bem isso e a quadrilha política da sua laia.

  2. Mark,é precisamente essa a realidade.Quem devia ser chamado à responsabilidade seriam os administradores que nao acautelaram as garantias.Isso é que é chocante.Ou seja, emprestar dinheiros publicos a privados, para comprar bancos privados.Foram “comidos”.Só lamento sermos todos a pagar…

  3. Este Costa fala por todos os portugueses ? Eu por mim, isso não me espanta muito, onde a ladroeira campeia por todo o lado. Espanta-me mais haver um primeiro ministro que sacou milhões e milhões, no exercício da suas funções como chefe do governo, e não há meio de ir para a cadeia. Sobre este, Costa está caladinho como um rato. É isto a hipocrisia desta classe parasita, que somos obrigados a aguentar e alimentar. E há tanto povo (com serradura na cabeça) que ainda segue e beija a mão a esta canalhada que nos suga diariamente. Berardo se é devedor tem de pagar, mas Berardo é uma “borboleta” comparado com Sócrates.

  4. Pensemos… Mas será que o homem não tem razão?
    Mas então a justiça ou os parlamentares (estes nem sequer sabem o que estão lá a fazer) não chamam á tábua os que autorizaram a penúria, os roubos deste País?
    Deram-lhe a massa sem qualquer responsabilidade e agora todos ganham reformas ou salários milionários á conta do Zé pagante.
    Pensando bem o cara talvez tenha razão…

  5. Não percebo onde está a questão.
    Goste-se ou não dele (e eu não gosto nem um bocadinho – ou melhor, só do bocadinho que é benfiquista :-)) este sr. limitou-se a negociar. Se do outro lado não foram diligentes, foram incompetentes (ou pior), há que apurar responsabilidades e agir em conformidade…

    O Sr. limitou-se a precaver e defender a sua posição e património. Fê-lo com “nota artística”? Tudo indica que sim. No entanto, para emprestar meia dúzia de tostões, 100 a 200 mil euros para um tipo comprar uma casa, os bancos viram tudo e mais alguma coisa. Colocam cláusulas em que podem visitar o imóvel para avaliar das condições de estado actuais, podendo exigir garantias adicionais caso o imóvel não se encontre nas condições previstas, podem aumentar ou diminuir spreads consoante produtos contratados (impedindo que a malta mude os seguros de vida obrigatórios para outro lado, ou que tenha de ter cartões de crédito inúteis), impedem a malta de arrendar o imóvel, arrogam-se no direito de pedir fiadores e/ou garantias adicionais a qualquer momento. No limite, até podem resolver o contrato e obrigar o pessoal ao pagamento do capital em dívida… Em suma: podem tudo!

    Com o este Sr. (e outros como ele) não há necessidade de quaisquer destas mariquices. Como se, acima do milhão, fossem todos virgens impolutas e tudo bons rapazes que tornam desnecessárias quaisquer garantias… Claro que, os amigos no sítio certo (leia-se, governo) dão sempre jeito.

    Até me atrevo a dizer (que é o que parece resultar nas entrelinhas) que os empréstimos a este Sr. tiveram um propósito e ele limitou-se a ser uma mera engrenagem numa bem oleada máquina. Como era tido como pessoa com dinheiro não seria tão suspeito. Estes empréstimos parecem ter sido do mesmo género daquele que há uns anos permitiu que o controlo do Totta fosse parar a Espanha e no processo outro insuspeito empresário embolsou 7 milhões de contos…

    É bom, todavia, lembrar (os mais distraídos) qual o propósito que os sucessivos empréstimos a este Sr. serviram, qual o partido que governavam com maioria absoluta e, mais importante, a respectiva composição…

    Suprise, surprise, ou melhor dito, choque, choque, o Sr. que agora se diz chocado integrava, junto com outros (os mesmo do costume) o governo que a imprensa e a justiça bem têm qualificado….

    A juntar a isto, a Sra. actriz muito indignada do BE, parece esquecida dos últimos episódios na sua casa.

