“Um bode expiatório”. Novo suspeito do caso Maddie foi antecipado por Gonçalo Amaral

José Sena Goulão / Lusa

O ex-inspetor da Polícia Judiciária (PJ) Gonçalo Amaral

No ano passado, Gonçalo Amaral já tinha antecipado o novo suspeito do desaparecimento de Maddie McCann, Christian Brueckner. O ex-inspetor da PJ disse que se tratava de um bode expiatório.

A polícia alemã, inglesa e portuguesa identificaram o alemão Christian Brueckner como o principal suspeito do desaparecimento de Madeleine McCann, há 13 anos. O suspeito está preso na Alemanha e terá estado na Praia da Luz, em maio de 2007, altura em que a criança desapareceu.

Gonçalo Amaral, antigo inspetor da Polícia Judiciária que investigou o caso Maddie, antecipou o novo suspeito no ano passado. “Será ele provavelmente o bode expiatório”, disse Amaral, referindo-se a Brueckner. Na altura, em declarações ao podcast Maddie da Nine.com.au, o ex-inspetor disse que a polícia inglesa estava a “preparar o fim da investigação, com um pedófilo alemão que está na prisão agora”.

De acordo com o Diário de Notícias, Amaral disse que o germânico já tinha sido investigado pela Policia Judiciaria na época, “tendo sido descartado como suspeito”.

“A caravana em que ele morava foi levada para a Alemanha para testes, mas nada foi encontrado”, disse Gonçalo Amaral no podcast australiano. Mais tarde, em novembro do mesmo ano, o antigo inspetor da PJ reiterou que a imprensa britânica estava errada ao apontar um alemão condenado a prisão perpétua como a nova linha de investigação.

“Aquilo que eu sei é que não é esse”, atirou, sugerindo que o suspeito das autoridades inglesas e alemãs era um outro cidadão germânico.

Na altura, Gonçalo Amaral disse também que o suspeito tinha muitas semelhanças físicas com com Gerry McCann, o pai de Maddie.

Christian Brueckner está preso pela violação de uma mulher norte-americana de 72 anos. Em tribunal, quando estava a ser julgado pelo crime, disse que escolheu Lagos, no Algarve, para viver porque gostou do nome da cidade.

“Era muito reservado, não falava com ninguém, lembro-me que andava num Jaguar antigo e pouco mais”, recorda uma vizinha, citada pelo Expresso. “Andava arranjado, não era um hippie”.

Brueckner é também suspeito de cometer várias atividades criminosas, desde a venda de droga ao furto de combustível de viaturas, passando por assaltos a apartamentos de turistas. A teoria é que o alemão terá entrado no apartamento do casal McCann em Lagos para o assaltar, mas por razões desconhecidas, terá acabado por raptar a criança que dormia lá com os dois irmãos.

Cinco pedidos de cooperação internacional

O alemão suspeito de estar envolvido no caso Madeleine McCann foi alvo de cinco pedidos de cooperação judiciária internacional, dirigidos ao Ministério Público português, incluindo no processo que investiga o desaparecimento da criança inglesa.

Questionada pela agência Lusa sobre os processos crime nos quais o cidadão alemão Christian Brueckner esteve envolvido, a Procuradoria-Geral da República (PGR) informou hoje que não foi localizado, na comarca de Faro, qualquer inquérito, mas houve “cinco pedidos de cooperação judiciária internacional em que o nome é mencionado”.

Segundo a PGR, tais pedidos reportam-se a um processo que foi arquivado em fevereiro de 2006 e que correu termos contra desconhecidos “e ao processo em que se investiga o desaparecimento de Madeleine McCann”.

O Ministério Público de Braunschweig, na Alemanha, assumiu esta quinta-feira que Maddie está morta.

Casal McCann questiona autoridades sobre morte

Os procuradores do Ministério Público alemão acreditam que Madeleine McCann foi assassinada. O investigador Christian Hoppe, do Bundeskriminalamt, revelou que a criança pode ter sido alvejada quando o suspeito assaltava o apartamento da família.

Numa entrevista à ZDF, o investigador disse, no entanto, que ainda não descarta o sequestro, nem um ataque provocado por motivos sexuais, mas frisa que a investigação indica que “a criança está morta”. “Não podemos excluir essa possibilidade. Mas também é possível que o suspeito, depois de uma intenção inicial de roubo, tenha depois cometido um crime sexual.”

