Segundo dia do julgamento de Dilma “parecia um hospício”

O segundo dia do julgamento final da presidente com mandato suspenso, Dilma Rousseff, no senado brasileiro, em Brasília, teve ânimos exaltados e ficou marcado por muitas ausências entre os senadores a favor do ‘impeachment’ da presidente.

Dilma Rousseff, com mandato suspenso desde 12 de Maio, é acusada de editar, no ano passado, decretos de créditos suplementares sem o aval do congresso e de usar recursos de bancos federais em programas do tesouro, as chamadas “pedaladas fiscais”.

A manhã começou com um debate sobre a imparcialidade de testemunhas, que levou a defesa a desistir de ouvir a ex-secretária de Orçamento Esther Dweck, recentemente nomeada assessora da senadora do Partido dos Trabalhadores (PT) Gleisi Hoffmann.

Contudo, os ânimos continuaram exaltados, com o próprio presidente do senado, Renan Calheiros, a envolver-se numa discussão com Gleisi Hoffmann, dizendo que o julgamento decorria num “hospício”, e os trabalhos tiveram de ser suspensos.

No final do dia, o presidente da câmara alta do congresso afirmou aos jornalistas que estava “arrependido” da discussão.

Aécio Neves, líder do Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB) e candidato derrotado nas presidenciais de 2014, informou que os senadores a favor do ‘impeachment’ não fariam perguntas às testemunhas da defesa para acelerar o processo, explicando que que quase todas já prestaram depoimento na comissão especial do ‘impeachment’ no senado e acusou ainda os senadores que se opõem ao afastamento da presidente de quererem atrasar o julgamento.

Numa tarde mais calma, os senadores ouviram o economista Luiz Gonzaga Belluzo, mas na condição de declarante (sem servir de prova), a pedido do advogado da defesa, José Eduardo Cardozo, para evitar novos tumultos.

O economista defendeu que Dilma Rousseff foi excessivamente responsável com as medidas fiscais de 2015 e referiu que o impacto provocado pela edição dos decretos suplementares foi “ridículo”.

O declarante considerou ainda o processo de ‘impeachment’ um “atentado à democracia”.

O presidente do julgamento, Ricardo Lewandowski, indeferiu o pedido da acusação para que o professor de Direito da Universidade Federal do Rio de Janeiro Geraldo Prado fosse ouvido na condição de declarante.

A testemunha frisou que “ninguém no lugar de Dilma faria algo diferente“, afirmando que a presidente com mandato suspenso confiou nas informações que tinha, dado que um governante não consegue controlar todos os actos da gestão. Para Geraldo Prado, a punição da destituição é “desproporcional ao facto”.

Os ânimos exaltaram-se quando a advogada de acusação Janaína Paschoal perguntou à testemunha se ele considerava a Venezuela uma democracia, porque muitos professores os acusam de ‘golpistas’ “veem a Venezuela como um governo legítimo”, mas o presidente do julgamento indeferiu a questão.

Luiz Cláudio Costa, ex-secretário-executivo do Ministério da Educação, mencionou que os decretos de crédito suplementar “não causaram impacto fiscal“, pois não representavam recursos novos que não estavam previstos.

“Ele [decreto] simplesmente permite ao gestor fazer uma alocação melhor da verba para os programas que acha mais importantes”, disse, acrescentando que houve também decretos de contigenciamento na Educação.

Tal como no primeiro dia do julgamento, por várias vezes, a discussão descambou para questões políticas.

Senadores que apoiam Dilma Rousseff chegaram a pedir a Ricardo Lewandowski a suspensão da sessão pela ausência de tantos senadores no plenário, mas o presidente do julgamento negou o pedido.

Para este sábado, estão agendados mais dois depoimentos indicados pela defesa, depois de na quinta-feira terem sido ouvidas duas pessoas indicadas pela acusação.

O processo vai avançar, na segunda-feira, com o depoimento de Dilma Rousseff, antes da discussão e da votação, que deverá determinar o seu afastamento permanente da presidência, passando esta a ser ocupada em pleno pelo presidente interino, Michel Temer.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

A Via Láctea pode estar cheia de "Terras" (com oceanos e continentes)

Uma equipa de investigadores da Universidade da Dinamarca acredita que a Via Láctea pode estar cheia de planetas semelhantes à Terra, com oceanos e continentes. Há muito tempo que os astrónomos vasculham o vasto Universo na …

Podem as leis da Física refutar a existência de Deus?

Se existe um Deus que criou todo o universo e todas as leis da Física, Deus segue as suas próprias leis? Ou pode Deus substituir as suas leis, como viajar mais rápido do que a …

Covid-19. Perda de olfato e paladar pode durar até cinco meses

A perda dos sentidos do olfato e do paladar pode durar até cinco meses depois da infeção por covid-19, segundo um estudo preliminar dado a conhecer esta terça-feira, sendo os resultados definitivos apresentados em abril, …

Na Florida, duas mulheres disfarçaram-se de idosas para serem vacinadas contra a covid-19

Na Florida, duas mulheres disfarçaram-se de idosas para conseguirem receber a segunda dose da vacina contra a covid-19, mas foram "apanhadas". De acordo com a CBS News, duas mulheres foram "apanhadas" a tentar obter as segundas …

O Rei Leão. Teoria que nasceu no TikTok sugere que Mufasa foi vítima de canibalismo

Christian Jones, um fã do filme de animação O Rei Leão, partilhou no TikTok uma teoria intrigante sobre a história da Disney. No filme O Rei Leão, o leão patriarca Mufasa é assassinado e substituído pelo seu …

Gérard Depardieu indiciado por violação e agressão sexual

Gérard Depardieu foi acusado de "violação" e "agressão sexual" de uma jovem atriz e bailarina em Paris, atos que terão ocorrido nos dias 7 e 13 de agosto de 2018. O ator francês Gérard Depardieu foi …

Uma experiência artística imersiva. Abriu em Las Vegas um supermercado psicadélico

A mercearia mais excecional dos Estados Unidos já abriu. O Omega Mart baseia-se numa experiência artística imersiva, criada pela empresa de artes e entretenimento Meow Wolf, e está agora oficialmente aberto no complexo de artes …

A imensa erupção do Etna surpreendeu até quem estuda vulcões

Há mais de uma semana que o vulcão Etna tem vindo a expelir lava, cinzas e rochas vulcânicas. Aquele que é considerado o vulcão mais ativo da Europa foi o protagonista dos últimos dias na …

Fotógrafo descobre raro pinguim amarelo na Geórgia do Sul

O pinguim amarelo foi fotografado na Geórgia do Sul, em dezembro de 2019, e as fotografias do animal estão agora a correr o mundo. Especialistas estão divididos sobre a causa desta condição rara. Este raro pinguim …

Portugal em destaque na Reuters. "Enfermeiros querem salários, não aplausos"

"Exaustos na luta contra a covid-19, enfermeiros portugueses querem salário, não aplausos." Este é o título da peça da Reuters, publicada esta quarta-feira. Correspondentes da agência Reuters traçaram o cenário vivido atualmente pelos enfermeiros portugueses, que …