Ministério Público diz que instrutores dos Comandos quiseram pôr vidas em risco

O Ministério Público considera que os instrutores do 127.º Curso de Comandos “agiram conscientemente com o propósito de maltratarem fisicamente os recrutas”, sabendo que estes poderiam ficar “em perigo de vida”.

Segundo o Público, a procuradora do Ministério público Cândida Vilar, que lidera o inquérito-crime às mortes dos recrutas Hugo Abreu e Dylan Silva em Setembro de 2016, responsabiliza os principais arguidos no processo de agirem mesmo tendo conhecimento das lesões que seriam provocadas pelo tratamento a que foram sujeitos 67 comandos.

“Todos os arguidos agiram voluntária e conscientemente com o propósito de maltratarem fisicamente os ofendidos e instruendos do curso” sabendo que era “possível que da privação da água associada à exposição de elevadas temperaturas e à imposição de exercícios físicos violentos, resultasse doença particularmente dolorosa, e mesmo perigo para a vida dos ofendidos”, lê-se no processo consultado pelo Público.

Ainda que estivessem conscientes dos riscos de “lesão renal” e de possível “falência multi-orgânica e morte”, os instrutores conformaram-se “com esses resultados”, conclui a procuradora.

Até ao momento, foram já constituídos 20 arguidos no âmbito do inquérito crime: 17 instrutores, o médico e os dois enfermeiros que prestavam assistência.

Comandos registam 40 desistências no novo curso

O 128.º curso de Comandos iniciou-se a 7 de abril e terá a duração de 16 semanas, terminando em meados de julho. Segundo dados avançados à Lusa, dos 57 formandos que iniciaram o curso desistiram 40, a pedido dos próprios.

Estão na formação, no regimento da Carregueira, em Sintra, 17 formandos, dos quais três oficiais, dois sargentos e 12 praças, adiantou o Exército.

No curso anterior, do total de 67 formandos iniciais, receberam a boina e o crachá de Comando 23 militares. O 127.º curso ficou marcado pela morte dos recrutas Hugo Abreu e Dylan Araújo, em setembro do ano passado.

ZAP ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Isabel dos Santos usou equipa de espiões para provar "conspiração" e "vingança" de João Lourenço

A empresária Isabel dos Santos contratou uma firma de antigos agentes secretos israelitas para provar que foi vítima de um ataque orquestrado pelo governo de João Lourenço. Isabel dos Santos criou uma equipa de espiões para …

"Perdemos o avô da nação". Morte do príncipe Filipe deixou "um grande vazio" na vida de Isabel II

A morte do príncipe Filipe, duque de Edimburgo, na sexta-feira, aos 99 anos, deixou a Rainha Isabel II, sua esposa, com "um grande vazio na sua vida", disse este domingo aos jornalistas o seu filho …

Mapa online interativo ajudou indígenas do Panamá a fazer frente à pandemia

Quando a covid-19 chegou ao Panamá no ano passado, o cartógrafo Carlos Doviaza temeu pelas pessoas indígenas da sua comunidade. Por isso, para as ajudar, dedicou-se a fazer aquilo que faz melhor: mapas. "Pensei: 'Porque não …

"A política ama traição, mas despreza o traidor". Sócrates acusa PS de "ataque injusto" (e diz-se alvo de "vingança" da direita)

"A política ama a traição, mas despreza o traidor". No livro "Só Agora Começou", que será publicado nos próximos dias, José Sócrates acusa a atual direção do PS de traição. De acordo com o Diário de …

Portugal regista mais 566 casos e seis óbitos por covid-19

Portugal registou, este domingo, mais seis mortes e 566 novos casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da Direção-Geral da Saúde …

PS quer que Cavaco Silva diga "quando é que soube do buraco do BES"

O PS quer que o antigo Presidente da República Cavaco Silva esclareça "quando é que soube do buraco do BES" e porque é que "não agiu atempadamente" para evitar o aumento de capital, que gerou …

Perdoar o passado, celebrar o renascimento e cumprir tradições. A primavera traz o Nowruz, o ano novo persa

Assim que as flores começam a desabrochar e os dias ficam mais longos, fica claro que o Nowruz está prestes a chegar. A celebração do ano novo iraniano é secular, com raízes que remontam a …

“Mostrámos que sabemos governar”. Bloco apresenta candidata a Lisboa (e abre a porta a acordo com PS)

O Bloco de Esquerda apresentou a candidatura de Beatriz Gomes Dias à Câmara Municipal de Lisboa, pediu “mais força” para determinar a governação da cidade e abriu a porta a novos entendimentos com o PS …

Fé nos números. Foi o voto não religioso que Donald Trump perdeu em 2020 

Em novembro de 2020, Joe Biden foi eleito Presidente dos Estados Unidos da América. Uma análise revelou recentemente que a derrota de Donald Trump dependeu daqueles que não se identificam com nenhuma religião. Ryan Burge, professor …

Chega apresenta oito candidatos para o distrito do Porto. Ventura acredita que vai ter "grande resultado"

O líder do Chega anunciou este sábado oito candidatos às próximas eleições autárquicas no distrito do Porto, onde André Ventura acredita que o partido vai ter "um grande resultado". "Fizemos esta deslocação ao Porto para anunciar …