Mayor de Londres contraria Cameron e apoia saída da UE

BackBoris2012 / Flickr

O mayor de Londres, Boris Johnson

O mayor de Londres, Boris Johnson

O presidente da Câmara de Londres, Boris Johnson, declarou neste domingo que irá apoiar a campanha pela saída do Reino Unido da União Europeia, no referendo marcado para o dia 23 de junho.

O mayor de Londres, Boris Johnson, tornou-se a primeiro das principais figuras do Partido Conservador, do primeiro-ministro David Cameron, a posicionar-se a favor da saída do Reino Unido da UE, o chamado Brexit – termo que junta as palavras Britain e exit.

A declaração do presidente da Câmara representa um duro golpe para David Cameron, que defende a permanência do país na União Europeia.

O primeiro-ministro esperava uma frente unida entre os seus companheiros de partido a favor do “sim” à União Europeia.

O presidente da Câmara, cujo nome é com frequência citado como um dos favoritos à sucessão de Cameron, afirmou que “é com muita dor no coração” que se coloca como antagonista do primeiro-ministro e do governo conservador.

Johnson defende a sua decisão dizendo que a UE está “sob risco de perder o controle democrático“.

As declarações do autarca não chegam a surpreender, uma vez que Johnson, de 51 anos, há décadas que critica a burocracia europeia, tanto em artigos publicados em jornais e revistas como em intervenções no Parlamento e na câmara da capital.

Segundo a DW, o mayor não esclareceu qual será o seu envolvimento na campanha pela Brexit, mas revelou que não pretende participar em eventos ou debates sobre o tema.

Cameron tem tentado, sem sucesso, convencer Johnson a ficar do lado da campanha do “não” à saída.

“Diria a Boris o que venho tenho dito a todos: que estaremos mais seguros, mais fortes e em melhores condições dentro da UE”, afirmou Cameron.

“Dar um salto no escuro seria um passo equivocado para o nosso país”, afirma o primeiro-ministro.

Acordo reforçou vantagem do Sim à UE

Uma sondagem divulgada este sábado pelo jornal britânico Daily Mail aponta para uma ampla vantagem do “sim” à UE.

No primeiro levantamento realizado após o acordo entre o primeiro-ministro e os líderes europeus em Bruxelas, a vantagem do voto favorável à permanência do país na UE é de 15 pontos percentuais.

Em resposta à pergunta “O Reino Unido deve deixar a UE?”, 48% afirmaram que não, enquanto 33% são favoráveis ao Brexit.

Dos entrevistados, 19% disseram não saber. Mas 40% dos entrevistados disseram também que podem mudar de opinião daqui até ao dia 23 de junho.

ZAP /DW

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Não entendo o porquê da UE estar com tantas cedências e pezinhos de lã com o UK. Querem sair, saiam. Só faz falta quem cá está.

  2. Infelizmente as pessoas formam opinião baseando-se apenas no que vêm na TV.
    Reparem que a TV a nivel mundial pertence a lobbies financeiros que nos querem controlar a todos sobrepondo-se à liberdade e democracia de cada um dos paises. Por isso somos todos influenciados a entrar no “rebanho”, caso contrário entramos em colapso financeiro.

    só para perceberem melhor o q anda nas costas da TV a ser cozinhado e que nunca vai ser debatido pelos nossos excelentes jornalistas..

    http://www.independent.co.uk/voices/comment/what-is-ttip-and-six-reasons-why-the-answer-should-scare-you-9779688.html

    há muito mais vida para além da TV

    wake up sheeple…

RESPONDER

Depois de um conselho nacional tenso, líder do CDS reúne-se com a bancada parlamentar

O líder do CDS vai reunir-se, esta quinta-feira, com os cinco deputados centristas para dialogarem sobre a articulação entre a direção e a bancada parlamentar. Tal como recorda o jornal Público, esta reunião de trabalho acontece depois …

Enquanto Flamengo afasta regresso de Jorge Jesus, o "Galo" vem ao ataque

O treinador benfiquista afasta o cenário de uma saída precoce do Estádio da Luz. O Flamengo rejeita o regresso de Jorge Jesus, enquanto o Atlético Mineiro manifesta o seu interesse. Jorge Jesus foi categórico: "Não vou …

"Ihor gritava como um cão atropelado". Seguranças contam nova versão em tribunal

O segurança Manuel Correia testemunhou esta quarta-feira que “ouviu gritos” de Ihor Homeniuk vindos de uma sala do SEF no aeroporto de Lisboa e que encontrou um dos inspetores com um pé em cima da …

Dos pés de Cancelo para a cabeça de Bernardo Silva. City ganha na Champions com um golo 100% português

Os internacionais portugueses João Cancelo e Bernardo Silva foram fundamentais para a vitória do Manchester City sobre o Borussia Monchengladbach (2-0), na primeira mão dos oitavos da Liga dos Campeões, com ação direta nos dois …

"População não interiorizou a gravidade da situação". Depois de Siza, Cabrita aponta o dedo aos portugueses

Num relatório sobre a aplicação do decreto do estado de emergência na segunda quinzena de janeiro, Eduardo Cabrita justifica o fecho das escolas e o fim das vendas ao postigo, culpando a população pelas decisões …

Esta época há menos 500 clubes. "É o drama absoluto", diz presidente da FPF

Esta época há menos 500 clubes em comparação com a temporada transata. O presidente da FPF, Fernando Gomes, classifica a situação de "drama absoluto". A pandemia de covid-19 e a consequente interrupção das competições foi um …

Psicólogos no recrutamento e mudanças na formação. IGAI quer acabar com discriminação na polícia

A Inspeção-Geral da Administração Interna (IGAI) quer envolver psicólogos no processo de recrutamento de novos polícias e rever os currículos de formação para acabar com práticas discriminatórias nas forças de segurança. As alterações no processo de …

Coleção de joias da era Viking é encontrada na Ilha de Man. É "excecionalmente rara"

Uma coleção de joias da era Viking foi encontrada na Ilha de Man, entre Inglaterra e a Irlanda, em novembro de 2020 e foi agora classificada como tesouro. Os especialistas acreditam que os artefactos, descobertos …

“As brasileiras são mercadoria". Professor da UP suspenso por comentários machistas e xenófobos nas aulas

Após uma denúncia que reuniu assinaturas de mais de uma centena de alunas, o professor auxiliar Pedro Cosme da Costa Vieira foi suspenso pelo período máximo de 90 dias, da Faculdade de Economia da Universidade …

Houve buzinão na Luz (mas sem "carinho"). Jesus culpa covid-19 pela crise do Benfica

Algumas dezenas de adeptos protestaram junto ao Estádio da Luz com um buzinão, entre gritos de "Rua Vieira" devido aos maus resultados do Benfica. Antes disso, Jorge Jesus tinha apelado a um "buzinão de carinho" …