NASA acaba de divulgar novos dados sobre o misterioso Oumuamua

ESA / M. Kornmesser / European Southern Observatory

Impressão de artista do primeiro asteróide interestelar: Oumuamua.

A NASA acaba de revelar novas informações sobre Oumuamua, o primeiro asteróide não oriundo do Sistema Solar já detetado. De acordo com uma nova publicação, o corpo interestelar é um “objeto relativamente pequeno e reflexivo. 

Oumuamua, “O Mensageiro das Estrelas”, é um objeto interestelar com uma trajetória altamente hiperbólica, que fez com que fosse classificado como o primeiro asteróide de uma nova classe apelidada de “Asteróides Hiperbólicos”.

Depois de avaliar as constantes mudanças na velocidade do seu movimento, o Centro de Astrofísica de Harvard-Smithsonia, dos Estado Unidos, chegou a sugerir que este objeto poderia, na verdade, ser uma “sonda” enviada intencionalmente à Terra por uma “civilização alienígena“.

Também a NASA mantém vários telescópios apontados a este estranho corpo espacial no entanto, a agência espacial norte-americana não conseguiu detetá-lo, nem mesmo no início de setembro, quando o Oumuamua estava mais próximo da Terra.

“O Oumuamua tem-se revelado cheio de surpresas desde o primeiro dia e estávamos ansiosos para ver o que o telescópio espacial Spitzer poderia mostrar”, disse David Trilling, professor de Astronomia da Universidade do Arizona, nos EUA, e autor do estudo.

Estas “não observações”, agora publicadas na revista Astronomical Journal, permitiram limitar o tamanho deste asteróide que já está a fazer história. A publicação sugere que o Mensageiro das Estrelas é “um objeto relativamente pequeno e reflexivo“, pode ler-se.

“O facto do Oumuamua ser pequeno demais para ser detetado pelo Spitzer é, na verdade, um resultado muito valioso”, sustentou o cientista.

Embora os cientistas não consigam, sob estas circunstâncias, identificar a forma exata dos asteróide, é possível calcular a área aproximada da sua superfície, uma vez que, se o objeto fosse grande o suficiente, já teria sido detetado.

Por exemplo, o “diâmetro esférico” do Oumuamua – caso fosse um objeto esférico (que certamente não será) – mediria entre 320 e 440 metros, determinaram os cientistas. Estes números são consistentes com outras estimativas já realizada que sustentam que o asteróide tem menos de 800 metros de comprimento, no máximo.

O estudo recém-descoberto aponta que o Oumuamua é um objeto pequeno e esta informação pode ajudar a melhor perceber qual a sua origem e evolução. No entanto, alertam os cientistas, ficam ainda muitas questões por responder – no fundo, a natureza do asteróide ficou ainda mais enigmática com os novos dados.

O seu tamanho relativamente pequeno dá espaço à teoria que defende que o objeto está a ser empurrado a partir de dentro e através de gás, o que poderia tê-lo expulsado do seu sistema solar materno, forçando-o a viajar no Espaço.

Esta teoria poderia assim explicar o comportamento “cada vez mais bizarro” do Oumuamua, em particular o facto de o telescópio espacial Spitzer não o ter detectado no local em que os astrónomos esperavam encontrar o asteróide extrassolar – algo que, dizem algumas teorias, poderia ser explicado por uma “súbita aceleração” do objecto.

Cometa, asteróide ou uma sonda alienígena que passou pela Terra? O enredo adensa-se…

PARTILHAR

RESPONDER

Bebé nos EUA nasceu sem pele (e ainda não se sabe porquê)

Um bebé no Texas, nos EUA, nasceu sem pele na maior parte do seu corpo. Ja'bari Gray nasceu a 1 de janeiro e pesava apenas 1,4 quilogramas. O menino não tem pele na maior parte do …

Os donos de cães são mais felizes que os donos de gatos

O mundo está dividido em dois: amantes de cães e amantes de gatos. Um estudo acaba de revelar que os donos de cães são mais felizes do que os donos de felinos. Será que os donos …

Estávamos quase a perder um osso do joelho (mas afinal está de volta)

Algumas pessoas têm um osso extra no joelho, conhecido como fabela. Ninguém identificou um propósito para o osso, que até aumenta o risco de artrite. Não era uma surpresa que o osso estivesse a tornar-se cada …

Explosões em hotéis e igrejas no Sri Lanka fazem 200 mortos. Há um português entre as vítimas

Uma série de oito explosões simultâneas em quatro hotéis, um complexo de casas e três igrejas no Sri Lanka deixou pelo menos 207 mortos, entre os quais nove estrangeiros, e 469 pessoas feridas. Um dos …

Os ratos (também) têm sentimentos

Cientistas detetaram “neurónios-espelho” nos ratos. Quando um rato sofre, as células que o seu cérebro ativa são as mesmas do que quando vê um outro rato sofrer. A dor é partilhada e transversal, exatamente como …

Milhares de peregrinos vão a Shingo em busca de Jesus (que, diz a lenda, ali está enterrado)

Jesus não morreu aos 33 anos, mas aos 109. Casou e teve três filhas. Quem foi crucificado em Jerusalém foi o seu irmão. Estas são as crenças de um pequeno grupo de cristãos que vivem …

Os Simpsons fazem 30 anos a celebrar o seu dia internacional

A série sobre uma das famílias mais queridas da televisão mundial "Os Simpsons" vai fazer em dezembro 30 anos desde a sua estreia neste formato, mas as comemorações começam já esta sexta-feira com direito a …

Só as mulheres podem parar o Apocalipse nuclear

O aumento da participação feminina no setor nuclear ajudaria a reduzir a ameaça de um Apocalipse, afirmou recentemente a analista Xanthe Scharf. O conflito nuclear continua a ser a maior ameaça imediata à segurança global. Os …

Esqueleto que caiu de um penhasco pode ter pertencido a uma princesa

Há mais de um século, um tronco esculpido que continha o antigo esqueleto de uma mulher caiu de um penhasco à beira-mar na pequena vila costeira polaca de Bagicz. Agora, os investigadores determinaram que a mulher …

Apanhado no Facetime. Prisão perpétua para português por violação e agressão em Inglaterra

Um português a residir em Inglaterra foi condenado a prisão perpétua por violação e agressão a uma jovem de 19 anos, tendo uma captura de ecrã durante uma chamada de FaceTime sido um elemento chave. Samuel …