Objetos interestelares podem estar a levar vida da Terra para o Espaço profundo

ESA / M. Kornmesser / European Southern Observatory

Astrónomos de Harvard sugeriram que os objetos interestelares que entraram no nosso Sistema Solar terão recolhido micróbios da atmosfera da Terra para levá-los para o Espaço profundo.

O estudo, que está disponível online no arXiv, foi escrito por Amir Siraj e Abraham Loeb, que teorizaram a possibilidade de o objeto interestelar Oumuamua ser os restos de uma nave espacial não-terrestre abandonada.

Há várias versões da teoria da panspermia – hipótese de que a vida existe em todo o Universo, distribuída por meteoros, asteróides e planetóides. Existe a litopanspermia, a ideia de que as rochas expulsas por impactos são responsáveis pela propagação de micróbios de um planeta para o outro. Depois há a maior variante, onde asteróides e cometas interestelares são responsáveis por distribuir a vida entre sistemas estelares e galáxias.

“As teorias tradicionais da panspermia postulam que os impactos planetários podem acelerar os detritos do campo gravitacional de um planeta, e potencialmente mesmo fora do campo gravitacional da estrela hospedeira. Entre outros problemas, esses resíduos geralmente são muito pequenos, fornecendo pouca proteção contra radiação prejudicial para qualquer micróbio potencialmente fechado durante a viagem de detritos pelo espaço”, explicou Siraj ao Universe Today.

O foco tradicional da panspermia requer um processo que incorpora os micróbios nas rochas, mas também fornece energia suficiente para expulsá-los da Terra e do Sistema Solar. Segundo o EuropaPress, um objeto deve viajar a uma velocidade de 11,2 quilómetros por segundo para escapar da gravidade da Terra e 42,1 quilómetros por segundo para escapar do Sistema Solar.

Pelo contrário, Siraj e Loeb examinaram se seria possível cometas ou objetos interestelares (como o Oumuamua e o Borisov) propagar vida. Isto consistiria na entrada desses objetos na atmosfera da Terra, na recolha de micróbios detetados até 77 quilómetros acima da superfície e na obtenção de uma onda gravitacional que poderia enviá-los para fora do Sistema Solar.

Em comparação com os objetos que impactam a superfície, este mecanismo traz uma série de vantagens. “Uma vantagem de um cometa ou objeto interestelar que recolhe micróbios do topo da atmosfera da Terra é que podem ser grandes e garantir a expulsão do Sistema Solar à medida que passa tão perto da Terra. Isso permite que os micróbios fiquem presos nos cantos do objeto e obtenham proteção substancial contra a radiação prejudicial para que possam estar vivos quando encontrarem outro sistema planetário“.

Para avaliar essa possibilidade, Siraj e Loeb avaliaram o impacto que a atmosfera da Terra teria sobre um objeto interestelar, bem como o efeito da onda gravitacional. Isso permitiu restringir os tamanhos e energias de objetos que poderiam exportar micróbios da atmosfera da Terra para outros planetas e sistemas planetários.

“Usámos as taxas observadas de cometas e objetos interestelares para medir o número de vezes que esperamos que esse processo ocorra durante o período em que a vida existe na Terra”, disse Siraj.

A partir disso, descobriram que, ao longo da vida da Terra (4,540 milhões de anos), aproximadamente 1 a 10 cometas e 1 a 50 objetos interestelares teriam seguido um caminho adequado para exportar a vida microbiana da atmosfera da Terra.

Além disso, estimaram que, se a vida microbiana existisse acima de uma altitude de 100 quilómetros na nossa atmosfera, o número de eventos de exportação aumentaria dramaticamente para aproximadamente 100 mil ao longo da vida do planeta.

O Oumuamua, ou “Mensageiro das Estrelas”, está rodeado de mistérios desde o dia em que foi descoberto por astrónomos da Universidade do Hawai, em outubro de 2017.

Depois de constatar mudanças na velocidade do seu movimento, o Centro de Astrofísica Harvard-Smithsonian sugeriu que o asteróide poderia ser uma “sonda” enviada à Terra intencionalmente por uma “civilização alienígena”.

No último ano, o mundo da astronomia debruçou-se no estudo do corpo celeste e as mais várias teorias já foram apresentadas em artigos científicos: desde o seu passado violento, passando pela possibilidade de ser um sistema binário, e até o provável local de onde veio o Oumuamua.

Investigadores também sugeriram que milhares de objetos semelhantes ao Oumuamua podem estar presos no Sistema Solar.

