“O Governo Costa 2 é mais fraco do que o Governo Costa 1”. Marques Mendes alerta para possível crise política

Este domingo, no seu habitual espaço de comentário da SIC, Luís Marques Mendes falou a força do novo Executivo de António Costa, da mensagem de Ano Novo do Presidente da República e as eleições diretas no PSD.

Em relação ao atual Executivo, Marques Mendes foi perentório: “O Governo que agora está em funções, eu acho que não é nem tão forte nem mais forte do que o Governo anterior. Eu acho que este Governo é mais fraco. O Governo Costa dois é mais fraco do que o Governo Costa um, do meu ponto de vista”.

Segundo o comentador, “é um Governo que tem menos estabilidade”. “Tem mais votos, tem mais deputados, mas é um Governo mais precário e mais instável, porque acabou a Geringonça. E agora são acordos à la carte. E pode mesmo vir a cair, não já, mas daqui a eventualmente dois anos, depois de eleições autárquicas”, considerou.

Em segundo lugar “é também um Governo mais fraco porque não tem causas mobilizadoras. O Governo anterior tinha uma causa que era a devolução de rendimentos. Agora há a causa do excedente orçamental, mas essa não mobiliza ninguém“. A terceira razão prende-se com o facto de ser “um Governo cansado”. “Olhando para os ministros, é um Governo cansado, desgastado, esgotado, fragilizado. António Costa fez um Governo recauchutado”.

Orçamento de Estado para 2020: “claro que passa”

Luís Marques Mendes alertou que esta legislatura será de poucas propostas. “O Governo vai apresentar poucas leis ao Parlamento porque não tem garantias. Vai legislar menos e isso repercute-se em menos ação governativa”, sublinhou o comentador político.

“Nos passados quatro Orçamentos nunca houve a dúvida se passavam ou não passavam. Toda a gente sabia que passavam”, mas, agora, “há dúvidas”. De acordo com Marques Mendes, o primeiro orçamento “claro que passa”, porque “ninguém vai criar uma crise política no primeiro orçamento de uma legislatura”.

“O Orçamento para 2021 também passa“, porque “ninguém vai querer abrir uma crise política em vésperas de uma eleição para Presidente da República” nem “em véspera da presidência portuguesa da União Europeia”.

O problema, segundo Marques Mendes, será em 2022. Para 2022, “quem é que vai aprovar esse Orçamento?”, questiona. “E aí sim pode haver uma crise política“.

Quanto ao PCP e ao BE, “não têm alternativa que não seja absterem-se neste Orçamento” para 2020. Segundo o comentador, os dois partidos não podem votar a favor porque se o fizessem tinham o papel de “amigos úteis do Governo, mas de amigos muito pouco inteligentes deles próprios”. Por outro lado, “também não podem passar já para o voto contra”, porque isso seria uma “rotura brutal com o passado e passar do oito para o oitenta nunca é credível”.

Corrida à liderança do PSD

Sublinhando que é “difícil antever” resultados, o comentador considerou que “entre Rui Rio e Luís Montenegro as coisas estão muito empatadas”. “Admito que Rio tenha uma ligeira vantagem sobre Montenegro na primeira volta mas muito longe de ter 50% e, vai ter de haver, provavelmente, uma segunda volta”, destacou.

Já Miguel Pinto Luz “poderá ter um resultado superior às suas expetativas iniciais”, porque “surpreendeu pela positiva”, especialmente no debate entre candidatos. Contudo, a abertura ao Chega é “difícil de entender”.

Sobre as palavras de Marcelo no novo ano, o comentador diz não acompanhar “os que disseram que esta foi uma mensagem de apoio ao Governo”. “Acho que é uma mensagem equidistante quer do Governo quer da oposição”, acrescentou.

Esta, de acordo com o ex-líder do PSD, teve três “preocupações centrais”: com o crescimento dos populismos, um “puxão de orelhas” ao Governo – quando diz que não teve maioria absoluta e, portanto, tem de dialogar à Esquerda – e um recado para a oposição, sobretudo para o PSD.

Irão pode desencadear um “conflito nuclear”

Marques Mendes falou ainda da política internacional, sobre a qual paira a crescente tensão entre os Estados Unidos e o Irão, despoletada após o assassinato, ordenado por Donald Trump, do general Qassem Soleimani.

O mundo já estava perigoso, agora fica mais ainda com este conflito”, disse. “O Irão sente-se, neste momento, ferido no seu orgulho. O general que foi morto era o número dois do regime. Não é um país qualquer, é o herdeiro da antiga Pérsia”, frisou Marques Mendes, para quem pode desencadear-se uma “escalada permanente de violência” numa “zona muito sensível, que é o barril de pólvora do Médio Oriente”.

