Nova bateria transforma Tesla Model S no carro mais rápido do mundo

(dr) Tesla

Tesla Model S P100D – o terceiro carro de produção mais rápido do mundo

A icónica montadora de carros eléctricos Tesla anunciou esta terça-feira aquele que é o terceiro carro de produção mais rápido do mundo, o Model S P100D com o modo Ludicrous – ou o mais rápido, se contarmos apenas os que não estão esgotados.

A velocidade do Tesla Model S P100D é atribuída à nova bateria de iões de lítio de 100 quilowatts, que lhe permite alcançar 100 km/h em 2,5 segundos e uma autonomia de 613 quilómetros.

Segundo o visionário fundador da Tesla, Elon Musk, é a primeira vez que a autonomia de uma viatura eléctrica ultrapassa as 300 milhas (cerca de 482 quilómetros), segundo as normas de autonomia definidas pela agência norte-americano do ambiente EPA, e os 600 quilómetros previstos pelas normas em vigor na Europa.

A nova bateria pode ser instalada nos Tesla Model S ou Tesla Model X já em circulação, por 20 mil dólares, ou como upgrade em viaturas novas já encomendadas, por mais 10 mil dólares.

Segundo a Tesla, o P100D é o terceiro carro mais veloz do mundo, apenas atrás do Ferrari LaFerrari e do Porsche 918 Spyder, modelos desportivos de dois lugares que estão noutra gama de preços e segmento.

Quer o Laferrari quer o 918 Spyder, modelos de edição limitada e com encomendas fechadas, estão esgotados há muito tempo, o que faz do Tesla Model S P100D o carro mais rápido no mercado.

Segundo a CNN,  as entregas dos primeiros Tesla Model S com a nova bateria P100D estão previstas para o próximo mês de setembro, a um preço de 134 mil dólares (cerca de 120 mil euros), o que o torna também bastante mais “acessível” do que os seus competidores mais rápidos.

Em nota no seu blog, a Tesla reconheceu que os preços para um veículo topo de gama como o P100D são altos, mas realçou que cada venda do P100D contribui para a produção dos modelos mais acessíveis – em especial o Model 3, que está em desenvolvimento.

ZAP / Canaltech

PARTILHAR

9 COMENTÁRIOS

  1. Caros Senhores, Estamos a falar apenas de carro elétricos/híbridos, certo??
    Se não, onde estão os Bugatti, os Koenigsegg, os Hennesseye ou os SSC, todos com velocidades superiores a 400 km/h, enquanto que o Ferrari “apenas” atinge os 350 km/h e o Porsche 340 km/h.
    Relativamente ao atingir os 100 km/h temos o Hennesseye e o Bugatti com 2,2s, e o SSC com 2,5, enquanto o Ferrari chega em 2,9s e o Porsche em 2,6s.
    Isto para não falar no Bugatti Chiron….

    Obrigado

  2. Bom dia estamos a falar de arranque de o a 100km/h em 2.5s, não de velocidade de ponta a qual é bloqueada no Tesla a 250km/h…. e falamos de 100% eléctrico, não híbrido….

  3. Fenomenal! Mais 10 anos e ja não existem no mercado carros movidos a combustão interna (gasoleo, gasolina e gas). Os motores electricos são tecnologicamente muito mais avançados, possuem muito menos componentes (p.e. não é necessario caixa de mudanças pq a potencia esta praticamente toda disponivel em toda a gama de rotaçoes, sendo a aceleraçao controlada electronicamente) e são amigos do ambiente (tanto em termos de emissoes como em termos de ruído).
    O único problema tem sido o desenvolvimento das baterias, que agora está numa fase mais do que apta para atacar o mercado. Esperem para ver.. 🙂

  4. Só é pena as vozes que se erguem, como um importantão da Fiat a lembrar (?) que a electricidade tem de ser produzida de alguma maneira e que isso envolve carbono, chegando a sugerir que fica ela-por-ela (?) com a produção directa pelos carros? Carregar baterias vai ser a nova vaca leiteira das produtoras? Se não houver energia, o carro não anda? Tem-se de guardar religiosamente um gerador em casa, para as “ocasiões”? Tipo apagão, que até já houve? E os bairros sem garagens? Atira-se um fio pela janela? Sem que o vizinho o roube? Enfim, espero que isso esteja minimamente pensado. Embora duvide.

Responder a ZAP Cancelar resposta

Facebook lança o seu próprio MB Way

O Facebook lançou nos Estados Unidos uma nova funcionalidade para facilitar pagamentos através das quatro principais aplicações do grupo, que é semelhante ao funcionamento das transações com o MB Way. Em comunicado, Deborah Liu, responsável do …

O dilema dos chumbos, o "engano" de Ventura e o "falso liberal". O primeiro debate aqueceu

O primeiro debate quinzenal da legislatura arrancou esta quarta-feira e ficou marcado pelas retenções até ao 9.º ano - Chumba ou não chumba?, quis saber a direita, bem como pelo aumento do salário mínimo nacional …

Sondagem europeia defende tratado internacional que proíba "robôs assassinos"

Quase três em cada quatro pessoas querem que o seu governo colabore com outros países para proibir sistemas letais de armas autónomas. A organização não-governamental Human Rights Watch (HRW) divulgou esta quarta-feira os resultados de uma …

Pentágono está a criar bactérias que detetam explosivos no subsolo

O Pentágono, em conjunto com a empresa de defesa Raytheon, está a desenvolver um sistema capaz de produzir bactérias geneticamente modificadas no subsolo, com o objetivo de detetar explosivos no subsolo. Neste projeto, iniciado pela Agência …

Hospitais voltam a não poder aumentar número de trabalhadores sem visto da tutela em 2020

Os hospitais vão continuar em 2020 impedidos de aumentar o número de trabalhadores sem a autorização prévia do Ministério da Saúde, segundo um despacho a que a agência Lusa teve acesso. O despacho assinado pelo secretário …

Onda crescente de ataques com explosivos alarma Suécia

A Suécia tem visto um aumento sem precedentes de ataques com explosivos. Em outubro, Estocolmo foi alvo de três ataques em apenas uma noite.  Se pensarmos num país com guerras de gangues constantes, o último nome …

Ruben foi libertado depois de passar 11 anos na prisão por crimes que não cometeu

Ruben Martinez Jr. saiu em liberdade do Supremo Tribunal de Los Angeles após ter passado 11 anos na prisão por uma série de assaltos à mão armada que não cometeu. Um homem que passou 11 anos …

Um em cada três portugueses não vai ao dentista ou só vai em caso de emergência

Mais de 30% dos portugueses não vão ao dentista ou só o fazem em caso de urgência e quase 10% não tem qualquer dente, segundo o Barómetro da Saúde Oral de 2019. De acordo com os …

Pintura de Monet rende 25 milhões de euros em leilão

A Sotheby's vendeu por 27,6 milhões de dólares (25 milhões de euros) uma pintura de Claude Monet, "Charing Cross Bridge", na terça-feira à noite em Nova Iorque num leilão de arte impressionista e moderna. O trabalho …

Bruno de Carvalho quer reconstituição do ataque a Alcochete (e chama Pinto da Costa)

O antigo presidente do Sporting Bruno de Carvalho pediu ao tribunal a reconstituição da invasão à Academia do clube, em Alcochete, e arrolou 22 testemunhas, incluindo Pinto da Costa, Sousa Cintra, atletas das modalidades do …