Governo deixa Novo Banco de fora do OE (mas solução não satisfaz Bloco)

O Bloco de Esquerda recusa que o Estado continue a financiar o Novo Banco. O Governo decidiu, então, deixar o banco de fora do Orçamento do Estado para 2021, mas a solução não satisfaz o partido e pode comprometer as negociações.

“O Governo já tornou claro, e público, que o Orçamento não conterá um cêntimo de empréstimo ao Fundo de Resolução. Nessa medida, é efetivamente uma questão que não se colocará no Orçamento“, explicou um governante ao Observador.

A hipótese de ter a banca comercial a financiar o Fundo de Resolução foi colocada em cima da mesa, mas o Bloco de Esquerda queria que a banca injetasse diretamente capital no Novo Banco, em vez de o fazer através do Fundo de Resolução.

O diário explica que caberá ao Fundo e o Banco de Portugal encontrarem uma alternativa de financiamento, mas o Bloco de Esquerda não está contente com esta solução. O Governo argumenta que há a impossibilidade técnica de retirar uma entidade pública, como o Fundo de Resolução, do OE.

Fonte do Executivo confirmou ao Observador que a única referência ao Fundo de Resolução aparecerá nas tabelas anexas ao Orçamento onde tem de constar a previsão de receitas e despesas de cada uma das entidades que faz parte do perímetro do Estado.

Desde o Orçamento de 2018 até ao de 2020, todos contemplaram uma verba para o Novo Banco, até porque esse valor teria de ser em parte financiado com um empréstimo do Estado ao Fundo de Resolução.

No OE2020, o Governo inscrevia a recapitalização do Novo Banco no quadro das medidas temporárias de despesa que teriam impacto no saldo das contas públicas com uma estimativa de 600 milhões de euros – o que acabou por ser quase o dobro, mais de mil milhões de euros.

Agora, a proposta inclui também o empréstimo que o Estado espera fazer ao Fundo de Resolução para responder a este compromisso até ao máximo de 850 milhões, uma operação que está contabilizada na despesa em ativos financeiros.

Segundo o matutino, esta será a única rubrica que pode desaparecer do Orçamento do Estado, no caso de se confirmar a alternativa de que serão os bancos a emprestar ao Fundo de Resolução, em vez do Estado.

Ainda assim, a intervenção financeira do Fundo de Resolução terá de continuar a constar nos quadros da proposta. Para sair do Orçamento, como exigiu o partido de Catarina Martins, a solução para o Novo Banco teria de passar por retirar o Fundo de Resolução da equação e transferir para entidades privadas a responsabilidade.

Contudo, este cenário exige uma grande reformulação do quadro jurídico em vigor e aprovações europeias. Além disso, salvaguarda o Observador, poderia ainda ir ao Orçamento do Estado, no caso de estar envolvida uma garantia pública que também teria de ser aprovada.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. E tem toda a razão, o poço sem fundo chamado novo banco já comeu e desgraçou o país que chegue!
    Agora ou avança sozinho ou desaparece!

  2. Costa tens de fazer o que diz a tua patroa, mas em tudo, senão não te aprova o Orçamento e não cria a GERINGONÇA…
    Quem manda neste país é o BE e o PCP, Costa é simplesmente o bobo da corte…
    E assim vai Portugal.

RESPONDER

A Via Láctea pode estar cheia de "Terras" (com oceanos e continentes)

Uma equipa de investigadores da Universidade da Dinamarca acredita que a Via Láctea pode estar cheia de planetas semelhantes à Terra, com oceanos e continentes. Há muito tempo que os astrónomos vasculham o vasto Universo na …

Podem as leis da Física refutar a existência de Deus?

Se existe um Deus que criou todo o universo e todas as leis da Física, Deus segue as suas próprias leis? Ou pode Deus substituir as suas leis, como viajar mais rápido do que a …

Covid-19. Perda de olfato e paladar pode durar até cinco meses

A perda dos sentidos do olfato e do paladar pode durar até cinco meses depois da infeção por covid-19, segundo um estudo preliminar dado a conhecer esta terça-feira, sendo os resultados definitivos apresentados em abril, …

Na Florida, duas mulheres disfarçaram-se de idosas para serem vacinadas contra a covid-19

Na Florida, duas mulheres disfarçaram-se de idosas para conseguirem receber a segunda dose da vacina contra a covid-19, mas foram "apanhadas". De acordo com a CBS News, duas mulheres foram "apanhadas" a tentar obter as segundas …

O Rei Leão. Teoria que nasceu no TikTok sugere que Mufasa foi vítima de canibalismo

Christian Jones, um fã do filme de animação O Rei Leão, partilhou no TikTok uma teoria intrigante sobre a história da Disney. No filme O Rei Leão, o leão patriarca Mufasa é assassinado e substituído pelo seu …

Gérard Depardieu indiciado por violação e agressão sexual

Gérard Depardieu foi acusado de "violação" e "agressão sexual" de uma jovem atriz e bailarina em Paris, atos que terão ocorrido nos dias 7 e 13 de agosto de 2018. O ator francês Gérard Depardieu foi …

Uma experiência artística imersiva. Abriu em Las Vegas um supermercado psicadélico

A mercearia mais excecional dos Estados Unidos já abriu. O Omega Mart baseia-se numa experiência artística imersiva, criada pela empresa de artes e entretenimento Meow Wolf, e está agora oficialmente aberto no complexo de artes …

A imensa erupção do Etna surpreendeu até quem estuda vulcões

Há mais de uma semana que o vulcão Etna tem vindo a expelir lava, cinzas e rochas vulcânicas. Aquele que é considerado o vulcão mais ativo da Europa foi o protagonista dos últimos dias na …

Fotógrafo descobre raro pinguim amarelo na Geórgia do Sul

O pinguim amarelo foi fotografado na Geórgia do Sul, em dezembro de 2019, e as fotografias do animal estão agora a correr o mundo. Especialistas estão divididos sobre a causa desta condição rara. Este raro pinguim …

Portugal em destaque na Reuters. "Enfermeiros querem salários, não aplausos"

"Exaustos na luta contra a covid-19, enfermeiros portugueses querem salário, não aplausos." Este é o título da peça da Reuters, publicada esta quarta-feira. Correspondentes da agência Reuters traçaram o cenário vivido atualmente pelos enfermeiros portugueses, que …