Governo tinha autorizado 316 mil euros para reconstruir vedação dos Paióis de Tancos

Paulo Cunha / Lusa

Detalhe da vedação do complexo militar de Tancos

O Ministério da Defesa Nacional autorizou, a 5 de junho, uma despesa de 316 mil euros mais IVA para a reconstrução da vedação dos Paióis Nacionais de Tancos, segundo um despacho publicado esta sexta-feira em Diário da República.

No despacho, que tem a data de 5 de junho, é manifestada a “prévia concordância” do ministro da Defesa Nacional, Azeredo Lopes, à autorização do lançamento daquela empreitada que visa a “reconstrução da vedação periférica exterior no perímetro norte, sul e este dos Paióis Nacionais de Tancos”, Vila Nova da Barquinha.

No documento, o ministério considera que “se torna fundamental” o lançamento do procedimento pré-contratual que permita aquela empreitada tendo em conta a “concentração das funções logísticas numa mesma infraestrutura e a consequente rentabilização de sinergias”.

Em comunicado, o Exército anunciou, na quinta-feira, que foi detetada quarta-feira ao final do dia a violação dos perímetros de segurança dos Paióis Nacionais de Tancos e o arrombamento de dois ‘paiolins’, tendo desaparecido granadas de mão ofensivas e munições de calibre 9 milímetros.

“Os incidentes foram detetados por uma ronda móvel, elemento do sistema de segurança dos Paióis”, refere o comunicado.

No mesmo dia, em Bruxelas, o ministro da Defesa reconheceu que o roubo de granadas de mão ofensivas e munições das instalações militares dos Paióis Nacionais de Tancos “é grave” e garantiu que não ficará “nada por levantar” nas averiguações.

“Evidentemente é um facto grave, não vale a pena estar a desvalorizar esse facto. É sempre grave quando instalações militares são objeto de ação criminosa tendente ao furto justamente de material militar”, para mais quando “não foi roubada uma pistola, não foram roubadas duas, foram roubadas granadas”, disse Azeredo Lopes.

Hoje, PSD e CDS-PP anunciaram que querem ouvir o ministro da Defesa no Parlamento sobre este assunto. O PSD requereu também a audição do chefe do Estado-Maior do Exército, Rovisco Duarte.

O debate destes requerimentos está já agendado para a reunião da próxima terça-feira da comissão parlamentar de Defesa Nacional.

As audições deverão decorrer à porta fechada, tal como o PSD propôs.

Achamos este assunto gravíssimo, não é o primeiro que acontece”, sublinhou o deputado João Rebelo, em declarações aos jornalistas no parlamento, recordando que houve um furto de armas ligeiras à PSP no início do ano.

O CDS-PP pretende questionar o ministro sobre que tipo de vigilância estava a ser efetuada quando ocorreu o roubo e se “a falta de efetivos e de meios está a afetar a segurança nas instalações militares”.

O deputado democrata-cristão salientou que, segundo números recentes, “mais de 20 milhões de armas ligeiras no espaço europeu estão em mãos ilícitas”.

No requerimento hoje divulgado pelos sociais-democratas, que deu entrada na quinta-feira na Comissão de Defesa, o PSD refere que “perante a gravidade desta situação”, quer ouvir na Assembleia da República o ministro Azeredo Lopes e o general Rovisco Duarte “a fim de prestarem os esclarecimentos que considerarem pertinentes sobre estes acontecimentos”.

Esta sexta-feira, o General Loureiro dos Santos adiantou que, para além da vedação estar a precisar de obras, o sistema de videovigilância está avariado há dois anos.

No entanto, apesar da falta de videovigilância, o material estaria a ser vigiado todos os dias, 24 horas por dia, através de rondas feitas a pé e em viaturas, em horários aleatórios, pelo que pode ser possível à Polícia Judiciária Militar – entidade responsável pela investigação – situar, com precisão, o intervalo de tempo em que o assalto foi feito.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Projecto vedacoes para instalacoes militares, e nao so, em alguns paises da Europa.

    Posso dizer que se a foto nesta noticia e da nova vedacao e mais uma coisa para quem entender se rir, mais uma vez, do nosso pais!!!!!

RESPONDER

As tartarugas-gigantes podem aprender coisas (e lembrar-se durante anos)

Um novo estudo sugere que as tartarugas-gigantes podem ser treinadas e lembrar-se daquilo que aprenderam durante vários anos. De acordo com o IFLScience, uma nova pesquisa mostra como as tartarugas-gigantes podem aprender novas tarefas e até …

Avião chileno desaparece com 38 pessoas a bordo a caminho da Antártida

A Força Aérea do Chile anunciou ter perdido "o contacto via rádio" com um avião militar C130 com 38 pessoas a bordo, que descolou de Punta Arenas, sul do país, para uma base na Antártida. "Um …

Tiroteio num hospital da República Checa faz pelo menos seis mortos. Atacante suicidou-se

Pelo menos seis pessoas morreram esta terça-feira num tiroteio no hospital da cidade de Ostrava, no nordeste da República Checa, de acordo com o ministro da Saúde Adam Vojtech. O autor do ataque suicidou-se. O tiroteio …

Genes alienígenas das bactérias ajudaram as plantas a conquistar a terra

Através da análise do genoma de dois tipos de algas, uma equipa de investigadores concluiu que genes alienígenas das bactérias ajudaram as plantas a conquistar a terra. Cientistas analisaram o genoma de uma rara alga encontrada …

Jovem vulcão descoberto nas profundezas da Placa do Pacífico

Uma equipa de cientistas da Universidade de Tohoku, no Japão, descobriu um pequeno e jovem vulcão na secção mais antiga da Placa do Pacífico. O vulcão foi encontrado na parte ocidental do Oceano Pacífico, perto …

Composição dos planetas gasosos não é igual à das suas estrelas (e os cientistas não percebem porquê)

Os planetas e as estrelas formam-se a partir da mesma nuvem de gás e poeira.  Uma análise da composição dos exoplanetas gigantes gasosos e das suas estrelas hospedeiras mostra que não há uma forte correlação …

Nova espécie de titanossauro descoberta no Equador

Uma universidade equatoriana anunciou na sexta-feira a descoberta de uma espécie de dinossauro, que, segundo a instituição, não tinha sido ainda descrito, denominando-o de 'Yamanasaurus lojaensis'. O nome foi escolhido em referência a duas localidades: Yamana, …

As alterações climáticas estão a "asfixiar" os oceanos

Os efeitos da diminuição de oxigénio serão "dramáticos" para os habitats e as economias costeiras que dependem dos oceanos. O oxigénio dos oceanos diminuiu 2% entre 1960 e 2010, prevendo-se que no ano de 2100 essa …

Associação suspende adoções para evitar que animais sejam tratados como presentes de Natal

"Um animal quer-se no dia 24 de março, abril ou junho e não só a 24 de dezembro", disse uma responsável da Sociedade Protetora dos Animais do Porto. A Sociedade Protetora dos Animais do Porto anunciou, …

Já podemos ver o mundo pelos olhos dos animais

https://vimeo.com/378301135 Os humanos estão um passo mais próximos de ver o mundo como o veem os animais, graças a uma nova tecnologia desenvolvida por investigadores da Universidade de Queensland, na Austrália, e da Universidade de Exeter, …