Há dois corpos celestes a caminho da Terra

NASA/JPL-Caltech

Conceito artístico do 2016 WF9 passando por Júpiter em direção ao Sol

Os astrónomos da missão espacial Neowise descobriram que dois corpos celestes estão a aproximar-se rapidamente da Terra, informou a NASA.

O primeiro objeto descoberto, o cometa C/2016 U1 (Neowise), detetado pela primeira vez em outubro, vai chegar ao ponto mais próximo do Sol no dia 14 de janeiro.

Segundo um membro da NASA, Paul Chodas, “há uma boa hipótese de o cometa se tornar visível através de um bom par de binóculos, mas não há certezas porque o brilho do objeto é imprevisível”.

Quanto ao segundo objeto, o 2016 WF9, os cientistas ainda não verificaram a sua origem e estão a tentar desvendar se é um cometa ou um asteroide. Tem um quilometro de diâmetro e foi observado em novembro deste ano.

Os especialistas afirmam que o objeto se assemelha a um cometa devido à sua órbita, mas parece não possuir a nuvem característica de pó e gás que define um cometa.

Mas o que se sabe é que esse objeto vai alcançar a órbita da Terra no dia 25 de fevereiro e irá aproximar-se do nosso planeta a uma distância de 51 milhões de quilómetros (100 vezes mais que a distância entre a Terra e a Lua).

Os dois objetos foram descobertos com o Wide-field Infrared Survey Explorer (WISE), um telescópio espacial da NASA recetor de ondas infravermelhas.

Nenhum dos corpos celestes representa qualquer perigo para a Terra, garantem os cientistas do programa Neowise.

O telescópio esteve em funcionamento de 14 de dezembro de 2009 até 17 de fevereiro de 2011, altura em que a sua transmissão foi desligada.

Em agosto de 2013, a NASA decidiu reativar o WISE para uma nova missão de três anos, com a finalidade de procurar asteroides que podem, eventualmente, colidir com a Terra.

ZAP // NASA / Sputnik News

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. Pois, então não é bem a caminho da Terra, como o título indica, é mais a aproximarem-se da Terra.
    Porque é que é tão difícil transmitir as coisas como elas são, optando-se tantas vezes por induzir o erro? Os meios de comunicação social não deveriam fazer exactamente o oposto, isto é, contribuir para o máximo esclarecimento possível?

  2. Correcto, os meus de comunicação são os responsóveis pela má informação jornalística através de comunicação que induz em erro, podendo criar pavor ou medo nos seus leitores. Os responsáveis das redacções não deviam deixar passar esta produção abusiva de acontecimentos tornando a informação um sinónimo de espectáculo.

  3. Acho que não deveria divulgar esse tipo de reportagem sem ter absoluta certeza do que dizem pois as pessoas ficam com medo eu mesmo tenho síndrome do pânico e estou desesperada e uma coisa fora do normal deviam esclarecer os fatos

  4. No Espaço não á Só Estrelas e Planetas. Existe Corpos Celeste Perigosos que Merecem a Nossa Atenção.
    Desde Asteróides, Cometas, Meteoritos sabendo Pouco Deles.
    Temos andado a Estuda-los, mas o Próximo Passo será Proteger a Terra e a Lua.
    De eventuais Colisões o que seria uma Grande Catástrofe.
    Através de Estudos e o uso da Tecnologia seremos Capazes de Protegermos?

RESPONDER

Cientistas descobrem nova espécie de crustáceo no lugar mais quente da Terra

Uma equipa de cientistas descobriu uma nova espécie de crustáceo de água doce durante uma expedição ao deserto de Lute, no Irão, também conhecido como o lugar mais quente do planeta. Hossein Rajaei, do Museu Estadual …

Furacão Sally fragmentou parte de uma ilha da Florida em três

A passagem do furacão Sally fragmentou parte de uma ilha na costa da Florida, no Estados Unidos, criando assim três pequenas porções de terra. Na prática, tal como explica o portal USA Today, o furação abriu …

Benfica 2-0 Moreirense | “Águia” vence e convence cónegos

Após ter perdido e empatado nas duas últimas recepções ao Moreirense, o Benfica voltou a vencer o emblema de Moreira de Cónegos na Luz. Este sábado, em duelo relativo à segunda jornada do campeonato, as “águias” …

"Surpreendente e fascinante". Descoberta pela primeira vez uma aurora sobre um cometa

A nave Rosetta da Agência Espacial Europeia (ESA) detetou uma aurora boreal sobre o cometa 67P / Churyumov-Gerasimenko (67P / C-G). Em comunicado, os cientistas envolvidos na deteção frisam que esta é a primeira vez quem …

Austrália não quer que turistas caminhem na famosa rocha sagrada Uluru (nem no Google Maps)

A Austrália pediu ao Google que remova do seu serviço Maps fotografias tiradas do topo de Uluru, o monólito aborígine sagrado que os visitantes estão proibidos de escalar desde o ano passado. De acordo com a …

NASA vai procurar aquíferos nos desertos com tecnologia já usada em Marte

Uma parceria entre a NASA e a Fundação Qatar tem como objetivo procurar as cada vez mais escassas águas que estão enterradas nos desertos do Saara e da Península Arábica. Este processo deverá ser desenvolvido …

Os aeroportos mudam o nome das pistas (e a culpa é dos pólos magnéticos da Terra)

O pólo norte magnético pode mover-se até 64 quilómetros por ano. Isto pode ser um problema para os pilotos de aviões. A pista 17L/35R, no Aeroporto Internacional de Austin-Bergstrom, no estado norte-americano do Texas, não terá …

Rússia quer ultrapassar Tom Cruise e ser a primeira a gravar um filme no Espaço

O ator Tom Cruise quer rodar um filme no Espaço, mas a Rússia quer ser a primeira, de acordo com um comunicado da agência espacial Roscosmos. Os Estados Unidos e a Rússia são, novamente, os protagonistas …

Os animais perdem o medo dos predadores depois de contactarem com o Homem

Uma nova investigação concluiu que os animais selvagens perdem rapidamente o medo dos seus predadores depois de entrarem em contacto com o Homem. A maioria dos animais selvagens, como é o caso dos leões, exibe …

Há mais 884 casos confirmados e oito óbitos por covid-19 em Portugal

De acordo com o último boletim divulgado epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS), Portugal regista, este sábado, mais oito óbitos e 884 novos casos de infeção pelo novo coronavírus. Assim, Portugal contabiliza, desde o início da …