        • Vai pó carvalho Sykander. Só dizes disparates por aqui. És sempre o mesmo carroceiro. Nem sei como é que o ZAP ainda não correu contigo e com o Eu! daqui para fora.
          E digo isto tudo sem ler uma única linha do que escreveste. No limite, até poderei estar de acordo mas para confirmar isso teria de ler o que escreveste e… para ser sincero… tenho mais que fazer.
          Se estiveres a dizer mal do Costa e dos amigos, estou totalmente de acordo. Se estiveres a dizer mal da rapaziada que fuma brocas também estou de acordo.

          • Existem aqueles que são contra a corrupção, não importa o partido, e aqueles que são a favor do partido, não importa a corrupção.

          • Meu caro, a minha opinião como a de qualquer outra pessoa (como o EU! de quem frequentemente discordo) desde que não cometa crimes conforme o Sr. acabou de fazer, é tão válida como qualquer outra.
            Quanto aos torpes e vis impropérios que me dirige sou perfeitamente capaz de responder-lhe sem descer ao seu nível: vá para o cesto da gávea…

            • O “EU” é um caso perdido. Ele podia recuperar mas tinha de tomar os comprimidos. Hoje não anda por aqui a vender postas de pescada porque deve ter tido mais uma crise…! Algum ataque de estupidez.

        • Caríssimo, parece que se enganou, ainda não lhe vi injúrias nem contradições ao que comentou. Nem sempre o povo é assim tão mauzinho.
          Também concordo consigo.
          Essas indignações de quem não fez nada e agora só sabe criticar nem lhes fica bem.
          Na realidade o “grande capital” dos bancos está sempre pronto a servir os grandes caloteiros, é assim que os gestores bancários ganham avultados prémios de produtividade, sabem que o povo depois compensa isso tudo, a bem ou a mal.

          • Peço desculpa, falei antes de tempo.
            Mas esse comentário, vindo de quem nem leu aquilo que escreveu só pode vir de uma pessoa mal formada.
            EXISTEM AQUELES QUE SÃO CONTRA A CORRUPÇÃO, NÃO IMPORTA O PARTIDO, E AQUELESQUE SÃO A FAVOR DO PARTIDO, NÃO IMPORTA A CORRUPÇÃO.

            • Acha mesmo que é preciso ler os comentários do Sykander?! Acha mesmo que preciso ler uma qualquer obra de Hemingway para saber que é extremamente provável que a obra tenha referências a caçadas em África? Ou que se a obra for de Joseph Conrad, algures, haverá mar e marinheiros?!
              Pelo autor sabemos como é a obra. E a do Sykander já é bem conhecida por aqui.

    • Bem exposto Slylander!! Apenas acrescentava 3 “pontinhos”:
      1) É verdade que o Joe foi mais descarado que os outros. Mas só agora é que se “choca”??? Não é chocante também as “falhas de memória” da maioria dos inquiridos? Ou o não saberem o que se passava? Ou terem todos um património reduzido a uma “garagem”?
      2) E para que servem as comissões de inquérito??? Para os senhores deputados mostrarem publicamente as suas incapacidades e incompetências perante “senhores” que lhes dão 10 a Zero em “evasão fiscal”, “protecção de activos”, “manipulação de influências”, e mais uma ou duas dezenas de outras “disciplinas” que os senhores deputados nunca estudaram? E que muito poucos políticos e deputados têm qualquer experiência empresarial e de “como se fazem as coisas”? E se o principal objectivo da maioria dos deputados é arranjarem “poleiro” quando deixarem de o ser… então vão morder a mão de quem lhes poderá dar de comer no futuro?
      3) E para finalizar: alguém acredita mesmo que este, e outros senhores, virão a pagar alguma coisa, seja em dinheiro, seja com o esqueleto numa prisão???

  6. Este Senhor ofendeu os portugueses!

    Tal como já fizeram noutros casos, deve-lhe ser retirada a ordem da Comenda, até porque ofendem aqueles que a receberam do Estado por mérito próprio.

    • O amigo José Guedes está totalmente equivocado. Então diz que se deve retirar a Ordem da Comenda! Pois eu acho que não. Acho mesmo que lhe deveria ser atribuído o Grande-Colar. No passado sempre procurámos distinguir com as mais altas condecorações todo o tipo de bandidos. Acho que deveríamos manter esta prática assim. É uma forma de os conseguirmos identificar facilmente. Os restantes já sabemos quem são: são os políticos e governantes atuais e passados.

