Astrónomos revelam passado violento do “mensageiro” interestelar

M. Kornmesser / European Southern Observatory

Impressão de artista do primeiro asteróide interestelar: Oumuamua.

O asteroide Oumuamua – “mensageiro de muito longe que chega primeiro”, em havaiano – está a girar caoticamente pelo espaço e pode continuar assim por mais de um milhar de milhões de anos.

Esta é a conclusão de uma pesquisa publicada na revista Nature Astronomy na sexta-feira que analisou em detalhes o brilho gerado pelo objeto interestelar, que tem formato de charuto. O Oumuamua foi descoberto a 19 de outubro, e a velocidade e trajetória sugerem que se originou num sistema planetário que orbita ao redor de outra estrela que não o Sol.

Em algum momento, houve uma colisão“, diz Wes Fraser, da Queen’s University, em Belfast, na Irlanda do Norte, segundo a BBC.

Inicialmente, pensava-se que o objeto podia ser um cometa, mas não apresenta características típicas desse tipo de corpo celeste, como cauda de partículas de gelo.

Por outro lado, o Oumuamua apresenta todos os aspetos de um asteroide, com exceção do formato fora do comum, provocado, ao que tudo indica, por um passado “turbulento”, com pelo menos uma grande colisão.

Os astrónomos têm se empenhado em observar essa rocha espacial única antes que desapareça do nosso campo de visão.

Para identificar a exata cadência da rotação do objeto espacial, os cientistas da Queen’s University analisaram a variação na sua luminosidade ao longo do tempo.

Quase de imediato, Fraser e os seus colegas de pesquisa perceberam que o Oumuamua não estava a girar periodicamente, como acontece com muitos pequenos asteroides, mas sim caoticamente, praticamente fazendo acrobacias.

A explicação mais plausível para o formato e comportamento do asteroide é que foi atingido por outro objeto. Os cientistas explicam que as colisões costumam ocorrer quando planetas se estão a formar e a crescer, mas não é possível saber o momento exato em que o Oumuamua adquiriu o formato de charuto e começou a rodar.

O que sabem é que o asteroide pode continuar a fazer as “acrobacias” durante, pelo menos, um milhar de milhões de anos.

Embora o Oumuamua se tenha formado ao redor de outra estrela, os cientistas acreditam que vagou pela Via Láctea, sem estar atrelado a qualquer Sistema Solar, por milhões de anos antes de entrar no nosso.

A “caça” agora é por mais objetos semelhantes a esse asteroide. Acredita-se que existam cerca de 10 mil outros de passagem pelo Sistema Solar. O problema é que são pequenos e escuros, o que os torna difíceis de localizar.

Um novo observatório em construção, que se irá chamar Telescópio de Grande Observação Sinóptica, pode vir a facilitar esse tipo de descoberta. Com uma lente de 8,4 metros e uma câmara digital muito potente, vai permitir a visualização de toda a extensão do céu do local onde será posicionado, no Chile.

Se algo se mover ou cruzar o céu, dificilmente passará despercebido das lentes do novo telescópio. “É o equipamento perfeito para encontrar outros objetos como o Oumuamua”, diz Fraser.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

"Casa de animais". Escândalo sexual nos Dallas Mavericks abala NBA

O ex-presidente executivo da equipa da NBA foi acusado por várias funcionárias de assédio sexual, assim como o responsável pelo site da organização. Uma investigação levada a cabo pela Sports Illustrated revelou, esta quarta-feira, as práticas de …

Sporting vs Astana | Leão empata mas segue em frente

O Sporting cumpriu o esperado e apurou-se para os oitavos-de-final da Liga Europa, apesar de empatar com o Astana, em casa, por 3-3. Após uma primeira parte de alguns sustos, Bruno Fernandes “abriu o livro” após …

REN pode vir a pagar metade da fatura da tarifa social do gás

Esta quinta-feira, o jornal Público avança que o Governo quer que, em vez dos consumidores, sejam as "transportadoras" e "comercializadoras" a financiar a tarifa social do gás. A ERSE terá de adaptar as tarifas à …

Proteína BolA torna bactéria salmonela mais resistente

Uma equipa de cientistas portugueses está a estudar a proteína BolA, de forma a tentar combater o facto de a salmonela ser um dos grandes problemas existentes na atualidade, já que esta bactéria pode contaminar …

Presidente da Ford nos EUA demite-se por comportamento inadequado

Uma investigação interna concluiu que Raj Nair levou a cabo comportamento "inconsistente com o código de conduta da empresa". O Presidente da Ford nos EUA, Raj Nair, demitiu-se "com efeitos imediatos" depois de uma investigação interna …

PJ investiga contas bancárias de Bruno de Carvalho e de familiares

As contas bancárias de Bruno de Carvalho, presidente do Sporting, estão a ser passadas a pente fino por investigadores da Polícia Judiciária, no âmbito das suspeitas em torno de eventuais "luvas" nas transferências de jogadores. A …

Rúben Semedo em prisão preventiva acusado de tentativa de homicídio

O futebolista português Rúben Semedo, internacional sub-21 que joga no clube espanhol Villarreal, vai ficar em prisão preventiva, a aguardar julgamento, depois de ter sido acusado de tentativa de homicídio. Um juiz do tribunal de Líria, …

Opositor russo Alexei Navalny detido um mês antes das presidenciais

O líder da oposição russa Alexei Navalny anunciou ter sido detido pela polícia em Moscovo, a menos de um mês das eleições presidenciais, para as quais apelou ao boicote. Através do Twitter, Navalny disse ter sido …

Com 13 anos, Jack não conseguiu jogar na lotaria (mas comprou uma arma)

Jack, um rapaz norte-americano de 13 anos, tentou, sem sucesso, comprar cerveja, cigarros, revistas para adultos ou até jogar na lotaria. Mas quando se tratou de comprar uma arma, conseguiu-o em menos de dez minutos. O …

PCP sozinho na luta contra o Acordo Ortográfico

PSD, PS, CDS e BE demarcaram-se, esta quarta-feira, do projeto de resolução do PCP, que pretende a desvinculação de Portugal do Acordo Ortográfico de 1990, ainda que admitam a necessidade de o aperfeiçoar. Na defesa do …