Mayor de Londres contraria Cameron e apoia saída da UE

BackBoris2012 / Flickr

O mayor de Londres, Boris Johnson

O mayor de Londres, Boris Johnson

O presidente da Câmara de Londres, Boris Johnson, declarou neste domingo que irá apoiar a campanha pela saída do Reino Unido da União Europeia, no referendo marcado para o dia 23 de junho.

O mayor de Londres, Boris Johnson, tornou-se a primeiro das principais figuras do Partido Conservador, do primeiro-ministro David Cameron, a posicionar-se a favor da saída do Reino Unido da UE, o chamado Brexit – termo que junta as palavras Britain e exit.

A declaração do presidente da Câmara representa um duro golpe para David Cameron, que defende a permanência do país na União Europeia.

O primeiro-ministro esperava uma frente unida entre os seus companheiros de partido a favor do “sim” à União Europeia.

O presidente da Câmara, cujo nome é com frequência citado como um dos favoritos à sucessão de Cameron, afirmou que “é com muita dor no coração” que se coloca como antagonista do primeiro-ministro e do governo conservador.

Johnson defende a sua decisão dizendo que a UE está “sob risco de perder o controle democrático“.

As declarações do autarca não chegam a surpreender, uma vez que Johnson, de 51 anos, há décadas que critica a burocracia europeia, tanto em artigos publicados em jornais e revistas como em intervenções no Parlamento e na câmara da capital.

Segundo a DW, o mayor não esclareceu qual será o seu envolvimento na campanha pela Brexit, mas revelou que não pretende participar em eventos ou debates sobre o tema.

Cameron tem tentado, sem sucesso, convencer Johnson a ficar do lado da campanha do “não” à saída.

“Diria a Boris o que venho tenho dito a todos: que estaremos mais seguros, mais fortes e em melhores condições dentro da UE”, afirmou Cameron.

“Dar um salto no escuro seria um passo equivocado para o nosso país”, afirma o primeiro-ministro.

Acordo reforçou vantagem do Sim à UE

Uma sondagem divulgada este sábado pelo jornal britânico Daily Mail aponta para uma ampla vantagem do “sim” à UE.

No primeiro levantamento realizado após o acordo entre o primeiro-ministro e os líderes europeus em Bruxelas, a vantagem do voto favorável à permanência do país na UE é de 15 pontos percentuais.

Em resposta à pergunta “O Reino Unido deve deixar a UE?”, 48% afirmaram que não, enquanto 33% são favoráveis ao Brexit.

Dos entrevistados, 19% disseram não saber. Mas 40% dos entrevistados disseram também que podem mudar de opinião daqui até ao dia 23 de junho.

ZAP /DW

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Não entendo o porquê da UE estar com tantas cedências e pezinhos de lã com o UK. Querem sair, saiam. Só faz falta quem cá está.

  2. Infelizmente as pessoas formam opinião baseando-se apenas no que vêm na TV.
    Reparem que a TV a nivel mundial pertence a lobbies financeiros que nos querem controlar a todos sobrepondo-se à liberdade e democracia de cada um dos paises. Por isso somos todos influenciados a entrar no “rebanho”, caso contrário entramos em colapso financeiro.

    só para perceberem melhor o q anda nas costas da TV a ser cozinhado e que nunca vai ser debatido pelos nossos excelentes jornalistas..

    http://www.independent.co.uk/voices/comment/what-is-ttip-and-six-reasons-why-the-answer-should-scare-you-9779688.html

    há muito mais vida para além da TV

    wake up sheeple…

RESPONDER

Descoberta nova espécie de dinossauro carnívoro em Portugal

Um novo género e espécie de dinossauro carnívoro terópode, cujos fósseis foram escavados em arribas dos concelhos de Torres Vedras e da Lourinhã, foi agora descrito na revista internacional "Journal of Vertebrate Paleontology" por paleontólogos …

The Crown. Afinal, vem aí uma sexta temporada

Peter Morgan, criador, produtor e argumentista de The Crown, anunciou esta quinta-feira (9), através do Twitter da plataforma de streaming Netflix, que a série britânica terá uma sexta temporada. “Quando começamos a discutir as histórias da …

Observatório Gaia revoluciona o rastreamento de asteroides

O observatório espacial Gaia da ESA é uma missão ambiciosa que tem o objetivo de construir um mapa tridimensional da nossa Galáxia, fazendo medições de alta precisão de mais de mil milhões de estrelas. No entanto, …

Tempestades de relâmpagos mataram 147 pessoas na Índia em apenas 10 dias

Tempestades de relâmpagos mataram 147 pessoas no estado de Bihar, no norte da Índia, no espaço de dez dias, noticia a AFP, que escreve que os números podem aumentar nos próximos tempos devido às alterações …

Investigação portuguesa descobriu 14 espécies marinhas com potencial para produção de antibióticos

Uma investigação conjunta da Universidade de Aveiro e da Universidade Católica descobriu 14 novas espécies e um género de fungos marinhos, com potencial para produção de antibióticos, revelou esta segunda-feira fonte académica. "Neste momento, estão a …

Impossíveis de cumprir. Directores preocupados com novas regras para as escolas

As orientações da Direcção Geral de Saúde (DGS) para as escolas com vista ao regresso das aulas presenciais, em Setembro, estão a preocupar os directores dos estabelecimentos de ensino. Isto porque as consideram impossíveis de …

Homicídios disparam na maioria das cidades norte-americanas durante a pandemia

O número de homicídios cometidos em solo norte-americano disparou na maioria das cidades do país na primeira metade de 2020, comparativamente com o mesmo período do ano passado, revela uma investigação do New York Times. …

Investigadores desenvolvem robô-cientista (e já descobriu um novo catalisador)

Uma equipa de cientistas da Universidade de Liverpool, no Reino Unido, construiu um robô-cientista móvel inteligente, que realiza experiências sem ajuda humana. O novo robô-cientista toma decisões sozinho e já descobriu um novo catalisador. Segundo a …

Sérgio Figueiredo deixa direção de informação da TVI

Sérgio Figueiredo saiu do cargo de diretor de informação da TVI, anuncia a estação de televisão em comunicado enviado às redações. A cessação de funções é efetiva a partir desta sexta (10) e põe fim a …

Dinamarca lança "passaporte covid-19"

O Governo da Dinamarca lançou o "passaporte covid-19", um documento que atesta que o portador do mesmo não teve um resultado positivo ao novo coronavírus recentemente. Deverá ser utilizado em viagens internas ou externas. De …