  7. Neste país vale a pena roubar milhões, não podes é roubar pouco porque vais preso.
    Se roubares com ARTE, nada te acontece.
    Agora, o povo que se lixe, que pague.
    Esta última parte é que não me parece muito justa.
    Lamentável vai ser assistir ao nada que lhe vai acontecer!

  8. Este Costa está a cometer uma grande argolada e a dar um grande tiro nos pés. O homem anda atarantado. Ele fazia parte do porreirismo governante que andava de braço dado com Berardo. Este servia para ajudar o grupo da bancarrota, de que Costa foi integrante, a gizar os seus caminhos fúteis que nos haviam de conduzir ao abismo. Aí não estava chocado com Berardo – ele era um amigalhaço do grupo “porreirista” que nos havia de levar à desgraça.

    • Eu não estou nada chocado, porque estas coisas já não me chocam. E o costa também não. Como se toda esta trapalhada não fosse tratada pelos amiguinhos dele na CGD e no Banco de Portugal. Mas o gajo tenta passar pelos pingos de chuva assim como relativamente à operação marquês, tendo ele sido ministro da administração interna e da (in)justiça do socas 44!

  9. Destes mil milhões parte dele foi repartido por essa turma que lhos deu… Por isso, o gajo sente as costas quentes e goza com o pagode!

  10. Aquela cara é Fotoshop ou é mesmo assim? sinto-me gozado. Se isto fica assim é o descrédito total pela justiça…

    • A justiça neste caso nada pode. Foi tudo muito bem organizado.

      O que é mesmo é a demonstração pública e cabal – porque até aqui, sabia-se, mas não era ainda às claras – do despudor e da bandalheira que grassa nas instituições do Estado, em que tudo é possível para os amigalhaços. E não tem a ver com a cor política.
      Finalmente fica claro a todos que fazem o que querem, dão o dinheiro que querem a quem querem. E NINGUÉM é chamado à responsabilidade. Mas mesmo que o fosse, foi só negligente ou incompetente, nada mais lhe vai acontecer. A “negligência/incompetência” vai render bem (se já não rendeu).

  11. Enquanto estas comissões de esquecimento forem como são isto nunca vai dar em nada. Vejam a título de exemplo as comissões do senado americano. Aí a música é outra e todos tremem. Presidentes, banqueiros,… lá tudo treme.

  12. Toda esta trapalhada de dar empréstimos para a compra de ações, com garantia das próprias, terá tido como objetivo principal o assalto ao BCP. Não se esqueçam que quando o socas44 foi para o poleiro, demitiu logo a administração a CGD, indemnizou-a e meteu lá o “socialista” santos ferreira. Mais tarde o vara, que o jorginho já tinha corrido da tal candonga para a prevenção rodoviária, porque andava a roubar para o partido. Esse vara, que tinha sido tesoureiro numa agência da CGD no norte, mas precisamente em Mogadouro, chegou a administrador. Até acredito que se calhar até pediram por favor ao berardo para assumir o papel. Mais tarde a parelha santos ferreira e vara saíram da CGD, levaram todos os segredos que quiseram e foram para o BCP. Quem era governador do BP? Um tipo que agora não se lembra de nada e que fez uma triste figura numa comissão para lamentar. Com gentalha desta como é que o país não há de estar como está e como é que os bancos não iam à falência? Até a CGD, banco do Estado, faliu. Quem paga? Os mesmo de sempre. O costa está chocado? Não! O costa não está nada chocado. Quem ele diz está chocado é o país. Eu não estou nada chocado porque coisas destas ou parecidas são o pão nosso de cada dia.

    • Costa não ficou chocado com a miserável cena protagonizada, recentemente, por Vitor Constâncio, no mesmo Parlamento. Nem Costa ficou chocado com o seu amiguinho Sócrates, quando meteu uma espécie de testas de ferro na CGD e andava de braço dado com Berardo. Eram só sorrisos. Hoje, Costa diz que não conhece: está chocado com ele ! Como se pode confiar num matreiro, habilidoso e mentiroso como é Costa ?