A família de Madeleine McCann procura respostas no caso em que foi identificado um suspeito na Alemanha, nomeadamente saber por que razão as autoridades alemãs acreditam que a menina está morta.

Embora numerosos suspeitos tenham surgido anteriormente no âmbito da longa investigação policial, o porta-voz da família McCann, Clarence Mitchell, disse que “parece que há algo diferente desta vez”, numa alusão aos indícios.

“Em mais de 13 anos que levo a trabalhar com a família McCann, não me lembro da polícia ser tão específica sobre um suspeito”, disse Mitchell à Sky News.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

44 COMENTÁRIOS

  1. Mais uma vez, o Gonçalo Amaral muito à frente de outras “super-polícias” que torram milhões para chega onde ele ja tinha chegado há anos, com tostões!…
    Next!

  2. Mais do mesmo com o “casal de maravilha” a inventar suspeitos…. Ou a tentar achincalhar as autoridades Portuguesas, muito concretamente na pessoa do Coordenador Gonçalo Amaral.
    Ironia será concluirmos que amealharam arrojada fortuna numa campanha/fundação solidária que os próprios moveram, de motivações/contornos cada vez mais obscuros.
    No extremo da crueldade e diabólico será concluirmos que toda essa encenação mediática que conduziram não estará de todo arredada a possibilidade de tentarem excluir-se da suspeita na autoria do desaparecimento da filha – obviamente acidental (onde encaixa perfeitamente o adormecimento para lá do esperado como forma de poderem participar na “orgia” com os outros casais amigos) opção por demais óbvia.
    Abandonaram uma criança menor para irem para a farra, mas essa é ainda a pequena parte da responsabilidade quando percebemos que terão provocado um “adormecimento mais prolongado” e nem aí tiveram a honestidade e dignidade de assumir o erro/acidente.
    Ao invés, criaram um circo miserável de encenações, continuarão a encontrar suspeitos como manobra de diversão junto da opinião pública para ocultar a sua responsabilidade e a verdade.
    Como pai jamais me recusaria participar nas diligências todas que me fossem propostas pela investigação/polícia, mesmo que percebesse recaírem suspeitas sobre mim…
    Neste caso concreto, não só o “casal maravilha” se recusou participar em diligências com a PJ, como condicionaram a participação dos amigos com quem eles estiveram nessa noite… isso só reforça ainda mais a conivência de todo aquele grupo a ocultar a verdade.
    Se não houvesse algo obscuro e comprometedor a ocultar – entre aqueles intervenientes da noite fatídica -, não seria legítimo pensar que seria uma atitude de boa fé falarem as vezes que fossem necessárias com a Polícia?
    Seria, acreditamos todos, um sinal de empenho o interesse e iniciativa de ajudar a investigação… mas na verdade esse nunca foi o intento daqueles Ingleses.

  3. Lá temos um jogador da Comunada Socialista / Marxista, que insiste na Lavagem de Cerebro.
    Esse Alemão está a cumprir pena por Crimes Sexuais contra Crianças!
    Dar o gajo inscomo uspeito é prova suficiente que não passas de um Burro ao ABrigo do Autopritarismo.

  4. essa de andar a insistir na culpa dos McCann já está a tronar-se numa Mania de Louco, Perseguição, num òdio patologico e irracional, proprio deum Psicopata.

    • Ó Estou-te a ver…tens 11 ou 12 anos de idade? em três palavras que escreves, duas têm erros…; tens o teclado avariado ou é mesmo deficiência?

    • Se aprendesse primeiro a escrever e depois a tomar a medicação conforme o médico terá prescrito provavelmente não fazia aqui esta triste figura. É lamentável.

    • Será que o “Estou a ter” está ao serviço da família enlutada para apoiar ao circo montado por suas excelências inglesas?

  5. Depois de ver o documentário da Netflix sobre o desaparecimento de Maddie em que Sandra Felgueiras diz com as letras todas que este senhor mentiu-lhe descaradamente várias vezes e que muito do que foi dito na altura, inclusivamente tornarem os pais arguidos, era tudo mentira, o que Gonçalo Amaral diz não vale nada.

