Reino Unido chega a acordo para ficar na UE e marca referendo

number10gov / Flickr

A chanceler alemã, Angela Merkel, com o primeiro-ministro britânico, David Cameron

A chanceler alemã, Angela Merkel, com o primeiro-ministro britânico, David Cameron

Depois de dois dias de negociações, o Reino Unido e a União Europeia chegaram esta sexta-feira a um acordo sobre reformas para manter os britânicos na UE.

O presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, afirmou que os líderes dos 28 países membros da UE deram “apoio unânime” às mudanças.

O primeiro-ministro britânico, David Cameron, afirmou por seu turno que o Reino Unido conseguiu uma condição especial dentro da União Europeia e realçou que irá apresentar as propostas ao seu gabinete ainda este sábado.

“Negociei um acordo que dá ao Reino Unido status especial na UE“, escreveu Cameron em sua conta no Twitter, após o fim da cúpula da União Europeia, em Bruxelas.

O post do primeiro-ministro britânico recebeu já entretanto milhares de comentários, a maior parte dos quais se dividem entre os que “não acreditam” no acordo e os que ainda assim defendem que o Reino Unido deve sair da União Europeia.

Entre as reformas previstas, está a controversa restrição no pagamento de benefícios a cidadãos oriundos de outros países europeus, numa tentativa de limitar o número de pessoas que procuram emprego no país.

Segundo a DW, a medida determina que cidadãos de outros países da UE só terão direito ao acesso a benefícios sociais do sistema britânico após quatro anos de residência no Reino Unido.

A chanceler federal da Alemanha, Angela Merkel, saudou o acordo, mas afirmou que não foi fácil alcançá-lo, principalmente, em questões que visavam o estreitamento da União.

Merkel realça que gostaria de que tivesse sido encontrada outra solução para a questão dos benefícios.

“Acredito que não demos muito ao Reino Unido. Agora desejo a David Cameron tudo de bom”, disse Merkel.

Referendo marcado para 23 de junho

A permanência do Reino Unido na União Europeia depende agora do resultado do referendo a que os britânicos vão ser chamados dentro de quatro meses.

Já este sábado, após uma reunião do governo britânico, Cameron anunciou a data de 23 de junho de 2016 para a realização do referendo sobre a permanência do país na União Europeia.

Segundo uma sondagem realizada em novembro, 52% dos britânicos desejavam a saída da UE.

O primeiro-ministro anunciou que, com o acordo agora alcançado, irá incentivar os britânicos a votar no referendo a favor da permanência na União Europeia.

“O Reino Unido nunca irá aderir ao euro, e asseguramos protecções vitais para a nossa economia. Acredito que isso é suficiente para eu recomendar a permanência na UE”, disse Cameron.

“É o melhor dos dois mundos”, concluiu.

ZAP

RESPONDER

O veterano da 2ª Guerra que inspirou Dunkirk viu o filme - e chorou

O filme Dunkirk está a superar todas as expetativas: além de liderar nos EUA está a ter uma excelente aceitação nos mercados internacionais e Portugal não é exceção. No entanto, a aprovação de um espetador “especial”, …

Escândalo de fuga de informação confidencial provoca crise no Governo sueco

O primeiro-ministro da Suécia, o social-democrata Stefan Löfven, anunciou esta quinta-feira que os ministros do Interior, Anders Ygeman, e Infraestruturas, Anna Johhansson, vão deixar o Executivo após o escândalo provocado no país pela fuga de …

Rússia terá usado perfis falsos no Facebook para espiar campanha de Macron

A Agência Reuters noticia que agentes secretos russos tentaram espiar a campanha de Macron, para as eleições francesas. Como? Criando perfis falsos para se fazerem "amigos" de membros da campanha. Agentes ligados aos Serviços Secretos russos …

Cientistas chineses desenvolvem possível inibidor do vírus Zika

Uma equipa de investigadores chineses desenvolveu um possível inibidor do vírus Zika baseado em moléculas, que foi testado em ratos e poderá ajudar a combater a propagação do vírus entre seres humanos. Segundo o jornal Shanghai …

Fundador da Amazon ultrapassou Bill Gates e é o novo homem mais rico do mundo

O fundador da Amazon, Jeff Bezos, tornou-se nesta quinta-feira pela primeira vez no homem mais rico do planeta, com uma fortuna que supera 90 mil milhões de dólares. De acordo com a revista "Forbes", que …

Augusto Inácio esteve retido nas instalações do Zamalek e teve que recorrer à embaixada poortuguesa

O treinador português esteve impedido de sair das instalações do Zamalek, no Egito, por seguranças do clube, tendo sido obrigado a pedir auxílio à representação portuguesa no Cairo - que interveio prontamente. No final, ficou …

Fumar pode aumentar a sensibilidade ao stress

Fumar pode aumentar a sensibilidade ao stress, revela um estudo feito em cobaias pelo Centro Nacional para a Pesquisa Científica da França (CNRS) e publicado nesta terça-feira na revista “Molecular Psychiatry“. Contrariando a ideia popular que …

Índia: Criança de dez anos pede para abortar

O Supremo Tribunal indiano aceitou estudar o caso de uma criança de 10 anos, grávida de 26 semanas, cujos pais pediram autorização para fazer um aborto fora do prazo legal. Vários médicos vão examinar a …

Criança inglesa desaparecida na Praia da Luz foi encontrada

Uma criança de nacionalidade inglesa esteve desaparecida desde o início da tarde desta quinta-feira na praia da Luz, em Lagos, Algarve, estando as autoridades policiais a efetuar buscas sobre o seu paradeiro, disse à Lusa …

Nova tecnologia permite extrair energia cinética aos veículos e transformá-la em energia elétrica

Uma equipa que envolve especialistas do Porto, de Lisboa e de Coimbra está a desenvolver uma tecnologia para ser aplicada na superfície de pavimentos rodoviários, que permite extrair energia cinética aos veículos e transformá-la em …