Governo ignorou recomendação parlamentar na auditoria feita ao Novo Banco

Manuel De Almeida / Lusa

O primeiro-ministro António Costa e o ministro das Finanças Mário Centeno.

Mário Centeno e António Costa ignoraram a recomendação aprovada em Parlamento na sua auditoria ao Novo Banco. Os socialistas defendem que seria inconstitucional avaliar o desempenho do Banco de Portugal.

Uma proposta do PSD aprovada em Parlamento — apenas com a oposição do PS — recomendava ao Governo uma auditoria independente ao Novo Banco, de forma a analisar os créditos ruinosos concedidos e a venda à Lone Star, entre outros aspetos. Contudo, o Governo ignorou a recomendação na designação formal prevista pela lei da transparência na banca.

O diploma, que entrou em vigor este ano, obriga a um escrutínio externo quando há injeções estatais de capital. Este foi o caso do Novo Banco, que recebeu 1.149 milhões de euros do Fundo de Resolução — sendo que 850 milhões foram emprestados pelo Estado.

De acordo com o Expresso, a proposta do PSD previa que a auditoria se focasse também nas operações de crédito, investimentos, aquisição e venda de ativos, termos e condições de venda à Lone Star, gestão de imparidades, relações do Novo Banco e Lone Star, e atuação da comissão de acompanhamento.

Enquanto alguns destes aspetos estão previstos na lei, outros não. No entanto, como alguns destes pontos fazem uma espécie de análise ao trabalho do Banco de Portugal (BdP) como supervisor, o PS decidiu rejeitar a recomendação, já que o BdP não pode ser avaliado a pedido do Executivo. João Paulo Correia, deputado socialista, disse que a sua aprovação colocaria o Governo “numa situação muito desconfortável”.

Não ficaria bem ao Governo e tenho dúvidas que, do ponto de vista constitucional, pudesse auditar o Banco de Portugal”, disse ainda António Costa. O primeiro-ministro explicou que, neste caso, o melhor seria uma comissão parlamentar de inquérito.

A auditoria inicialmente prevista pelo Governo apenas pretendia analisar a origem dos créditos do Novo Banco, mas a lei da transparência bancária obriga a olhar até à última injeção estatal, em 2018. Mesmo após a alteração, Costa e Centeno não seguiram a recomendação do Parlamento, ignorando os quatro focos relativos à venda do banco à Lone Star.

ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Este governo já sabia que havia de alguém pagar a má gestão do Novo Banco, quem será?? Claro que é sempre o Zé pagante, auditorias para quê? Para dizer o obvio, BP inoperante e governo deixa andar.
    Este país cada vez está melhor, segundo o PM “maioria absoluta” Costa, mar de rosas para o Ricardo Salgado, uma pergunta: em que século o homem vai ser preso ou estão á espera que ele morra? Ou será mais um caso Sócrates. Ridículos quem nos desgoverna.

    • Sabia o governo e toda a gente, menos claro, o governo anterior, o Cavaco e o Marques Mendes!…
      :O banco é sólido e não terá custos para o contribuinte”, diziam eles…
      Agora é o que se vê:
      youtube.com/watch?v=QeQnAsZaiFE

RESPONDER

Nos Países Baixos, há drive-ins para as crianças poderem visitar o Pai Natal em tempo de pandemia

Muito se tem falado de como será o Natal neste ano atípico. Contudo, há países que já começam a arranjar alternativas para a época festiva. Nos Países Baixos, os drive-ins estão a ser usados para …

Vereador da Educação de Lisboa ameaça autarca com “um par de murros”

O vereador da Educação da Câmara de Lisboa afirmou, num comentário no Facebook, em resposta a uma publicação de um vogal da Junta de Freguesia do Areeiro, estar disponível para lhe dar "um par de …

Papa Francisco critica negacionistas da covid-19 e fala da morte de George Floyd

O papa Francisco, num livro esta segunda-feira publicado, criticou os opositores ao uso de máscaras ou outras restrições impostas para conter a pandemia de covid-19, sublinhando que nunca se manifestariam contra a morte do afro-americano …

Fenprof reconhece abertura da tutela do Ensino Superior para negociar apesar de divergências

A Federação Nacional dos Professores (Fenprof) reconheceu esta segunda-feira a abertura do Governo para negociar algumas questões do Ensino Superior, depois de uma reunião em que a tutela e a organização sindical nem sempre estiveram …

Bombeiros vão receber verba adicional de três milhões de euros

As associações humanitárias de bombeiros vão receber uma verba adicional de três milhões de euros em 2021 para fazer face aos constrangimentos financeiros devido à pandemia de covid-19, segundo uma proposta do PS hoje aprovado. Este …

Media Capital desafia ERC e elege Mário Ferreira como presidente

Os acionistas da Media Capital elegeram, esta terça-feira, o empresário Mário Ferreira presidente da dona da TVI. A assembleia-geral esteve inicialmente convocada para 28 de outubro, tendo sido suspensa, retomando hoje os trabalhos e com uma …

Estado de emergência. Maioria dos portugueses concorda com novas medidas de restrição

Uma sondagem da Intercampus para o Correio da Manhã revela que a maioria dos portugueses concorda com o regresso ao estado de emergência e com as restrições impostas pelo Governo. De acordo com o Correio da …

Taarabt é o terceiro jogador do Benfica infetado com covid-19

O internacional marroquino também testou positivo à covid-19, dois dias antes de o Benfica, que já tinha previstas oito baixas no plantel, defrontar o Rangers para a Liga Europa.  Depois de Darwin Nuñez e Julian Weigl …

Oposição israelita pedirá dissolução do parlamento e novas eleições

O líder da oposição israelita, Yair Lapid, anunciou na segunda-feira que apresentará na próxima semana uma iniciativa para dissolver o Knesset (parlamento) e convocar eleições, num contexto de tensão na coligação governamental, noticiou a agência …

PSD de Castelo Branco pede demissão da deputada do PS Hortense Martins

O PSD de Castelo Branco pediu esta segunda-feira a demissão da deputada socialista Hortense Martins, alegando que não tem condições para representar o distrito, depois de condenada a pagar o arquivamento de um processo onde …