MAI apresenta queixa-crime contra os bombeiros por causa de fogo em Cascais

Tiago Petinga / Lusa

O Ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita

O ministro da Administração Interna participou, esta sexta-feira, ao Ministério Público a situação de “grave risco” resultante da ausência de comunicação dos bombeiros ao Comando Distrital de Operações de Socorro de Lisboa de um incêndio no concelho de Cascais.

Além desta participação para eventual procedimento criminal pelo Ministério Público (MP), Eduardo Cabrita determinou também à Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) a abertura de um inquérito para apuramento de eventuais responsabilidades disciplinares.

A semana passada, os bombeiros aprovaram “por unanimidade e aclamação” um boicote toda a informação à ANPC, tendo suspendido desde domingo toda a informação operacional aos Comandos Distritais de Operações de Socorro (CDOS).

Numa nota enviada à agência Lusa, o Ministério da Administração Interna (MAI) refere que a informação prestada pelo presidente da ANPC ao ministro Eduardo Cabrita concluiu “pela situação de grave risco decorrente da ausência de comunicação ao Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Lisboa da ocorrência de incêndio habitacional em São Domingos de Rana, Cascais”.

O MAI sublinha que “a mesma informação reporta a violação dos deveres de zelo no âmbito do Regime Jurídico dos Corpos de Bombeiros”.

“Com base nessa informação, o ministro da Administração Interna determinou a instauração de um inquérito, por parte da ANPC, para apuramento de eventuais responsabilidades disciplinares A participação ao Ministério Público para apuramento de eventuais responsabilidades criminais”, precisa a nota do MAI.

O CDOS de Lisboa esteve mais de uma hora sem informações sobre o incêndio desta sexta-feira no concelho de Cascais, que provocou um morto, disse à Lusa fonte da Proteção Civil. O pedido de socorro para o incêndio, numa habitação na freguesia de São Domingos de Rana, chegou via 112 ao CDOS de Lisboa, que imediatamente acionou os meios junto dos bombeiros voluntários de Carcavelos, que se deslocaram para o local.

A mesma fonte adiantou que o CDOS de Lisboa esteve sem saber o que se passava no terreno durante mais de uma hora, tendo recebido informações sobre a ocorrência através dos serviços municipais de Cascais de proteção civil.

Segundo o INEM, o incêndio provocou a morte a uma mulher e fez com que 10 pessoas fossem assistidas por inalação de fumos, sete das quais com necessidade de receberem tratamento hospitalar.

Os bombeiros de Carcavelos são uma das corporações que aderiram ao protesto do Conselho Nacional da Liga dos Bombeiros Portugueses (LBP), que desde domingo suspenderam todo o encaminhamento de informação operacional aos CDOS. O comandante dos bombeiros de Carcavelos confirmou que não foram reportadas informações ao CDOS, facto que “não condicionou os trabalhos” e “o socorro”.

Segundo a LBP, 84% das corporações de bombeiros deixaram de reportar aos CDOS qualquer informação operacional em protesto contra as várias propostas de reforma da Proteção Civil, nomeadamente a proposta de alteração à Lei Orgânica da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC), que vai passar a designar-se Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC).

ZAP // Lusa

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. Muito bem Sr. Ministro! Agora os bombeiros portugueses andam com birras e birrinhas por causa de lhes tirarem o acesso ao Euros. Muito bem, Sr, Ministro !

    • DE acordo.
      A Liga dos Bombeiros é o equivalente a Liga de Futebol Profissional. São organizações (legítimas) de “patrões” e não de “trabalhadores”.
      Ao contrario do que muita gente pensa, a Liga dos Bombeiros, não representa bombeiros. Mas sim, as associações que os contratam. Tal como muitas IPSS, desde há dezenas de anos que mamam na teta do estado, mas não querem ser fiscalizados nem tutelados num sistema nacional que imponha responsabilidades e avalie desempenho. Os tachistas que há anos andam a chupar não querem ser perder as mordomias

  2. Acho muito bem!
    Tem um contrato com o Estado (e recebem dinheiro do Estado!) e portanto, tem que reportar ao Estado; se não o fazem, estão a cometer um crime!!
    Claro que a culpa não é dos bombeiros mas sim daquele politico parasita chamado Jaime Marta Soares, que, para manter o seu tachos (e dos seus amigos), faz birra e usa os bombeiros para conseguir os seus objectivos pessoais!…
    Chega ao cúmulo se querer ser ele (e outros parasitas da LBP) a quer mandar no Estado que lhes dá o dinheiro!
    Um vergonha para os bombeiros, que não mereciam ser manipulados e ver os eu bom nome manchado por um dinossauro politico rafeiro que, supostamente, os devia ajudar!

