Costa encontra-se com Temer (e Bloco não gostou)

Clara Azevedo / portugal.gov.pt

Primeiro-Ministro António Costa conversa com deputada Catarina Martins (BE) antes do encerramento do debate do Orçamento do Estado para 2016

Primeiro-Ministro António Costa conversa com deputada Catarina Martins (BE) antes do encerramento do debate do Orçamento do Estado para 2016

O Bloco de Esquerda (BE) considera que o encontro previsto para esta quarta-feira entre o primeiro-ministro português e o Presidente do Brasil é “inoportuno” porque Michel Temer chegou ao poder “sem legitimidade e a braços com a justiça”.

“No respeito pela soberania do povo brasileiro e sem prejuízo das relações que ligam os dois Estados, o Bloco lamenta o inoportuno encontro marcado para amanhã entre o primeiro-ministro António Costa e Michel Temer, um político que chega à presidência da República do Brasil sem legitimidade e a braços com a justiça“, diz o BE numa nota divulgada esta terça-feira.

O encontro, que integra uma deslocação do chefe do Governo português ao Brasil, “vem na sequência de declarações do ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, no sentido de uma legitimação do novo governo brasileiro, das quais o Bloco também se demarca claramente”, frisa o partido liderado por Catarina Martins.

“A deslocação do primeiro-ministro, anunciada em apoio aos atletas portugueses nos jogos paralímpicos, é uma iniciativa louvável mas que não aconselha nem justifica o encontro com Michel Temer”, prosseguem os bloquistas, que apoiam no parlamento o Governo liderado por António Costa.

Nesse sentido, o BE “junta a sua voz à de quem, no Brasil e em todo o mundo, denuncia” o processo de impeachment da antiga presidente Dilma Russeff “como um golpe contra a democracia“.

“Tal como muitos dos seus ministros e dos deputados e senadores que o apoiaram, Temer está no centro de várias suspeitas, investigações e casos de corrupção. O Governo português não desconhece que um dos objetivos dos promotores da destituição da anterior presidente é precisamente o de garantir impunidade perante o combate à corrupção e, particularmente, travar o caso Lava Jato, em que muitos estão implicados”, frisa ainda o Bloco.

Encontro antes da abertura dos Paralímpicos

O primeiro-ministro, António Costa, prossegue na quarta-feira a sua deslocação ao Brasil, com a participação numa receção promovida pelo recém-empossado presidente brasileiro, Michel Temer, antes da cerimónia de abertura dos Jogos Paralímpicos, no Rio de Janeiro.

Depois de ter estado dia e meio em São Paulo, com um programa eminentemente económico, o chefe do Governo português viaja hoje para o Rio de Janeiro. António Costa participará na receção que o novo Presidente brasileiro oferece aos chefes de Estado e de Governo presentes no Rio de Janeiro para a cerimónia desportiva.

Costa já rejeitou, em declarações à agência Lusa, que as relações luso-brasileiras possam ser condicionadas pelos processos políticos internos de cada um dos países e frisou que tanto o Brasil como Portugal já acolheram exilados em períodos de ditadura.

O primeiro-ministro considerou natural que cada um, cidadão português ou brasileiro, faça uma avaliação política da situação interna em cada um dos dois países.

“Mas a nossa relação com o Brasil é Estado a Estado, e esta visita foi marcada para a abertura dos Jogos Paralímpicos, numa altura em que se desconhecia qual o presidente brasileiro que estaria em funções”, referiu o primeiro-ministro, numa alusão ao recente processo que conduziu à destituição de Dilma Rousseff.

No plano diplomático “o que seria absolutamente extraordinário era vir ao Brasil e não ter um encontro com o Presidente do Brasil”, afirmou Costa esta segunda-feira à agência Lusa, antes da sua chegada a São Paulo.

Michel Temer foi empossado no cargo de Presidente do Brasil há uma semana, depois de o Senado (câmara alta parlamentar) ter aprovado a destituição de Dilma Rousseff.

Rousseff foi condenada por ter assinado três decretos de créditos suplementares em 2015 sem autorização do Congresso e por ter usado dinheiro de bancos públicos em programas do Tesouro, realizando manobras contabilísticas, as popularmente chamadas “pedaladas fiscais”.

Dilma Rousseff tornou-se a primeira Presidente deposta no Brasil depois do fim do regime militar na década de 1980.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. Na verdade não morro de amores tanto por socialistas como comunas mas o senhor Costa quer se goste ou não até pela forma como também chegou ao Poder é atualmente o 1º ministro de Portugal e se vai ao Brasil certamente que será normal encontrar-se com os responsáveis desse país irmão e não é a nós portugueses de decidir se estão ou não no cargo certo que desempenham, é assunto com brasileiros e será a eles de decidir se está bem ou mal, se é de facto por serem corruptos isso parece ser mal generalizado por todos sem exceção, se por acaso fosse a menina Catarina no Poder lá iria ela com todo o sorriso no rosto apertar a mão ao senhor Temer e o senhor Costa por cá cheio de inveja a condenar, é por isso que pouca gente acredita em políticos.

  2. É por estas e por outras que alguns lhes chamam de extremistas! Confundir ideologia partidária com politica de ESTADO, dá grande descredibilização. Também não concordo com o”golpe de mão politico” que aconteceu no Brasil…como está acontecendo em todo e qualquer lugar do GLOBO!, consequência da “globalização” dos ???direitos??? do GRANDE capital INTERNACIONAL!, no entanto, ou o Estado PORTUGUÊS não visitava o BRASIL; interesse cultural e económico! ou se visita assume a sua CONDIÇÃO politica de ESTADO parceiro comercial e Cultural…não obrigatóriamente POLITICO/ideológico!, BE, e, já agora PCP, para dividir a Sociedade PORTUGUESA, JÁ CHEGAM OS INENARRáVEIS DIREITOLAS TRAFULHAS DOS PAFIOSOS.

