Juiz Sérgio Moro pede desculpa por divulgar escutas de Dilma e Lula

Rovena Rosa / Agência Brasil

O juiz brasileiro Sérgio Moro

O juiz brasileiro Sérgio Moro

O juiz Sérgio Moro, responsável pela investigação Lava Jato, admitiu esta terça-feira que se equivocou ao autorizar a divulgação de escutas telefónicas entre a Presidente Dilma Rousseff e o seu antecessor, Luiz Inácio Lula da Silva.

O juiz federal justificou-se ao Supremo Tribunal Federal (STF) lamentando e pedindo “escusas” por ter autorizado a divulgação de escutas telefónicas, referindo que não teve intenção de “gerar um facto político-partidário, polémicas ou conflitos, algo estranho à função jurisdicional”.

“Diante da controvérsia decorrente do levantamento do sigilo e da decisão de vossa excelência, compreendo que o entendimento então adotado possa ser considerado incorreto, ou mesmo sendo correto, possa ter trazido polémicas e constrangimentos desnecessários. Jamais foi a intenção deste julgador, ao proferir a aludida decisão de 16 de março, provocar tais efeitos e, por eles, solicito desde logo respeitosas escusas a este Egrégio Supremo Tribunal Federal”, afirmou Sérgio Moro.

O juiz Sérgio Moro enviou as informações a pedido do magistrado do STF Teori Zavascki, após a decisão que determinou a suspensão das investigações da Operação Lava Jato que envolvem Lula e o envio dos processos para o Supremo Tribunal.

Nos áudios divulgados, Dilma Rousseff diz a Lula da Silva que mandou alguém entregar o termo de posse do ex-Presidente como ministro da Casa Civil, para ser usado “em caso de necessidade”.

As declarações foram interpretadas como um possível combinação para garantir a imunidade de Lula da Silva – que como membro do Governo deixaria de ser julgado por Moro, passando a investigação para a alçada so STF -, mas a Presidente justificou que falavam na assinatura do seu antecessor para a tomada de posse, quando ainda não era certa a presença de Lula no evento.

Sérgio Moro garante que não determinou a quebra de sigilo telefónico de nenhuma pessoa com prerrogativa de foro (imunidade jurídica) e que os diálogos envolvendo a presidente Dilma e ministro do gabinete pessoal da presidência, Jaques Wagner, o ministro das Finanças, Nelson Barbosa, e parlamentares, foi encontrada de forma fortuita nas investigações.

O juiz afirma que o seu objetivo era “dar publicidade ao processo e especialmente a condutas relevantes do ponto de vista jurídico e criminal do investigado do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva que podem eventualmente caracterizar obstrução à Justiça ou tentativas de obstrução à Justiça”.

No pedido de informações, Moro também afirmou que existem mais conversas telefónicas do ex-presidente que foram gravadas.

“Há outros diálogos do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva intencionando ou tentando obstruir ou influenciar indevidamente a Justiça. Há também diálogos nos quais revela a intenção de intimidar as autoridadades responsáveis pela investigação e processo”, afirmou Moro.

Esta quinta-feira, o STF decidirá se Sérgio Moro, responsável pela investigação da Operação Lava Jato na primeira instância da Justiça Federal, continuará na condução dos inquéritos contra Lula da Silva.

Agência Brasil

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Existe uma expressão que diz… “Ups! My bad…” (desculpem qualquer coisinha…)
    E eu digo “Bullsh…!” (treta – a expressão é um pouco mais acutilante, mas não quero utilizar palavras mais fortes…)

  2. Este “cara” (de parvo) não passa de patifório da máfia golpista.
    Aonde é que estavam estes Juízes (sem juízo), quando ao longo de tantos anos se roubava impunemente à descarada no Brasil ?
    E se a direita voltar ao poder no Brasil, vai ser uma gigantesca festança de ladroagem – mas simplesmente com a aprovação da falsa Justiça brasileira.

RESPONDER

Espiões podem estar a usar o LinkedIn para recrutar novos contactos

O LinkedIn é uma rede social de negócios, mas espiões podem estar a usá-la para encontrar novos contactos. Os espiões estarão a usar perfis falsos, gerados por inteligências artificial. Apesar de ser uma rede social bem …

Mercado de compras online pode não ser tão lucrativo quanto se pensa (e pode estar perto do fim)

Muitas pessoas provavelmente presumem que as lojas online estão a fazer uma fortuna, mas a realidade é bem diferente. Muitas atividades de comércio eletrónico são, na verdade, não lucrativas. Se as pessoas tivessem que pagar o …

Canábis já era fumada há pelo menos 2.500 anos

Uma descoberta nos túmulos do cemitério Jirzankal, no oeste da China, mostra que os povos que viviam nessa zona montanhosa já queimavam canábis com elevados níveis de THC. Uma equipa de arqueólogos encontrou pequenos artefactos de madeira …

Estado angolano exige 25 milhões de euros ao general Dino

O Estado angolano exige ao general Leopoldino Fragoso do Nascimento, mais conhecido por Dino e um dos homens de confiança do ex-presidente José Eduardo dos Santos, o pagamento de 29 milhões de dólares (25 milhões …

Procuradora dos "Cinco de Central Park" deixa de lecionar Direito após série da Netflix

Elizabeth Lederer, a procuradora principal do caso dos "Cinco de Central Park", que resultou na condenação injusta de jovens negros e latinos por violação, disse que vai deixar de lecionar Direito na Universidade de Columbia, …

A água da torneira de uma cidade americana ficou repentinamente cor-de-rosa

Os residentes de Coal Grove, no Ohio, foram surpreendidos por água cor-de-rosa a sair das torneiras das suas casas. O problema esteve relacionado com uma avaria na bomba da estação de tratamento da água. Nenhum habitante de …

Hospital Pulido Valente sem anestesistas na escala este fim de semana

Médicos do Hospital Pulido Valente, em Lisboa, foram este sábado surpreendidos com a falta de anestesistas na escala deste fim de semana e manifestam preocupação com o impacto da decisão nos doentes internados. O coordenador da …

Na Suécia, há quem tenha "vergonha" de andar de avião

Viajar de avião ou usar outro meio de transporte? Para muitos, essa pergunta vem de um dilema ético, de pessoas preocupadas com o impacto da aviação nas mudanças climáticas. Nenhum país, contudo, levou esse dilema tão …

EUA. Governo separa famílias de imigrantes ilegais e envia as crianças para antiga base militar

O internamento de nipo-americanos durante a Segunda Guerra Mundial sempre permaneceu uma mancha terrível nos livros de história dos Estados Unidos (EUA). Cerca 120 mil pessoas foram mantidas à força em várias dessas instalações entre …

Morreu o cineasta italiano Franco Zeffirelli

O cineasta italiano Franco Zeffirelli morreu, na sua casa, em Roma, aos 96 anos, noticiou este sábado a imprensa italiana. “O desaparecimento ocorreu no final de uma longa doença. O mestre vai descansar no cemitério de …