Marinho e Pinto abandona MPT e vai criar novo partido

RTP / Flickr

Ex-bastonário da Ordem dos Advogados, Marinho e Pinto, eleito eurodeputado pelo MPT

Ex-bastonário da Ordem dos Advogados, Marinho e Pinto, eleito eurodeputado pelo MPT

O eurodeputado Marinho e Pinto, eleito pelo MPT, pretende criar um novo partido este ano e conta ter o processo pronto para entregar no Tribunal Constitucional até ao final de Outubro, disse esta quinta-feira o próprio à agência Lusa.

O programa será ainda elaborado no âmbito de uma reunião de fundadores, disse Marinho e Pinto, frisando que reúne apoiantes em todo o país, das mais variadas áreas.

Depois de aprovada a declaração de princípios e os estatutos com que se apresentará o novo partido — cujo nome deverá ser Partido Democrático Republicano —, serão recolhidas as assinaturas necessárias (7500) a submeter ao Tribunal Constitucional.

“Estamos a trabalhar na elaboração da declaração de princípios e do projecto de estatutos, e quando estiver concluído convocamos uma assembleia de fundadores para fazermos a aprovação”, afirmou o advogado, eleito nas últimas europeias pelo Movimento Partido da Terra (MPT).

O partido, acrescentou, terá como principal objectivo “contribuir para a resolução dos graves problemas” do país. “É um partido que irá pôr os interesses dos cidadãos acima dos interesses dos agentes políticos”, sublinhou. O nome será discutido e aprovado em reunião da assembleia constituinte, ainda não agendada.

O ex-bastonário da Ordem dos Advogados declarou ainda que o partido será constituído de acordo com as convicções de “um conjunto muito amplo de pessoas totalmente insatisfeitas com a situação que o país atingiu” e com o que classificou de “degenerescência das instituições democráticas e o apodrecimento que se verifica em muitas instituições da República”.

São essas pessoas “inconformadas” que querem “contribuir para uma nova forma de fazer política, com mais honestidade”, frisou, em declarações à Lusa por telefone.

A notícia da criação do novo partido foi avançada pela edição electrónica do jornal i, citando fonte próxima do eurodeputado.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

  1. Eu sou a 1ª na lista se me aceitarem mesmo aos 70 anos sou de lutas sérias tal como esse grande Sr. nunca estive filiada em Partidos de chacha e de mentirosos, Fui convidada sim aquando do inicio do MPT mas antes de aceitar houve algo que não era bem assim dai não ter ido mas nunca é tarde para meter a cabeça e levantar um País : Tenho tanta força como anos mas que não me pesam o que me pesa sim são as injustiças que todos nós deixamos fazer a estes miúdos que sem saberem ler nem escrever são mandantes dum País que foi ao fundo pela incompetência de Incompetentes e sabujos

  2. Que dizer….que a sociedade portuguesa precisa de ser regenerada…precisa, que será o sr. Marinho Pinto a iniciar esse processo….duvido. E porque? Penso que talvez tenha ficado com uma falsa ideia, mas a ideia com que fiquei é que o Sr. Marinho Pinto que prezo aproveitou-se dum partido, foi eleito para a Europa, mas ainda nesta área não deu provas de competência…faladura até agora só e já pensa em Portugal, então porque se candidatou à Europa se não era isso que queria? Não sei não…mas parece que esta a dar um passo maior que a perna e nestes casos, quando assim é o manco fica pela caminho, na corrida de estafeta…Gostava que assim não fosse…verdade, mas quere-me que ainda não vai ser este Sr. a conseguir a dita regeneração social e politica da nossa sociedade, pois cheira-me a interesse muito pessoal de evidenciação, sem ter para já, feito algo ou dito de relevante…A ver vamos…e que eu me engane

  3. até que enfim que vamos poder ter um grande HOMEM na politica PORTUGUESA.
    A VER SE NOS LIVRAMOS DESTA CANALHA !!!
    FORÇA SRº-MARINHO PINTO

  4. Serei dos primeiros a tornar-me Sócio do Partido , acho que não me arrependerei, confio inteiramente no Dtº. Marinho Pinto , temos de Mudar o Rumo a Portugal