    • Quanto ao dinossauro rafeiro, até posso estar de acordo.
      Quanto à gestão, é sempre a mesma pessegada à portuguesa: o importante é “algém mandar”, porque isso traz “jobs for the boys”. O resto, não interessa a nada nem a ninguém,.

  3. Os bombeiros já deviam de ter parado á 12 anos, para reorganizar a estrutura que foi desmontada pelos politicos do PS e PSD para terem espaço para os amigos dos partidos que de Protecção Civil não percebiam nada e foram tirar um canudo a correr para poderem tomar posse.
    Esta situação vai ter de ser resolvida até 20 de janeiro senão não vai haver disponibilidade para os fogos florestais de 2019 onde o plano tem de estar pronto em fevereiro.
    Com a desorganização que o governo fez com a aquisição de viaturas brinquedo para os Sapadores e GNR onde gastou uns trocos com estes veiculos mas a fatura foi de milhares.
    O governo vai ter de fazer uma alteração bastante forte na estrutura se quizer ter bombeiros para socorrer a nivel nacional com mais rapidez.

Responder a Eu! Cancelar resposta

Igrejas evangélicas cultivam violência doméstica ao defender a supremacia dos homens sobre as mulheres

O facto de a igreja evangélica defender que o homem deve controlar a mulher apenas agrava o problema de violência doméstica, justificando os atos dos homens. Jane (nome fictício) era membro da comunidade cristã evangélica da …

A Cidade do México está a pagar aos seus polícias para que percam peso

A Polícia da Cidade do México está a levar a cabo um programa para combater o excesso de peso e a obesidade no seu efetivo através de incentivos financeiros.  Ao todo, escreve a agência AFP que …

Há um novo método para medir buracos negros

Os buracos negros supermassivos são os maiores buracos negros, com massas que podem exceder mil milhões de sóis. Apenas esta primavera foi divulgada a primeira imagem do buraco negro supermassivo no centro da galáxia M87, …

E Tudo o Vento Levou… há 80 anos

E Tudo o Vento Levou celebra este domingo 80 anos de vida, marcando a data da sua estreia nos Estados Unidos. Oito décadas depois, o filme mantém-se como uma das maiores obras primas do cinema …

O problema impossível mais simples do mundo está a levar matemáticos à loucura

Matemáticos avisam os seus colegas para se manterem longe da conjetura de Collatz. No entanto, Terence Tao decidiu arriscar, e está muito perto de resolver aquele que muitos chamam de o problema impossível mais simples …

Soldados da Guerra Civil dos EUA pintavam o cabelo para ficar melhor nas fotografias

Investigadores encontraram evidências que indicam que soldados da Guerra Civil norte-americana pintavam o cabelo para ficar melhor nas fotografias. Escavações em Camp Nelson, no Kentucky, revelaram restos de um estúdio de fotografia com 150 anos, o …

Chuva, vento forte e neve. Mau tempo vai agravar-se nas próximas 48 horas

A Proteção Civil alertou este domingo para um agravamento do estado do tempo nas próximas 48 horas, com períodos de chuva, possibilidade da queda de neve nas terras alta do norte e centro e ainda …

Descoberta nova espécie de aranha-violinista no Vale do México

Cientistas identificaram, no México, uma nova espécie de aranha com um veneno que, apesar de não ser fatal, é capaz de causar necrose na pele humana. Uma equipa de cientistas da Universidade Nacional Autónoma do México …

Já sabemos sobre o que conversam os orangotangos

Um novo estudo da Universidade de Exeter, em Inglaterra, desvendou a linguagem secreta dos orangotangos, descobrindo o que significam 11 sinais vocais e 21 gestos. Os investigadores passaram dois anos a filmar mais de 600 horas …

COP25 aprovou conclusões. Não há acordo para regulação dos mercados de carbono

A cimeira da ONU sobre o clima terminou hoje em Madrid assinalando a urgência para conter as alterações climáticas, mas a mais longa cimeira sobre o clima de sempre sem chegar a acordo nos pontos …