Reino Unido chega a acordo para ficar na UE e marca referendo

number10gov / Flickr

A chanceler alemã, Angela Merkel, com o primeiro-ministro britânico, David Cameron

A chanceler alemã, Angela Merkel, com o primeiro-ministro britânico, David Cameron

Depois de dois dias de negociações, o Reino Unido e a União Europeia chegaram esta sexta-feira a um acordo sobre reformas para manter os britânicos na UE.

O presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, afirmou que os líderes dos 28 países membros da UE deram “apoio unânime” às mudanças.

O primeiro-ministro britânico, David Cameron, afirmou por seu turno que o Reino Unido conseguiu uma condição especial dentro da União Europeia e realçou que irá apresentar as propostas ao seu gabinete ainda este sábado.

“Negociei um acordo que dá ao Reino Unido status especial na UE“, escreveu Cameron em sua conta no Twitter, após o fim da cúpula da União Europeia, em Bruxelas.

O post do primeiro-ministro britânico recebeu já entretanto milhares de comentários, a maior parte dos quais se dividem entre os que “não acreditam” no acordo e os que ainda assim defendem que o Reino Unido deve sair da União Europeia.

Entre as reformas previstas, está a controversa restrição no pagamento de benefícios a cidadãos oriundos de outros países europeus, numa tentativa de limitar o número de pessoas que procuram emprego no país.

Segundo a DW, a medida determina que cidadãos de outros países da UE só terão direito ao acesso a benefícios sociais do sistema britânico após quatro anos de residência no Reino Unido.

A chanceler federal da Alemanha, Angela Merkel, saudou o acordo, mas afirmou que não foi fácil alcançá-lo, principalmente, em questões que visavam o estreitamento da União.

Merkel realça que gostaria de que tivesse sido encontrada outra solução para a questão dos benefícios.

“Acredito que não demos muito ao Reino Unido. Agora desejo a David Cameron tudo de bom”, disse Merkel.

Referendo marcado para 23 de junho

A permanência do Reino Unido na União Europeia depende agora do resultado do referendo a que os britânicos vão ser chamados dentro de quatro meses.

Já este sábado, após uma reunião do governo britânico, Cameron anunciou a data de 23 de junho de 2016 para a realização do referendo sobre a permanência do país na União Europeia.

Segundo uma sondagem realizada em novembro, 52% dos britânicos desejavam a saída da UE.

O primeiro-ministro anunciou que, com o acordo agora alcançado, irá incentivar os britânicos a votar no referendo a favor da permanência na União Europeia.

“O Reino Unido nunca irá aderir ao euro, e asseguramos protecções vitais para a nossa economia. Acredito que isso é suficiente para eu recomendar a permanência na UE”, disse Cameron.

“É o melhor dos dois mundos”, concluiu.

ZAP

PARTILHAR

RESPONDER

Pela primeira vez, uma astronauta corrige página da Wikipédia a partir do Espaço

Pela primeira vez na história da Humanidade, a astronauta norte-americana Christina H. Koch fez a edição de uma página da Wikipedia na Internet a partir da Estação Espacial Internacional (EEI), enquanto orbitava o planeta Terra. A …

Rover Mars 2020 vai procurar fósseis microscópicos

Cientistas do rover Mars 2020 da NASA descobriram o que poderá ser um dos melhores locais para procurar sinais de vida antiga na Cratera Jezero, onde o veículo vai pousar no dia 18 de fevereiro …

MP quer passar a ouvir todas as crianças expostas a violência doméstica

A procuradora-geral da República quer que os magistrados do Ministério Público peçam sempre ao juiz de instrução criminal que as crianças expostas a violência doméstica sejam ouvidas em tribunal para memória futura. A procuradora-geral da República, …

Greta Thunberg no Parlamento entre final do mês e início de dezembro

A ativista sueca aceitou participar numa sessão na Assembleia da República, em Lisboa, promovida pela comissão parlamentar de Ambiente, Energia e Ordenamento do Território, que se realizará entre o final deste mês e início de …

Phineas Fisher. O "hacker fantoche" que está a pagar para piratearem bancos e petrolíferas

Phineas Fisher é um hackers mais infames do mundo e procura agora renovar esse estatuto ao oferecer 100 mil dólares a quem piratear instituições capitalistas, como bancos e empresas petrolíferas. O hacker ficou conhecido após ter …

Conselho Superior da Magistratura arquiva processo disciplinar a Carlos Alexandre

O Conselho Superior da Magistratura decidiu arquivar o processo disciplinar relativo ao juiz do Tribunal de Instrução Criminal por declarações sobre o sorteio da fase de instrução do processo Operação Marquês. "O plenário de hoje do …

Jardins e complexo de estufas descobertos num dos bunker de Hitler

Um grupo de especialistas descobriu jardins e um complexo de estufas, que serviu para cultivar legumes e frutas, num dos maiores quartéis generais de Adolf Hitler durante a II Guerra Mundial, o bunker conhecido como …

Ataque a Alcochete. Advogados pedem impugnação do auto de notícia da GNR

Uma discrepância nas datas de elaboração e de assinatura do auto de notícia que relata a invasão à academia do Sporting motivou, esta terça-feira, a apresentação de um requerimento de impugnação subscrito por vários advogados. No …

Japão diz que é seguro libertar água radioativa de Fukushima no Pacífico

O Ministério da Economia, Comércio e Indústria do Japão afirmou esta segunda-feira que é seguro libertar água contaminada de Fukushima no Oceano Pacífico, de acordo com o jornal local Japan Today. A central nuclear, recorde-se, sofreu …

Dez autarcas e quatro clubes entre os 68 acusados na operação Ajuste Secreto

O Ministério Público da Feira deduziu acusação contra 68 arguidos, incluindo dez autarcas e ex-autarcas, quatro clubes desportivos e os seus respetivos presidentes, no âmbito da operação "Ajuste Secreto". Numa nota publicada no seu site oficial, …