    • Oh Clara, podemos equiparar o documentário da Netflix à nossa CMTV ou a TVI, mas mais chique por ser produzido “lá fora”?
      Digo eu: assim tipo aqueles pasquins necrófagos que exploram horas/dias/meses a fio as notícias mais ensanguentadas?
      Pergunto eu: por acaso esse canal “realista” nunca sugeriu o rapto da pequena Maddie perpetrado por marcianos vestidinhos de verde e com umas antenas reluzentes nas orelhas?
      Mantém-te sintonizada que acredito deverá acontecer em breve… ou melhor, na eventualidade da Felgueiras (filha – nunca confundir com a que fugiu para o país tropical) se antecipar a essa verdade científica.
      🙂

  6. A historia continua a ser mal contada . Os cães , detectaram ou não odor de cadáver ????
    SIM !!
    O carro tinha sido usado pelo casal ??
    SIM !!!
    O faro dos cães avariou no Algarve ??
    Não !! As provas dos cães , são concludentes ??? por cá NIM !! , em Inglaterra , SÃO ??!!
    Não acham , que de quando em quando , aparece , um SUSPEITO , acima de qualquer suspeito e é sempre
    esse ?? Mas nunca é !! Ou porque os suspeito , era o que morreu , o que foi ao wc , …e agora será este !!!
    País, em que uns são condenados sem provas , outros , passeiam nas nossas barbas , com as mesmas ou
    na falta das mesmas .
    Por isso é que um ex-presidente da bola fugiu !!!
    Cuidem-se

    • É evidente que se refere ao McCann, não o pode dizer abertamente.
      O tipo está fixado que ele o culpado e não larga.

  7. A policia inglesa aqui há tempos fez 2 retratos de 2 suspeitos que batem a 100% com os irmão Anthony e John Podesta envolvidos nos EUA no caso de pedofilia Pizzagate mas essa caso mete muitos tubarões como os Clinton, Obama etc.

    • Para mim basta o primeiro ministro britânico ter-se metido no assunto para desconfiar que aqui há muitos interesses, muita pedofilia ao mais alto nível. De fosse um caso comum já estava enterrado.
      O crime foi logo descoberto quando se soube que as crianças ficavam sozinhas e com medicação para dormirem.
      Se foi acidente, rapto ou venda de criança é já uma consequência de atos maus. Pode vir a haver condenado, mas a suspeita de má investigação está instalada. Os gastos com ela são inexplicáveis. Ao fim e ao cabo, o que fizeram? Interrogatórios, uns cães e nada mais. As análises demonstraram apenas que não serviram para nada.
      O que mais custa é ver aqueles pais a viver com descaramento, o futuro dos gêmeos e a desconsideração pelos investigadores portugueses. Por mim, nunca mais colaborariam no caso. Os ingleses que se safem agora. Boca calada e mais nenhum indício. Que se danem.

    • Essa pergunta também a fiz. Isso é lógico, pars que encaixe no perfil do suspeito. Aliás ele é só suspeito de fazer assaltos, não li em lado nenhum que foi condenado, ou sequer arguido.

      • Ah?
        O tal alemão supeito, só em Portugal, foi condenado (e esteve preso) duas vezes por roubo/furto!
        Primeiro na cadeia de Évora e anos mais tarde, pouco antes do desaparecimento da Maddie, na cadeia de Portimão.

          • O que interessa é haver suspeitos (de preferência mortos ou criminosos presos) para agradar a certos ingleses, incluindo a Metropolitan Police – que anda há anos a torrrar milhões para isto!…

      • Então porque falam tantas vezes em assaltos? Das duas um estes policias são uma cambada de incompetentes ou pior corruptos. Obrigado Eu…. É que faz todo sentido vou assaltar uma casa cheia de coisas boas e levo uma criança em vez de dinheiro e ouro….

  8. Porque foi afastado??Porque os pais foram tratados com paninhos quentes?? Eles melhor que ninguém sabem o que aconteceu à filha. Estranho como raptam uma criança do quarto, e os irmãos nem acordam.Eu sel como os ingleses fazem férias no Algarve, patuscadas regadas com muitos litros de vinho.Depois as crianças desaparecem.

