Governo admite mudar mesmo o nome “sexista” do Cartão de Cidadão

ordemtoc / Flickr

O ministro-adjunto, Eduardo Cabrita (à direita), com o Bastonário da Ordem dos Contabilistas Certificados, Domingues de Azevedo (à esquerda)

O ministro-adjunto, Eduardo Cabrita (à direita), com o Bastonário da Ordem dos Contabilistas Certificados, Domingues de Azevedo (à esquerda)

O ministro-adjunto, Eduardo Cabrita, admitiu esta terça-feira que o governo poderá vir a promover eventuais alterações à designação do Cartão de Cidadão.

“Estamos abertos a reflectir sobre a evolução da sociedade neste tema, certos também de que estaremos sempre a olhar para o futuro”, disse o ministro-adjunto, em resposta a uma interpelação do CDS durante uma audição na comissão parlamentar de assuntos constitucionais.

Segundo a Renascença, Eduardo Cabrita recordou que cada cartão tem um “prazo de validade” e adiantou que “qualquer transformação será sempre feita num processo natural de substituição” dos documentos de identificação pessoal em vigor.

É um tema que será tratado “com seriedade e rigor”, acrescentou o ministro.

A questão foi levantada depois de a semana passada o Bloco de Esquerda ter avançado com uma proposta, apresentada no Parlamento, de alterar o nome do Cartão de Cidadão para “Cartão de Cidadania”.

Segundo o projecto de resolução do Bloco, entregue no Parlamento com data de 13 de abril, o nome do documento “não cumpre as orientações de não discriminação, de promoção da igualdade entre homens e mulheres e de utilização de uma linguagem inclusiva”.

Para o Bloco de Esquerda, “não há qualquer razão que legitime o uso de linguagem sexista” num documento de identificação obrigatório para todos os cidadãos e cidadãs nacionais.

A iniciativa do Bloco de Esquerda despoletou diversas reacções e críticas nas redes sociais, com os utilizadores divididos entre os que apoiam a proposta e os que lhe criticam o acerto.

O ex-dirigente centrista José Ribeiro e Castro, uma das personalidades que se opõe à proposta, reagiu com ironia num post no seu Facebook: “Coisas verdadeiramente importantes. Ainda bem que há quem cuide de nós com tanto desvelo“.

Segundo o Negócios, também a deputada Isabel Moreira, da bancada parlamentar do PS, inquiriu o ministro adjunto sobre a questão, e lamentou o “debate de troça” que se gerou após a divulgação da proposta do Bloco de Esquerda.

“O debate de troça a este tema é um debate que ignora que a história das desigualdades de género reside, também, na linguagem”, notou Isabel Moreira.

“A senhora deputada recordar-se-á da referência bíblica que diz: No princípio era o verbo“, respondeu Eduardo Cabrita, admitindo que “a dimensão simbólica da expressão de afirmação de valores não é destituída de relevância, quer formal, quer de relevância substantiva”.

ZAP

PARTILHAR

9 COMENTÁRIOS

  1. Preocupem-se com o que efetivamente importa. Realmente só posso subescrever as palavas do Sr. José Ribeiro e Castro. Se os deputados e as deputadas da coligação do Governo têm este tipo de preocupações, porque deveremos ser nós comuns cidadãos e cidadãs e nos preocupar com a situação económica do país, com os desempregados e desempregadas, com os desfavorecidos e as desfavorecidas, etc(o) e etc(a)

  2. Tenham juízo nessa cabecinha que já chega de merda. Há pessoas neste país a passar fome e estes rapazinhos do BE acham que isto é muito importante. O que será deste país com gente desta laia

  3. Porque é que o alto comissário para os refugiados, que quando era primeiro ministro português falava sempre para as portuguesas e para os portugueses, agora não é o alto comissário europeu para as refugiadas e refugiados?

  4. Com tantos assuntos importantes para tratar enquanto responsáveis pela governação de Portugal, estão preocupados em alterar o nome do que se designa anualmente por CARTÃO DE CIDADÃO.
    Parece anedota mas não é, Catarina opina e Costa faz.