Apesar de descartar a ideia de um possível conflito mundial, porque “o Irão não tem capacidade para tanto”, o comentador adverte que “o Irão pode desencadear um conflito nuclear”.

O Irão vai retaliar, a questão é saber quando e como. E já começou hoje, no momento em que anunciou que rasga o acordo nuclear, que em 2015, tinha sido celebrado com os membros do Conselho de Segurança da ONU e com a Alemanha”.

Para Marques Mendes, Donald Trump “agiu com imprudência, leviandade e muita precipitação”.

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. Sr. M.M, ainda bem que cá está !!!!!!!….sem si que seria de nós pobres Portugueses se essa capacidade de vidência ????……… Bemm !!!!!!…..por imensas vezes as suas visões, são um fracasso; e é tão bem pago !

    • O amigo diz-se atento mas confesso que não faz jus ao nick. Este MM é a voz do dono. E muitas vezes quando fala, fá-lo para se antecipar e condicionar a ação de alguém (veja o exemplo do autarca de Lisboa como futuro ministro das finanças). Procure estar mais atento e vai compreender o que aqui lhe digo.
      É que anda aí um que pouco ou nada dorme e como não pode comentar diretamente tem de fazê-lo indiretamente. Ou acha que isto vai lá só com selfies?

RESPONDER

Morreu Sindika Dokolo, marido de Isabel dos Santos

O empresário Sindika Dokolo faleceu, nesta quinta-feira, no Dubai, aos 48 anos de idade, durante a prática de mergulho. A morte do empresário de origem congolesa já foi confirmada à Lusa por uma fonte ligada à …

Lagostins autoclonados invadiram (e conquistaram) um cemitério na Bélgica

Um cemitério na Bélgica foi completamente invadido por lagostins marmoreado. De acordo com o Instituto Flamengo para Pesquisa da Natureza e da Floresta (INBO), a espécie representa uma grande ameaça para a biodiversidade local. Segundo o …

Benfica 3-0 Standard Liège | “Águia” voa de forma imperial

A noite foi de festa no Estádio da Luz para os cerca de 4875 espectadores – 7,5% por cento da lotação – que se deslocaram ao reduto dos “encarnados” esta quinta-feira. O Benfica venceu por 3-0 …

Urnas abertas no Minecraft. Servem para ensinar os jovens a votar nas eleições

A organização não partidária e sem fins lucrativos Rock the Vote e a empresa criativa Sid Lee uniram-se para criar um servidor de "casa de votação" no popular jogo Minecraft antes das eleições presidenciais de …

Zorya Luhansk 0-2 Braga | “Nota artística” em triunfo minhoto

Dois jogos, duas vitórias para o Sporting de Braga no Grupo G da Liga Europa. Uma entrada de rompante em jogo, com dois golos espectaculares nos primeiros 11 minutos, permitiram aos “arsenalistas” controlar e lidar …

Amostra de ADN desvenda homicídio cometido há quatro décadas

Uma amostra de ADN, colhida de um norte-americano da Carolina do Sul após este ser detido por apontar uma arma, permitiu às autoridades desvendar um caso antigo, identificando-o como principal suspeito do homicídio de uma …

Investigadores portugueses criam simuladores para treinar médicos à distância

Investigadores da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto (FMUP) desenvolveram, durante o confinamento, um método para os estudantes treinarem para cenários de emergência sem saírem de casa. Em declarações à Lusa, Carla Sá Couto, do …

Restam apenas dois rinocerontes brancos do norte (mas há uma esperança para salvar a espécie)

Com a morte do último macho em 2018, o rinoceronte branco do norte chegou ao ponto em que não pode ser salvo naturalmente. Com apenas duas fêmeas restantes, a subespécie é agora tida como oficialmente …

Há uma região na América do Norte sem qualquer caso de covid-19. Tem a dimensão do México

Nunavut, uma região localizada no norte do Canadá, continua sem registar nenhum caso de covid-19. A receita para o sucesso tem vários ingredientes, mas as caraterísticas especiais da região e as medidas rígidas tomadas logo …

Site da campanha de Trump foi alvo de ataque. Hackers "fartaram-se das fake news"

O website oficial da campanha presidencial de Donald Trump foi alvo de um ataque informático que o deixou temporariamente desfigurado na noite desta quarta-feira. Os hackers responsáveis substituíram o habitual conteúdo por uma mensagem normalmente utilizada …