    • No mínimo, o “casal maravilha” McCann, deveria ter sido julgado em Portugal pelo crime previsto e punido pelo Art.º 138º do Código Penal Português – Exposição ou Abandono… nos termos do n.º 2, seriam 2 a 5 anos….
      Factos perpetrados em solo Português, logo sujeitos à Lei Portuguesa: o teor do artigo diz:
      Artigo 138.º
      Exposição ou abandono
      1 – Quem colocar em perigo a vida de outra pessoa:
      a) Expondo-a em lugar que a sujeite a uma situação de que ela, só por si, não possa defender-se; ou
      b) Abandonando-a sem defesa, sempre que ao agente coubesse o dever de a guardar, vigiar ou assistir;
      é punido com pena de prisão de 1 a 5 anos.
      2 – Se o facto for praticado por ascendente ou descendente, adoptante ou adoptado da vítima, o agente é punido com pena de prisão de 2 a 5 anos.
      3 – Se do facto resultar:
      a) Ofensa à integridade física grave, o agente é punido com pena de prisão de 2 a 8 anos;
      b) A morte, o agente é punido com pena de prisão de 3 a 10 anos.
      Como dizes – e muito bem – Maria Helena Abranches , no meio deste teatro miserável montado pelos Ingleses, este desfecho era o mínimo que se impunha, para não falar na sua responsabilização pela morte da criança.

  9. Pois é, Maria Helena! Mas nunca foram incriminados por isso. Eles foram os únicos culpados do que aconteceu! Deixarem três bebés ,sozinhos, durante 4 horas, encontrando-se num país estranho e num lugar desconhecido para as crianças, sabendo que a chave do apartamento não estava só nas suas mãos! Algumas mães portuguesas emigrantes ficaram sem os filhos, no Reino Unido, por muito menos! Eles tiveram a política a favor deles! E as outras crianças que desaparecem em Portugal? Alguma vez se investiu com alguma as quantias astronómicas gastas com este caso. E quanto aos cães falta dizer que tiveram que vir os ingleses porque não se fiavam no faro dos nossos! Não brinquem mais com coisas sérias!!!

  10. eu antes li o livro a verdade da mentita ( madie ) e a estrelac de joana ,,,!!emk relação a menina inglesa a minha intuição e devido as noticias diariamente me inclinei para a culpabilidade dos pais ,,mas mais tarde alargando outros horizontes e lendo tambem outras noticias comecei a ter duvidas sobre a investigação em curso e se realmente os pais tinham culpa e comecei eu proprio a ter a ideia que a investigação tinha bastantes deficiençias e que ja so estava virada para uma direção a ciulpabilidade dos pais a todo o custo e passei a ter mais essa prespectiva a partir do momento que li o proprio livro ,,,porque pelo livro fico com a impressao que nada encaixa apesar de o objectivo do livro ser a suspeita total sobre os pais !! se foram nem o livro nem muito factos aliados a uma deficiente investigação o conseguem comprovar e nem o menisterio publico ficou convencido disso mesmo !! o caso joana para mim ainda é mais grave a mesma equipa possivelmente juntamente com outra ou em simultaneo pegaram nos suspeitos os torturaram ,,,os suspeitos para nao levarem porrrado foram dando locais onde estaria o corpo da menina ,,maquinas e pessoas procuravam provas e nada ,,voltavam mais porrada ,,mais locais a procurar e nada ,,e estas pessoa ja e,m prisao preventiva isso acontecia por incrivel que pareça ,,inclusive ouve um julgamento por turtura a estas pessoas ,,uma medica de medecina legal confirmou que as escoriações des tas pessoas foram infligidas e nao por queda ,,mas como o julgamento foi por juri estes senhores sairam ilibados .,.. a confissão foi considerada uma prova de culpa ,,,e todo o livro se baseia em circustançias e circunstançias nao sao verdadeiras provas ,,e ao contrari do caso de madie estes senhores ultrapassaram todos os limites numa investigação mas com uma diferença conseguiram levar a deles a avante !! aqui tambem eu me digo se os tio e a mae sao culpados !! daquilo que vi e li e que do livrro demonstra ficaram muitas duvidas e este caso deveria ser aberto ,,,o livro foi escrito por uma pessoa que tem o nome dele envi«olvido em algus processos crime de varias ordens,,quanto a sr amaral que chegou a ser condenado a ano e meio por falsidade de depoimento nas agressoes a leonor ,,mas inocentados por nao se provar quem realmente bateu ,,,enfim !!depois o livro no final ate tem uma linda manobra de diversao para o leitor kkkk em que isinuam que teem que abandonar a investigaçao ,,mas que entretanto recebem uma mensagem ou telefonema em que o outro tio da joana vai com um carro para espanha para um ferro velho insinuando que a menina ai iria ,,pena esta teoria so mesmo0 aparecer no livro e nao na investigaçao sepre era melhor que a teoria dos porcos ,,,sim e verdade os porcos comen tudo ,,,mas numa investigação as fezes é que sao importantes e se o fizeram alguem viu algum resultado dessas analizes !? ( partindo do principio que foram feitas claro )..sei que a judiciaria aprendeu muito com estes casos e que as equipas que surgiram a seguir ja e umas outras anteriores aprenderam muito com os erros destes dois casos e perceberam que nao vale tudo ,,,e perceberam que para bem da propria intitução e a sua dignificação ,,quem investiga nao pode comprometer a instituiçao que acima do sucesso dele esta o caracter da propria instituição !! e que tem de investigar sim ,,utilizar os meio necessarios a obtenção de provas dentro da legalidade ,,é só o que o comum dos cidadãos esperam das policias .