  5. Sabem o que faz que haja esta situação acerca do Bilhete de Identidade, Cartão de Cidadão, que veio substituir o 1º? São os estudos das Novas Oportunidades que não ensinam nada a ninguém. Desde sempre há palavras que servem para nomear ambos os sexos e nunca houve polémicas… dou o exemplo: pais (refere-se ao pai e à mão, animais (refere.se a machos e fêmeas, tios (refere-se a tios e tias), avôs (refere-se a avós e avôs), primos (refere-se a primos e primas), vizinhos (refere-se a vizinhos e vizinhas)… mas que raio de implicância agora com a porcaria do cartão do cidadão? Teremos que mudar agora tudo só pq o BE exige? Vão primeiro para a escola, aprendam e dp façam-se gente!!! Sinceramente não há mais nada com prioridade para tratar? Inventem outra, porraaaa!

RESPONDER

Uma só teoria da conspiração sobre a covid-19 matou 800 pessoas. 60 ficaram totalmente cegas

Pelo menos 800 pessoas morreram e 60 ficaram cegas na sequência de uma teoria da conspiração sobre a covid-19, concluiu um novo estudo. A investigação, cujos resultados foram esta semana publicados na revista científica American Journal …

Apple e Google removem das suas lojas de aplicações um dos jogos mais populares do mundo

As gigantes tecnológicas Apple e Google removeram esta semana das suas lojas de aplicações, a App Store e a Google Play Store, respetivamente, o Fortnite, um dos jogos mais populares de todo o mundo. As …

Encontrado tesouro de artefactos nazis no "Covil do Lobo", o quartel-general ultrassecreto de Hitler

Quando os nazis se prepararam para invadir a União Soviética, em 1941, construíram um quartel-general militar secreto na floresta Masúria, na Polónia, ao qual chamaram "Wolfsschanze" ou "Covil do Lobo". Desde a sua descoberta após a …

Itália vai construir um túnel submarino para unir Sicília ao continente

Itália está a planear construir um túnel para ligar a região insular da Sicília ao continente italiano. O projeto de cinco mil milhões de euros vai ser pago com a parte do Fundo de Recuperação …

Point Roberts tinha um pé nos EUA e outro no Canadá (mas agora não "pertence" a nenhum)

Point Roberts, em Washington, está numa posição única. Localizada na ponta da Península de Tsawwassen, a cidade fica totalmente abaixo do paralelo 49, a linha que separa o Canadá dos Estados Unidos. Agora, a cidade …

Milhares de processadores quebraram um trilião de chaves para resgatar um Zip com bitcoins

Um misterioso homem perdeu o acesso a um ficheiro Zip onde estavam encriptadas as suas chaves privadas de bitcoins. Os 300 mil dólares foram resgatados por dois especialistas em criptografia — e por muitos milhares …

Reino Unido com mais de mil novas infeções pelo quarto dia consecutivo

O Reino Unido registou mais 11 mortos e 1.441 infeções de covid-19 nas últimas 24 horas, anunciou o Ministério da Saúde britânico, que manteve restrições sobre a área metropolitana de Manchester e parte do norte …

Governo não pondera (para já) proibição de fumar ao ar livre

O Governo não está a ponderar, neste momento, proibir fumar ao ar livre como foi decretado em Espanha, mas há “muitos aspetos em aberto” que serão acompanhados, disse esta sexta-feira a ministra da Saúde, Marta …

Lotação do Avante reduzida a um terço. Visitantes terão uma "área superior à que está estabelecida para as praias"

O PCP anunciou que vai limitar a entrada na sua anual Festa do "Avante!" a um terço da capacidade total, em virtude do contexto de pandemia de covid-19. O espaço de 30 hectares das Quinta da …

Governo da Guiné Equatorial demitiu-se em bloco

O Governo da Guiné Equatorial, liderado pelo primeiro-ministro Francisco Pascual Obama Asue, apresentou a sua demissão em bloco. Em declarações aos jornalistas, o ministro da Comunicação e porta-voz do Governo em funções, Eugenio Nze Obiang, explicou …