Governo já está a negociar a reversão da privatização da TAP

O Governo já está a negociar a reversão da privatização de 61% do capital da TAP com o consórcio Atlantic Gateway, de forma a que o Estado seja acionista maioritário.

De acordo com o Correio da Manhã, o objetivo é tentar recolocar nas mãos do Estado a maioria do capital, deixando 49% das ações para o consórcio de David Neeleman e Humberto Pedrosa.

As negociações foram encetadas há uma semana, e ainda não há um prazo para serem concluídas – de acordo com o CM, não deve haver resultados até ao final do ano.

Esta quarta-feira, o ministro do Planeamento e das Infraestruturas, Pedro Marques, disse aos jornalistas que espera que o processo se concretize com “a rapidez possível para a TAP ter estabilidade e continuar a crescer”.

Já começámos o processo negocial que necessariamente envolve os acionistas, mas que está em desenvolvimento e não quero falar dos detalhes do mesmo nesta fase”, afirmou Pedro Marques, à margem de um evento em Lisboa, o primeiro ato público do governante.

Questionado sobre a reversão da privatização da TAP, Pedro Marques adiantou que o processo de negociação com os acionistas da Atlantic Gateway, David Neeleman e Humberto Pedrosa, já arrancou. “Mantemo-nos firmes e determinados em recuperar a maioria do capital para o Estado”, declarou o ministro do Planeamento e Infraestruturas, que na nova orgânica do Governo tem a tutela da TAP.

Ainda que Bloco de Esquerda e PCP entendam que a companhia aérea deva ser totalmente pública, Pedro Marques estipulou a meta de que o Estado recupere, pelo menos, 13% do capital cuja venda foi acordada com o consórcio Gateway, mantendo-se como acionista maioritário.

O governante recusou-se a dar mais informações sobre “o processo negocial” para “não condicionar”, escusando-se a comentar as declarações do presidente executivo da TAP, Fernando Pinto, que disse que a eventual reversão da privatização será um processo difícil e lembra que já gastou metade do dinheiro que entrou com a venda.

“Não sei como se reverte a privatização. Entraram 180 milhões de euros e eu já gastei metade“, disse Fernando Pinto na semana passada, em Albufeira.

Condições

O acordo de conclusão da venda direta de 61% do capital da TAP foi assinado no dia 12 entre a Parpública, empresa gestora das participações públicas, e o consórcio Atlantic Gateway, na presença da então secretária de Estado do Tesouro, Isabel Castelo Branco, do então secretário de Estado das Infraestruturas, Transportes e Comunicações, Miguel Pinto Luz.

A Autoridade Nacional de Aviação Civil (ANAC), que tem 90 dias para avaliar a privatização, impôs logo em outubro algumas condições ao negócio.

Na altura, refere o CM, a ANAC defendeu que era preciso clarificar os poderes de Humberto Pedrosa para acautelar o controlo da empresa nas mãos de um elemento oriundo da União Europeia. David Neeleman tem dupla nacionalidade: brasileira e norte-americana.

ZAP

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Será mesmo que esses dois senhores irão aceitar tal reversão e a que preço? Temos o direito de o saber, terão estômago para entrar em tal palhaçada, no meu lugar não ficaria com 1% sequer da empresa, ou o acordado e assinado anteriormente ou então o governo que assumisse os 100% da empresa, iremos ver se não será mais uma condenada à falência porque falida já ela está há muito tempo, o mais duro vai ser nós termos que pagar a factura.

Rússia quer legalizar comércio de 'diamantes de sangue' africanos

Os diamantes exportados da República Centro-Africana estão associados à corrupção, à violência, à guerra civil, a violações e assassinatos. Agora, Moscovo anunciou que quer o fim do embargo internacional, buscando legalizar na totalidade a sua …

Economia abrandou, mas ainda é possível cumprir meta de crescimento

O Produto Interno Bruto cresceu 0,3% no terceiro trimestre, face aos três meses anteriores, metade do registado no segundo trimestre, mantendo o ritmo de crescimento, de 1,9%, na comparação com o mesmo período de 2018. Segundo …

Sporting vai avançar com ação de despejo das claques

A SAD leonina vai avançar com uma ação de despejo para que as claques Juventude Leonina e Directivo Ultras XXI deixem os espaços que ocupam no Estádio José Alvalade, avança A Bola esta quarta-feira. De …

"Ninguém quer trabalhar" na Casa Pia. Pais em protesto devido à falta de pessoal

Os pais e encarregados de educação do Centro Educativo e Desenvolvimento D. Maria Pia, em Lisboa, vão entregar na segunda-feira um abaixo-assinado à tutela para pedir a abertura de concursos externos para reforço de pessoal …

Trump elogiou Erdogan, depois de uma reunião que descreveu como "maravilhosa e produtiva"

O Presidente norte-americano, Donald Trump, elogiou na quarta-feira o seu relacionamento com o homólogo turco, Recep Tayyip Erdogan. Os dois líderes encontraram-se para tentar superar várias diferenças, incluindo a situação na Síria e a compra …

MH17. Novas provas revelam contactos frequentes entre a Rússia e separatistas ucranianos

A equipa internacional que conduziu a investigação sobre a queda do voo MH17 em 2014 no leste da Ucrânia divulgou novas provas que apontam para contactos muito frequentes entre a Rússia e os rebeldes separatistas …

Imunidade diplomática deixa em liberdade suspeito de tentar matar com ácido sulfúrico

O suspeito de homicídio, na forma tentada, ficou em liberdade depois de ter apresentado o passaporte diplomático às autoridades, que impede que seja detido ou constituído arguido. De acordo com a TVI24, um alto responsável da …

Zivkovic quer rescindir contrato com o Benfica

O extremo sérvio quer chegar a acordo com o Benfica para ficar livre a ano e meio do final do seu contrato mas, pelos vistos, a SAD encarnada nem quer ouvir falar dessa hipótese. De acordo …

Cigarros eletrónicos. Primeiro duplo transplante de pulmões feito em jovem de 17 anos em situação de "morte iminente"

Em risco de "morte iminente" por lesões causadas pelo uso de cigarros eletrónicos, um jovem de 17 anos foi submetido a um duplo transplante de pulmões, no estado norte-americano do Michigan. Este caso é considerado …

Parlamento Europeu levanta imunidade do eurodeputado José Manuel Fernandes

O Parlamento Europeu decidiu levantar a imunidade ao eurodeputado do PSD José Manuel Fernandes, após um pedido feito pela justiça e pelo próprio, relativo a uma eventual ação judicial por um alegado crime de prevaricação. Em …