Governo pede intervenção do MP para responsabilizar promotores de festa ilegal em Lagos

Manuel de Almeida / Lusa

A Ministra da Justiça, Francisca Van Dunem

A ministra da Justiça pediu, esta sexta-feira, à Procuradoria-Geral da República a intervenção do Ministério Publico para a “instauração de ações indemnizatórias contra os promotores” da festa ilegal em Odiáxere, no concelho de Lagos.

“A ministra da Justiça solicitou, hoje, à Procuradoria-Geral da República a intervenção do Ministério Publico para, em representação do Estado, instaurar ações indemnizatórias contra os promotores do evento de Odiáxere, em Lagos, do qual resultou a infeção de mais de sete dezenas de pessoas, incluindo crianças”, lê-se numa nota enviada pelo Ministério Público.

A agência Lusa questionou a Procuradoria-Geral da República no sentido de saber se o Ministério Público vai abrir um inquérito para averiguar responsabilidades na organização da festa e se o promotor do evento já foi identificado pelas autoridades, mas não obteve resposta até ao momento.

As autoridades de saúde do Algarve já tinham manifestado, em conferência de imprensa realizada na terça-feira, a sua vontade em que fossem atribuídas responsabilidades aos organizadores do evento.

O número de infetados relacionados com a festa ilegal subiu para 90, casos que são maioritariamente de residentes no concelho, disse, hoje, a delegada regional de saúde do Algarve, em conferência de imprensa.

Segundo Ana Cristina Guerreiro, até ao momento “foram realizados 1222 testes” em Lagos, numa média de 250 por dia, número que espera que diminua hoje, “com alguns a realizar-se ainda durante o fim-de-semana”.

O grupo etário mais atingido é entre os 20 e os 29 anos, sendo que também já estão confirmadas infeções em crianças entre os zero e os nove anos.

A maioria dos casos positivos referem-se a pessoas residentes em Lagos, sendo que “nem todos estiveram na festa”, havendo já casos de infeção em familiares, sublinhou.

O foco de contágio teve origem numa festa de caráter ilegal, ocorrida em 7 de junho, no salão de festas do clube desportivo de Odiáxere, alegadamente para festejar um aniversário.

A festa decorreu entre as 18h00 e as 20h00, até que foi interrompida pela GNR, chamada ao local devido a várias queixas. Terão estado presentes neste evento cerca de cem pessoas.

Na festa participaram pessoas de diferentes concelhos e de várias nacionalidades, havendo infetados entre pessoas da mesma família e, também, entre colegas de trabalho.

O surto originado por aquela festa já provocou a suspensão de visitas aos utentes em 24 equipamentos sociais do barlavento (oeste) algarvio, num total de 13 estruturas – entre lares de idosos, unidades de cuidados continuados, lares de jovens e de saúde mental -, situadas em oito concelhos.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

    • Nunca se vê?! O Raul anda distraído! Ainda a semana passada nomeou um tipo qualquer que tinha ajudado a branquear o 44 e, que inclusivamente, até foi punido por isso!!!
      Já para não falar do marido que mama forte na CM de GAIA a avaliar pelas notícias.

RESPONDER

O Hawaii quer remover a sua "escadaria para o paraíso" - e a culpa é dos turistas

Em causa estão preocupações com a segurança e vandalismo, que têm aumentado com a explosão de popularidade da escadaria Ha‘ikū nas redes sociais. É caso para dizer que a Stairway to Heaven vai para o inferno …

Inventou o ZX Spectrum e mudou o mundo. Morreu Clive Sinclair

O empresário britânico e inventor do computador doméstico ZX Spectrum, Clive Sinclair, morreu hoje aos 81 anos na sua casa, em Londres (Reino Unido), devido a doença prolongada, informou a filha ao jornal “The Guardian”. Morreu …

Esta torre construída na Suécia não é gigante em altura, mas em sustentabilidade

Para além de ser feito de um material sustentável — fornecido por florestas locais com gestão consciente e transformado por uma serração nas proximidades, o Centro Cultural dispõe de múltiplas tecnologias que fazem dele mais …

Empresa canadiana debaixo de fogo por publicar anúncios de emprego destinados a não vacinados

Uma empresa de canoagem, sediada no Canadá, está debaixo de fogo depois de ter colocado anúncios de emprego destinados, exclusivamente, a pessoas não vacinadas contra a covid-19. "Por favor, NÃO se candidate se tiver tomado quaisquer …

Disparam ataques a jornalistas. Bruxelas insta países da UE a aumentar proteção

Os países da União Europeia (UE) foram instados por Bruxelas a tomar medidas para proteger os jornalistas, após um aumento no número de ataques a membros da imprensa. A Comissão Europeia exortou os governos a criarem …

Facebook e Google criticados por anúncios de "reversão do aborto"

O Facebook já veiculou anúncios de "reversão do aborto" 18,4 milhões de vezes desde janeiro de 2020, de acordo com um relatório do Center for Countering Digital Hate (CCDH), promovendo um procedimento "não comprovado, antiético" …

Líder militar dos EUA temeu que Trump iniciasse guerra nuclear com a China - e chegou a ligar aos chineses

As revelações aparecem em Peril, o novo livro de Bob Woodward e Robert Costa sobre os bastidores da Casa Branca. Trump já respondeu. O General Mark Milley, o chefe do Estado-Maior das Forças Armadas dos EUA, …

França suspende 3.000 profissionais de saúde que recusaram vacina contra covid-19

A França suspendeu 3.000 profissionais de saúde sem remuneração por se recusarem a tomar a vacina contra a covid-19, revelou o ministro responsável pela pasta, Olivier Véran. Segundo Véran, citado esta quinta-feira pelo Guardian, "várias dezenas" …

Austrália, Reino Unido e EUA assinam pacto de defesa para conter China

A Austrália, os Estados Unidos (EUA) e o Reino Unido anunciaram o "Pacto de Aukus", que visa frente às pretensões territoriais da China no Indo-Pacífico e envolverá a construção de uma frota de submarinos com …

Governo tem margem de 1600 milhões de euros nas negociações do Orçamento

Os dados são de um relatório do Conselho das Finanças Públicas, que deixa alertas para que o executivo não se estique muito no aumento da despesa e no corte à receita. Segundo escreve o Público, o …