  5. Simpatizo bastante com o Sr. Dr. Marinho e Pinto pela sua frontalidade e verticalidade, bem como pelos princípios que parece defender: justiça, honra e direito à dignidade. Fiquei muito satisfeito quando o vi entrar na vida política activa. Pensei de imediato que teríamos aí um homem de carácter e honesto, aquilo que muitas vezes falta na vida política. Mas agora penso que talvez me tenha entusiasmado em demasia. Aquilo que me é dado agora conhecer através da comunicação social de ontem, sugere-me que a sua atitude foi de menos honestidade para com o partido MPT que o acolheu, e através do qual se tornou politicamente conhecido, chegando mesmo até Bruxelas, Nem sequer terá comunicado ao partido o seu projecto de mudança de rumo, tendo aquele tomado conhecimento também através da comunicação social. É pena, porque necessitamos urgentemente de alternativas, que não temos. Por mim ter-me-ei agora de me convencer que o Dr. Marinho e Pinto é aquele do antes do MPT e não o de hoje, porque senão fico tremendamente desapontado e sem uma visão de alternativa para o momento político que atravessamos.

Presidente da República passa o fim de ano na ilha do Corvo

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, vai passar a noite de 31 de dezembro para 1 de janeiro na ilha do Corvo, nos Açores, de onde será transmitida a sua mensagem de Ano …

O calor extremo está a fazer com que os bebés nasçam mais cedo

Investigadores descobriram que o calor extremo faz com que os bebés nasçam mais cedo. Tal como quase tudo neste mundo, as coisas só vão piorar com as alterações climáticas. Segundo o Science Alert, os dois investigadores …

Empresa está a contratar uma pessoa que será paga para usar pijamas e dormir

Um start-up de colchões da Índia, que se descreve como uma "empresa de soluções para dormir" está a contratar alguém que será pago apenas para fazer isso mesmo. O objetivo é testar os seus produtos de …

O primeiro local funerário de compostagem humana do mundo abre em 2021

Prevê-se que a primeira instalação funerária de compostagem humana do mundo abra na primavera de 2021, depois de os legisladores do Estado de Washington terem legalizado o processo póstumo no início do ano. A empresa Recompose, …

Estado emprestou dois milhões à Cruz Vermelha para pagar salários

A Parpública SGPS emprestou dois milhões de euros ao Hospital da Cruz Vermelha, nomeadamente para fazer pagamento de salários. A Parpública SGPS, holding tutelada pelo Ministério das Finanças, libertou dois milhões de euros para permitir ao …

Ex-ministro francês François Bayrou acusado de cumplicidade na apropriação de fundos

O ex-ministro francês François Bayrou, dirigente centrista e próximo de Emmanuel Mácron, foi acusado na sexta-feira por "cumplicidade na apropriação indevida de fundos públicos" no caso dos assistentes parlamentares do seu partido. A acusação, "anunciada antecipadamente …

"Profundamente envergonhada", Merkel visitou Auschwitz pela primeira vez

A chanceler alemã, Angela Merkel, visitou esta sexta-feira pela primeira vez o campo de concentração e extermínio de Auschwitz-Birkenau num "sinal de reconciliação com os judeus e o estado de Israel", considera o historiador René …

Capital do Natal de Algés avança com queixa-crime contra promotores

A organização da Capital do Natal, evento que decorre em Algés, Oeiras, vai apresentar uma queixa-crime contra os promotores turísticos que "adulteraram a oferta do parque", o que defraudou "um conjunto alargado de pessoas". Em causa …

Menino de 5 anos convidou todos os colegas do infantário para assistir à sua adoção

Um menino de cinco anos de Michigan, nos Estados Unidos, convidou a sua turma do infantário para testemunhar à sua adoção legal. A criança, identificada como Michael, foi adotada formalmente pela sua nova família na passada …

TDT vai mudar de frequência (outra vez)

A frequência da Televisão Digital Terrestre (TDT) está a ser alterada de forma faseada, o que significa que os portugueses que usem este serviço gratuito de televisão têm de sintonizar novamente os seus recetores e/ou …