Governo admite levantar imunidade diplomática de filhos do embaixador do Iraque

O ministro dos Negócios Estrangeiros admite que Portugal pode levantar a imunidade diplomática dos dois filhos do embaixador do Iraque, suspeitos de terem agredido um jovem de 15 anos. Autoridades iraquianas também já estão a par do caso.

Em entrevista ao jornal Público, o ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, admite levantar a imunidade dos filhos do embaixador do Iraque, suspeitos de agredirem um jovem de 15 anos em Ponte de Sor, porque quer “que se faça justiça”.

“Se o levantamento da imunidade destas pessoas for necessário para que seja feita justiça relativamente a este caso gravíssimo, Portugal, através do MNE, diligenciará, junto das autoridades iraquianas, para que essa imunidade seja levantada, porque nós queremos que se faça justiça. Nós todos. Por causa da vítima e por causa da comunidade”, afirmou.

Segundo o governante, a ideia da imunidade diplomática é “proteger os diplomatas e não a permitir abusos seja de quem for”.

As autoridades portuguesas também já estão em “contactos informais” com as autoridades iraquianas, disse Santos Silva ao jornal.

De acordo com a agência Lusa, o MNE do Iraque anunciou que já está a acompanhar o caso da agressão ao jovem de 15 anos.

“O Ministério dos Negócios Estrangeiros segue de perto, com preocupação, o que surgiu na sequência da acusação aos dois filhos do seu embaixador em Portugal. Iniciou uma investigação para conhecer mais detalhes desde incidente e juntar informação veiculada pelos meios de comunicação social”, lê-se numa mensagem publicada no sábado na página oficial daquela entidade.

Na mensagem, o ministério iraquiano “reitera a sua vontade de manter a eficiência das suas missões diplomáticas, a sua boa reputação e solidez das suas relações com todos os estados, incluindo Portugal” e “confirma a colaboração com as autoridades portuguesas e com a equipa da embaixada do Iraque em Lisboa para tomar as medidas necessárias em relação à acusação”.

Questionado pelo Público se sabe do paradeiro dos filhos do embaixador, o governante diz não ter conhecimento.

“Não sei, não sou a autoridade judicial. (…) A imunidade diplomática cobre a liberdade de circulação das pessoas. Portugal não pode determinar qualquer limitação ao raio de circulação do embaixador ou das pessoas das suas relações ou da sua missão que gozem também da imunidade”, explicou.

No entanto, segundo o Correio da Manhã, a Polícia Judiciária perdeu o rasto dos dois suspeitos, que já terão deixado o país.

O jovem de 15 anos chegou ao hospital Santa Maria, em Lisboa, com múltiplas fraturas. Neste momento, está em coma induzido, com um traumatismo craniano e já foi submetido a uma intervenção cirúrgica para reconstrução facial.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Mas Srº Ministro, demora muito, ou vai fazer serão? Bem sei que missiva vai, missiva vem, mas nem o pai vem, nem a gente almoça. E entretanto como presumo, não chamou ainda, o Embaixador do Iraque, creditado em Portugal, Mas mal creditado, diga-se de passagem, Desculpe o desabafo, e a comunicação social, tannnnnnto ao vosso gosto, se repete vezes sem fim, o Zé Português, pensa que todos voçês andam a brincar aos cow-boys, e que não se importam com o desgraçado do moço, que está hospitalizado, e que nem sequer, ainda temos conhecimento se está melhor e a recuperar das mazelas. Será capaz de me informar, seria uma gentileza sua, pois que decerto terá conhecimento.

RESPONDER

"O trabalho liberta." Polícia comunica pichagem nazi no Porto ao Ministério Público

A Polícia Municipal vai comunicar ao Ministério Público (MP) uma pichagem num portão da Avenida do Brasil, no Porto, com a frase nazi "o trabalho liberta". Uma pichagem num portão da Avenida do Brasil, no Porto, …

Um morto e um ferido em tiroteio junto a hospital em Paris. Atirador encontra-se em fuga

Um tiroteio numa rua no bairro 16 da capital francesa causou a morte de um segurança do hospital Henry Dunant e ferimentos muito graves numa utente. Os disparos deram-se em frente ao hospital Henry Dunant, …

Bloco de esquerda quer plano nacional de férias de Verão financiado pelo Governo

O Bloco de Esquerda vai entregar um projeto de lei na Assembleia da República para que o Governo defina um programa de férias de Verão. Catarina Martins, coordenadora do partido, frisa que a maior parte …

Índia ultrapassa Brasil e é o segundo país mais afetado pela covid-19

A Índia é o segundo país mais afetado pela pandemia de covid-19, ultrapassando o Brasil, depois de registar um valor máximo de 168 mil novas contaminações nas últimas 24 horas. O país, com 1,3 mil milhões …

Dois anos depois, mulher de Assange pede que Reino Unido pressione EUA para acusações caírem

A mulher de Julian Assange, Stella Moris, disse que a Grã-Bretanha seria mais forte a fazer campanha contra regimes autoritários se pressionasse o Governo Biden a retirar o seu apelo para o extraditar sob acusações …

Operação Marquês. Ministério Público pede alargamento do prazo previsto na lei para recorrer

Depois da decisão instrutória tomada pelo juiz Ivo Rosa, os procuradores Rosário Teixeira e Vítor Pinto já entregaram um requerimento a pedir 120 dias para o recurso. O alargamento do prazo passaria assim a ser …

Duas mortes e 271 infetados em 24 horas. Rt continua a subir em Portugal

O boletim da DGS desta segunda-feira dá conta de mais 271 novos casos. Registaram-se ainda mais duas mortes por covid-19. Segundo a DGS existem 25.784 casos ativos, menos 176 do que na véspera, e há mais …

Maioria dos pobres em Portugal trabalha (os "três D" da pobreza e 4 perfis que são uma "supresa")

Um quinto da população portuguesa é pobre e a maior parte das pessoas em situação de pobreza trabalha, mantendo vínculos laborais sem termo. As conclusões são de um estudo promovido pela Fundação Francisco Manuel dos …

Guillermo Lasso declara-se vencedor das eleições presidenciais no Equador

Guillermo Lasso declarou-se vencedor da segunda e última volta das eleições presidenciais no Equador, numa altura em que foram contabilizados 96,94% dos votos, que lhe deram uma diferença de 5,04 pontos percentuais sobre o socialista …

Número de nascimentos no primeiro trimestre de 2021 regista valor mais baixo desde 2015

No primeiro trimestre de 2021, nasceram em Portugal cerca de 18.200 bebés, o número mais baixo dos últimos sete anos para igual período. Cerca de 18.200 bebés nasceram em Portugal no primeiro trimestre de 2021, o …