  13. Pessoalmente esperava mais do Joe. Esperava que arrotasse e se peidasse enquanto respondia aos de-puta-dos. Até pensei que ele levasse batatas fritas ou pipocas e um garrafão de vinho tinto para o evento. Foi com a mesma roupa de sempre. Também a podia lavar de vez em quando.
    Pessoalmente fiquei chocado. Esperava mais deste brutamontes.

    • Hihihihihihihihhihi! Era boa. Era o que aqueles incompetentes mereciam. O que é que eles percebem de bancos e de malabarismos dentro do mesmos? Se eles nunca trabalharam, nunca fizeram nada na vida, e arranjaram aquele tacho porque andam a lamber as botas aos chefes. Não estão lá porque o Povo vota neles. Estão lá porque não levantam problemas e vão lambendo as botas aos seus donos.

      • Essa é a realidade nua e crua. Hoje a classe política não vale esterco. Com esta gente estamos entregues à bicharada. Repare-se, por exemplo, no governo que temos, onde a vergonha não impera e dão-se ao luxo de meterem dezenas de familiares para dentro da gamela. Vale tudo. E até sua excelência o beijocas, anda distraído e anestesiado pelo governo SÓ FAMÍLIA. O tempo é de paródia nacional. Só falta saber até quando.

  14. Não deveria ser novidade, nem motivo de embaraço, ou sequer choque!
    .
    Afinal o clube querido de ambos até vai ganhar o campeonato. Porquê desavenças nesta hora de comédia, amnipulação e comemoração?!
    .
    Os políticos e os Tugas deviam parabenizar o Joe!
    .
    Pelo que se percebe ele (O Joe) é um grande artista a capitalizar a arte da manhosice política, made in Tugalândia – uma verdadeira geringonça tremelicando há 45 anos, e smepre para o lado mais conveniente.
    .
    O Joe gozou quanto quis (e vai continuar…) com a cara destes representantes do povo que se organizaram para tomar o poder, quando de facto o partido mais votado foi outro que nem está na governação!
    .
    Mas como a Constituição permite as geringonças, então o Joe gozou com os geringonceiros.
    .
    O Joe permitiu-se passar uma atestado de perfeita idiotice aos políticos que o interrogaram.
    .
    O Joe deu-lhes uma lição de chico-espertice como não era suposto e nem seria esperado, neste reino tanso e manso da Tugalândia, gerido por aprendizes de espertalhão.
    .
    O Joe serviu-se com maestria das estratégias e cambalhotas que os políticos têm vindo a regulamentar para safarem quem se abotoa e que penalizam severamente quem quer ser decente.
    .
    Pelos factos, sim pelos factos, não parece que os políticos alguam vez se questionem se estão ou não a chocar ou gozar com a cara de quem os elege, ou lhes paga o salriaoe e deles espera competência, serviço, progresso e dignidade!
    .
    Não é o país que está ou ficou chocado! Não!… O embaraço e VERDADEIRO CHOQUE foi perceber que o Joe virou o bico ao prego das manigâncias políticas e fez estes tipos geringonceiros sentarem-se nele em frente das TV’s
    .
    Foi um inquérito para ficar nos anais da República!
    .
    O VERDADEIRO CHOQUE foi ………..O ENXOVALHO PÙBLICO da CLASSE POLÍTICA
    .
    Mas… e dado o excesso de eunucos, não parece que este seja o último, e o mais certo é o aparecimento de mais Joes arrogantes e prepotentes a servirem aos políticos, o que estes servem aos Tugas.
    .
    Esperar para ver.

    • O Costa pensava que só ele era o chico-esperto. Por isso ficou espantado com o baile que o Berardo deu aos imaturos deputados. Viva o “lindo” Portugal de hoje !

  15. Chocado estou eu já bastante tempo, por falar em divida a CGD eu fiquei teso, mas paguei a minha divida a esta instituição, Azar tiveram dois colegas meus que se suicidaram e outros fugiram para o estrangeiro, no tempo da Ferreira Leite e Durão Barroso quando acabaram com o regime bonificado.
    Este Sr. não tem culpa, culpa é dos Diretores da Caixa que sem qualquer garantia (emprestou) deu o valor que ele quis, será que também estes, comeram parte do capital?