    • Oh F. Serrador, com o devido respeito…
      Lendo o teu comentário é legítimo concluir: é de tal forma gigantesca a panóplia de erros que dificilmente se conseguirá conceber que tenhas percebido algo na leitura de um livro… nem mesmo numa que fosse o “Anita e o príncipe misterioso” ou o “Pequeno Príncipe”.
      Irra, até dói perceber como se agrega tanto em tão pouco… (reporto-me aos ERROS vs TEXTO… já para não falar no conteúdo e natural “malapata” – procura o significado disso algures por terras raianas – relativamente à Polícia)
      Desculpa-me a sinceridade, mas depreendo nas tuas palavras um perfil que encaixa perfeitamente numa das personagens… ou és a Joana Cipriano ou ao João (tio da pobre criança vítima de uma morte lenta “à pancada”).
      Acredita F. Serrador que nem mesmo nos filmes do Mel Brooks encontro gargalhadas assim espontâneas e duradouras como resulta da leitura do teu comentário.
      Obrigado pela diversão.

    • Oh F. Serrador…
      Com o devido respeito, tentar ler a tua publicação é um desafio ao mais elementar da língua Portuguesa e, no final daquele encriptado gigantesco de erros, fica-nos a convicção que dificilmente entenderias a leitura de uma obra tipo “Anita e as 4 estações” ou o “Pequeno Príncipe”.
      Analisado o conteúdo da tua publicação, de teor acentuadamente amargurado e de óbvia “malapata” anti polícia, daria quase para traçar um perfil… diria que tu és a Cipriano ou o João, os tais que espancaram um menina de 8 anos até à morte… só pode.

  11. Sendo que na hora do desaparecimento esse alemão estava a ativar junto do apartamento a triangulação das antenas e até parece que agora pedia informações a um empregado do bar sobre os ingleses . Só espante ao inquirirem na altura os empregados e vista as comunicações telefónicas não tenham chegado a esta conclusão de agora . O que existe hoje é o que existe faz 13 anos a esta parte . Pode ter acontecido o rapto para venda … mas com o alarido na altura , se calhar a fez desaparecer … mas os pais tem de por um ponto final ao sorvedouro de libras da investigação , existem muitos suspeitos até agora … não muitos , porque os que sabem da rapariga estavam perto da mesma .