  3. Estou de acordo com o Vasco e o Ricardo com é lógico. Mas Vasco, e trato-o assim pq não o conheço, dizer o “senhor Costa” não lhe fica bem. Bastava dizer o Antonio Costa e já a coisa mudava de figura. Porque sabe uma coisa afinal políticos e ao contrário de alguns comentários somos nós todos, só uns designamos de profissionais porque não fizeram outra coisa. Num país tão pequeno como o nosso e com tanta gente a viver da política, se formos a ver lá teremos algum familiar que já lá esteve ou estará, por isso não é preciso ser tão contundente.

  4. Aqui está a prova que este governo funciona e que o Bloco de Esquerda não esquece os seus verdadeiros ideais, levando à discussão o que realmente interessa, não perdendo tempo com pormenores como por exemplo o aumento do imposto nos combustíveis, o aumento do IMI com base na exposição solar, ou o congelamento das rendas (os senhorios, esses bandidos, que pratiquem apoio social, até porque se muitos desses senhorios são velhos, pobres e doentes, então sabem muito bem o apoio que os inquilinos precisam).
    Só é pena que não se retome também a questão fundamental do nome cartão de cidadão que deveria ser trocado para cartão de cidadania.

  5. Lamento muito de dizer, mas a Catarina Martins, deve de andar noutro mundo… Acho muitíssimo mal informada, para uma política e deputada…. muito mesmo, o que é lamentável. Aconselho-a a informar-se, e não de pensar que o mundo só se vê do prisma comunista de Cuba, Coreia do Norte ou outros “paraísos” de ideologia estalinista ou ainda pior!!! Por esta e outras é que este mundo está completamente de avesso! Também no conceito de relações entre os dois países, uma visita de cortesia não faz mal a ninguém…. O Temer está lá pela constituição do país e a ex-“presidanta”, com as falcatruas ilegais dos senadores, comandadas pelo L. , não apanhou os 8 anos de interdição política, por enquanto e enquanto o L, não for “impichado”também!!! Sou um cidadão comum, sem cor partidária e não estou aqui para defender o António Costa, mas sim o que me parece correcto!.

RESPONDER

Inteligência Artificial está a "alimentar" a violação dos direitos humanos, alerta ONU

Num novo relatório, a Organização das Nações Unidas (ONU) alertou os países que o uso imprudente de Inteligência Artificial (IA) pode estar a pôr em causa o respeito pelos direitos humanos. Michelle Bachelet, Alta Comissária das …

Foi viajar e não voltou. O misterioso desaparecimento de Gabby Petito (e do namorado)

Gabrielle Petito, uma jovem norte-americana de 22 anos, desapareceu misteriosamente. Gabby foi viajar com o namorado, que voltou para casa sozinho e não quis contar o que aconteceu — e agora também está desaparecido. Gabby Petito, …

Aos 101 anos, Ginny é a "Senhora Lagosta" e não planeia reformar-se

Virginia Oliver continua a trabalhar na pesca da lagosta, apesar de já ter 101 anos de idade. 'Ginny' não planeia reformar-se e já se tornou um meme na internet. Virginia 'Ginny' Oliver tem 101 anos e …

Dinamarca. Reclusos condenados a prisão perpétua proibidos de iniciar novos romances

Os reclusos que cumprem prisão perpétua na Dinamarca serão proibidos de iniciar novos relacionamentos amorosos, decisão proposta pelo governo após uma jovem de 17 anos se apaixonar por Peter Madsen, que assassinou a jornalista Kim …

Casal queria que o seu filho se chamasse Vladimir Putin. A Suécia não deixou

Na Suécia, os pais são obrigados a comunicar os nomes dos seus filhos recém-nascidos ao Skatteverket nos primeiros três meses a partir do nascimento. Um casal sueco, que vive na cidade de Laholm, foi proibido pela …

44 jogos seguidos sem ganhar. Mas o presidente não está preocupado

O Atlético Mogi não vence qualquer jogo oficial há mais de quatro anos. Perdeu em 42 desses 44 duelos. 17 de Junho de 2017 foi o último dia em que o Atlético Mogi venceu um jogo …

Autárquicas: António Costa promete que os municípios terão mais mil milhões de euros

O secretário-geral do PS, António Costa, indicou hoje, em Celorico de Basto, no distrito de Braga, que os municípios “vão passar a ter, a partir de abril, mais mil milhões de euros que acompanham a …

Mais de trinta anos após ter sido lançada ao mar no Japão, mensagem em garrafa é encontrada no Hawaii

Durante uma viagem ao Hawaii, uma jovem de apenas 9 anos encontrou uma garrafa que foi lançada ao mar há mais de trinta anos. Esta continha uma mensagem que, posteriormente, acabou por revelar uma experiência …

Mais 939 infeções, sete mortes e nova redução nos internamentos

Portugal registou nas últimas 24 horas mais 939 casos de infeção pelo coronavírus SARS-CoV-2, sete mortes atribuídas à covid-19 e nova redução nos internamentos em enfermaria e cuidados intensivos. De acordo com o boletim epidemiológico da …

Milionário norte-americano Robert Durst condenado por matar melhor amiga

O milionário norte-americano Robert Durst, tornado famoso por um documentário do canal HBO, foi condenado na sexta-feira num tribunal de Los Angeles, nos Estados Unidos, por matar a melhor amiga, um crime que remonta a …