Recentemente, o astrónomo amador Guennadi Borísov, residente na Crimeia, detetou o cometa em 30 de agosto usando um telescópio de 0,65 metros de diâmetro fabricado por ele próprio. Este cometa é o segundo objeto interestelar descoberto na história.

ZAP //

 

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. E quem garante q esse “oumuamua” não foi mesmo uma nave, criada por nós mesmos, ha milahres snão milhões de anos?! num espaço-tempo diferente do q vivemos aparentemente nos dias de hoje?!

    pode ter sido o nosso futuro a ter enviado essa nave e s´s ha pouco ter chegado a nós por buracos inter-estelares ou algum portal.

    isto significa que, caso seja verdade, vivemos num espaço tempo bem grande pois a tecnologia deles será brutal comparadamente ha nossa se o q o ser humano actual pensa ser que a aumuamua é uma nave “extra-terrestre” ou nao.

  2. Concordo com meu amigo, noid, estamos bem perto de conhecermos nosso futuro, nossos antecessores desde os tempos longínquos os egípcios já mostravamos a estrelas como pode ser possível como Jesus foi gerado e hoje vc ver a inseminação x pode ser estamos perto mas ainda ignorante nos humanos para eles somos nandertal.

  3. Eu sonhei que os dois objetos são na verdade navegantes e ainda vão mostrar pra que veio ao planeta Terra….. vão exibir suas habilidades através do mar.

RESPONDER

Antártida tem quase mais 20% de colónias de pinguins-imperador do que se pensava

Imagens de satélite revelam que há quase mais 20% de colónias de pinguins-imperador na Antártida do que se pensava anteriormente, totalizando 61, divulgou esta quarta-feira a Agência Espacial Europeia (ESA). Dados obtidos por dois satélites europeus …

De taxista a bombeiro. EHang lança drone para combater incêndios em arranha-céus

A chinesa EHang tem concentrado os seus esforços em serviços de táxi ou turismo aéreo. Agora, a empresa de mobilidade quer provar a versatilidade da sua plataforma de veículos autónomos com o lançamento de uma …

Netflix lidera mercado de streaming em Portugal e ranking do IMDb

A Netflix junta, neste momento, o melhor de dois mundos. Tem um catálogo maior, e por isso com mais produções bem cotadas no IMDb, e é também o serviço de streaming com maior número de …

"Estou cansada de ter medo". Candidata da oposição faz tremer presidenciais na Bielorrússia

Na Bielorrússia, Svetlana Tikhanovskaya, candidata da oposição de apenas 37 anos, está a fazer frente ao mais antigo líder da europa, na corrida as eleições presidenciais. Tikhanovskaya mantém-se firme na luta pelo poder contra o presidente …

Fauci revela que recebeu ameaças de morte e que as suas filhas foram assediadas

Anthony Fauci, um dos principais peritos em doenças infecciosas da Casa Branca, revelou esta quarta-feira que recebeu ameaças de morte e que as suas filhas foram assediadas por causa das suas declarações sobre a covid-19. "Receber …

Califórnia já tem uma estrada pavimentada com plástico

O que parece uma estrada comum é agora a mais recente novidade na cidade de Oroville, na Califórnia. A nova construção junta uma tecnologia que mistura garrafas de plástico com asfalto. Por cada quilómetro de …

Mais de mil operacionais combatem cinco grandes fogos em Portugal

Mais de 1100 operacionais e 16 meios aéreos estão a combater, esta quinta-feira, os cinco maiores incêndios rurais em território continental, concentrados sobretudo na região Centro, de acordo com dados da Proteção Civil. Segundo o site …

Coca-Cola financiou estudos científicos que minimizaram o papel das bebidas açucaradas na obesidade, revela investigação

A Coca-Cola terá financiado com milhões de dólares vários estudos científicos que minimizaram o impacto das bebidas açucaradas na obesidade. A conclusão é de uma investigação publicada na revista médica Public Health Nutrition, que conta …

André Ventura vai pedir suspensão temporária do mandato no Parlamento

O deputado do Chega vai pedir, em setembro, a suspensão do mandato parlamentar até fevereiro do próximo ano para se dedicar às campanhas eleitorais da região dos Açores e das Presidenciais. Em declarações à agência Lusa, …

Governo abre concursos para 800 novos técnicos especializados nas escolas

As escolas vão poder contratar mais de 800 novos técnicos especializados, um reforço de recursos humanos "englobado nas medidas excecionais de organização e funcionamento das escolas para o próximo ano letivo". "As escolas vão poder contratar …