  12. É deveras extraordinário ainda ler por estes comentários portugueses de gema a defender aquilo que a maioria dos britânicos já há muito entendeu ser uma imensa patranha.
    Já lá dizia o outro que o pior dos colonizados é o colonizado que não deixa de o ser na sua própria cabeça… A polícia inglesa diz que Maddie foi raptada por um pedófilo vindo de Marte? Então é porque é verdade. O senhor Procurador alemão diz que um telefonema de um pedófilo alemão que vive na Praia da Luz é prova de rapto, tortura e assassínio? É pôr o gajo na pildra nos próximos trinta anos e não se fala mais nisso, pois palavra de alemão (de todo e qualquer alemão à excepção de Adolf Hitler e de Christian Bruckner) é o Verbo de Deus . A PJ apanhou os Tapas9 em milhentas mentiras, não há provas de entrada de alguém estranho no apartamento 5A, Katie McCann percebe imediatamente que a filha foi raptada e deixa os seus dois outros filhos sozinhos no apartamento, a senhora Jane Tanner inventa um suspeito, Eddie e Keela detectam odor a cadáver no apartamento, no peluche de Maddie, nas roupas de Kate, nas chaves e na bagageira do carro alugado pelos McCann? Isso não prova nada…
    Olhem, meus caros amigos, o Vaticano tem um dos melhores serviços de informações do Mundo: mal os McCann foram constituídos arguidos nos idos de 2007, o Vaticano retirou da sua página oficial qualquer referência ao casalinho sofredor. Até hoje. Desconfio que essa retirada terá alguma coisa que ver com a confissão que Kate McCann terá feito ao padre português que oficiava na Praia da Luz.

RESPONDER

Nova aplicação deteta insuficiência cardíaca através da voz

Foi desenvolvida uma nova aplicação para smartphones que prevê a insuficiência cardíaca através da voz. A tecnologia baseia-se num dos sintomas mais comuns: a falta de ar. O sintoma mais comum da insuficiência cardíaca é a …

Atividade física ajuda a prevenir a perda de visão

Uma nova investigação sugere que o exercício físico pode ser um componente-chave na prevenção da perda de visão. Os benefícios da atividade física são cada vez mais conhecidos, mas há alguns que devem ser tidos em …

Dubai vai construir uma cidade marciana no deserto

O Dubai tem em mãos um projeto ambicioso: a construção de uma cidade marciana. O projeto foi apresentado por uma empresa sediada em Copenhaga e Nova Iorque e é uma parte do plano dos Emirados …

Coreia do Norte voltou a rejeitar negociações com os Estados Unidos

A Coreia do Norte disse, esta terça-feira, que não tenciona retomar o diálogo com os Estados Unidos, quando o vice-secretário de Estado norte-americano, Stephen Biegun, chegou à Coreia do Sul para discutir diplomacia nuclear. Num comunicado …

Construiu uma cadeira de rodas com bicicletas elétricas para a namorada. Agora, vai produzi-la em massa

Para Zack Nelson, construir esta  peça inovadora de engenharia foi "super divertido e surpreendentemente simples". Há cerca de um ano, Zack Nelson, o youtuber de tecnologia do canal JerryRigEverything, uniu duas bicicletas elétricas para criar uma …

A reeleição de Trump nunca esteve tão ameaçada. A culpa é do pessimismo dos americanos

A gestão do Presidente norte-americano face à pandemia e a perspetiva de uma crise económica ameaçam a reeleição de Donald Trump. Um estudo de opinião da Fundação Peter G Peterson para o The Financial Times indica …

Ministros da Indonésia promovem colar de eucalipto como cura para a covid-19

O ministro da Agricultura da Indonésia foi muito criticado por especialistas por alegar que um colar feito de eucalipto pode ajudar a impedir a transmissão da covid-19. Segundo o The Guardian, o ministro da Agricultura da …

SATA pede auxílio ao Estado no valor de 163 milhões de euros

A SATA, companhia aérea detida a 100% pela Região Autónoma dos Açores, precisa do valor até ao final do ano para pagar dívidas. A SATA pediu um auxílio ao Estado de 163 milhões de euros para …

Cortiça portuguesa usada em foguetões da Space X

A Corticeira Amorim forneceu a Space X, de Elon Musk, para componentes usados nos foguetões espaciais da empresa, adiantou o presidente da empresa, António Rios Amorim. "É o nosso maior cliente [deste segmento] neste momento desde …

Pandemia põe em risco mais de 40% dos empregos no Algarve

Além do Algarve, outros destinos turísticos europeus, como ilhas do sul da Grécia, Canárias e Baleares, estão também em risco. As regiões onde o turismo tem mais peso enfrentam um risco maior de destruição de emprego, …