  16. A cara deste comediante reflecte a angustia que a maralha da sua classe sente perante cenário tão dramático que criaram ao país, resta apenas a caricatura daqueles que meteram os milhões no bolso a tais aldrabões que deve ser mais ou menos idêntica pois até há data parece nenhum deles ainda ter sido posto atrás das grades nem acontecerá, portanto vão-se ficar todos a rir!.

  17. Costa admite NACIONALIZAR o Siresp ?! Então agora já há dinheiro ?!….Caça-se mais depressa um mentiroso que um coxo ! Esta corja faz gato-sapato do povo. Estou desiludido com estes trauliteiros.

  18. Na Répública da Korruptlândia, apenas os bandidos são protegidos e pior de tudo são protegidos por outros bandidos maiores. O que interessa é destruir o país por completo, basta ler os 10 mandamentos de Estaline e está lá todas as manobras dos governos esquerdopatas da Korruptlândia….. Quaisquer semalhanças com os governos da República Federativa do Brasilão ou da Vêsmisériazuela, não é ficção científica…. é realidade a 100%!!!!.

Responder a LR Cancelar resposta

Grande tempestade de areia pode ter ditado o fim de um império da Mesopotâmia

O Império Acádio da Mesopotâmia entrou em colapso devido a uma enorme tempestade de areia, sugeriu uma nova investigação levada a cabo por cientistas da Universidade de Hokkaido, no Japão. Em comunicado, os especialistas explicam …

Encontrado templo milenar usado em rituais pagãos de veneração da água

O local tem 3.000 anos, onde investigadores encontraram 21 sepulturas, bem como várias peças de cerâmica e anéis de cobre. O templo era usado em rituais pagãos de veneração da água. Uma equipa de arqueólogos encontrou …

Elon Musk diz que inovações da Neuralink vão conseguir curar o autismo

Musk disse que a sua empresa Neuralink iria "solucionar uma série de doenças neurológicas", entre as quais o autismo. Contudo, o autismo não é uma doença relacionada com o cérebro, mas sim uma perturbação do …

"Indivíduos desconhecidos" terão obrigado Marinha a apagar vídeo do incidente do USS Nimitz com um OVNI

Vários membros da Marinha que testemunharam o famoso Incidente do USS Nimitiz, em 2004, disseram que "indivíduos desconhecidos" apareceram depois do acontecimento e obrigaram-nos a apagar as gravações de vídeo. Em novembro de 2004, um porta-aviões …

Coreia do Norte detonou bomba atómica equivalente a 17 "Hiroshimas"

Dados de um satélite japonês revelam que a explosão de um teste nuclear na Coreia do Norte, em 2017, terá sido 17 vezes mais poderosa do que a bomba de Hiroshima. A Coreia do Norte estimou que …

Invenção financiada por Bill Gates pode invisivelmente resolver a malnutrição

Uma invenção financiada por Bill e Melinda Gates pode ser a solução para resolver o problema da malnutrição a nível mundial. O próximo passo é conseguir o apoio dos Governos locais. A malnutrição é um problema …

Com a ajuda de um radar, cientistas revelaram pegadas de mamutes e humanos pré-históricos

Espalhados pelo Monumento Nacional de White Sands, nos Estados Unidos, encontram-se os "rastos fantasma" de mamutes mortos há milhares de anos. Agora, investigadores conseguiram revelar pegadas de humanos. De acordo com o Science Alert, esta descoberta, …

A desertificação está progredir na Índia. Mas a solução pode estar no conhecimento tradicional

Quase 45% da área de Maharashtra está a transformar-se em deserto, assim como uma grande parte da Índia. De acordo com a Organização das Nações Unidas (ONU), o ritmo da desertificação no país é agora …

Um dos videojogos mais famosos do mundo é acusado de propaganda anti-Rússia

Call of Duty é uma das franquias de maior sucesso na história dos videojogos, mas atualmente existem pedidos para boicotar o seu último lançamento devido à descrição de conflitos militares do jogo. Call of Duty: Modern …

Nova aplicação rastreia todos os seus passos em troca de descontos

Todas as pessoas gostam de aproveitar descontos, negócios e saldos. A Miles é uma nova aplicação que lhe oferece isso em troca de algo: a sua privacidade. A app rastreia todos os seus movimentos, disponibilizando descontos …