Governo aberto para continuar a negociar com BE e PCP após debate na generalidade

José Sena Goulão / Lusa

O primeiro-ministro, António Costa, acompanhado pela ministra da Agricultura, Maria do Céu Albuquerque, pelo ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues, e pelo secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares, Duarte Cordeiro

O secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares afirmou, esta segunda-feira, que o Governo está disponível para continuar a negociar com o BE e o PCP a proposta de Orçamento mesmo depois da fase de discussão e votação na generalidade.

Duarte Cordeiro assumiu esta posição em conferência de imprensa, no Parlamento, horas depois de a coordenadora do Bloco de Esquerda, Catarina Martins, ter afirmado que, neste momento, com aquilo que se conhece da proposta do Governo, o partido não está em condições de viabilizá-la quando for votada na generalidade, no próximo dia 28.

“O Bloco de Esquerda não parou as negociações, não retira as propostas de cima da mesa e não fecha nenhuma porta. Mas com o que se conhece, não creio que haja condições para viabilizar o Orçamento do Estado”, disse a bloquista em entrevista à Antena 1.

O secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares procurou apresentar em detalhe alguns dos últimos desenvolvimentos no processo negocial com o Bloco de Esquerda desde quarta-feira passada, considerando que se registaram avanços e que se alcançaram compromissos em concreto.

“A ansiedade resulta de hoje ter passado uma mensagem que não corresponde àquilo que é a vontade do Governo. O Governo continua a ter toda a vontade de dialogar com os partidos políticos com quem tem dialogado e continua a mostrar disponibilidade para ouvir, integrar e aproximar-se daquilo que são as suas aproximações”, disse o governante, citado pelo Jornal Económico, quando questionado sobre a conferência de imprensa marcada à última hora.

Mas, no plano político, deixou a entender que seria grave se alguns dos parceiros parlamentares saíssem desse mesmo processo negocial ainda antes da fase de votação do Orçamento na generalidade, o que acontecerá no dia 28 de outubro.

“Não fechamos porta nenhuma, continuamos disponíveis para negociar com os vários partidos como até agora”, reafirmou o secretário de Estado.

Duarte Cordeiro frisou que, tal como aconteceu nos anos anteriores, desde 2016, as negociações do Orçamento com o Bloco de Esquerda, PCP e PEV estenderam-se até à fase de apreciação da proposta do Governo na especialidade.

“Este ano, nesta fase do processo, houve até maiores avanços do que no passado”, sustentou o secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares.

A proposta do OE2021 é entregue, esta tarde, na Assembleia da República. A votação final global do documento está marcada para 26 de novembro.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Mudanças na lei laboral podem prejudicar a retoma, avisa Centeno

É crucial para a retoma que haja "estabilidade e previsibilidade na legislação laboral", de forma a estimular o investimento empresarial e o crescimento económico, afirmou esta quarta-feira o governador do Banco de Portugal (BdP), Mário …

Costa, Von der Leyen na Cimeira Social no Porto

Von der Leyen dá luz verde ao Plano de Recuperação e Resiliência português. E "não é por acaso"

O primeiro-ministro, António Costa, e a presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, anunciaram esta quarta-feira que o Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) foi aprovado por Bruxelas.  A presidente da Comissão Europeia, Ursula von …

Kim Jong-un reconhece que país enfrenta "situação de tensão alimentar"

O líder norte-coreano, Kim Jong-un, reconheceu que o país está a enfrentar uma "situação de tensão alimentar", informaram hoje os meios de comunicação oficiais. O país, cuja economia é alvo de múltiplas sanções internacionais impostas em …

Iniciativa Liberal apoia recandidatura de Rui Moreira à Câmara do Porto

A Iniciativa Liberal vai apoiar a recandidatura de Rui Moreira à Câmara do Porto nas próximas eleições autárquicas, considerando “inquestionável a mudança e o desenvolvimento” da cidade desde que o independente assumiu a presidência do …

Comissária europeia diz que variante Delta “diminui” proteção da vacina

A comissária europeia para a Saúde disse esta terça-feira que estão a surgir provas que demonstram que a variante Delta do coronavírus SARS-CoV-2 “diminui a força do escudo protetor” criado pelas vacinas, instando à aceleração …

DGS diz que demora de conclusões sobre eventos-piloto não é por erro técnico

A Direção-Geral da Saúde (DGS) rejeitou, esta terça-feira, que tenha havido erro técnico no tratamento de dados dos eventos-piloto da Cultura, ocorridos em abril e maio, mas admitiu que o processo está demorado. Numa declaração enviada …

Governo quer fazer alterações na duração de cargos de dirigentes

As mudanças que estão a ser preparadas passam por reduzir a duração dos cargos em substituição e, por outro lado, pelo ajustamento do período das comissões do serviço em função da avaliação. Segundo o Jornal de …

Responsável pelas manifestações em Lisboa é coordenador no Gabinete de Apoio à Presidência da CML

O responsável pelas manifestações na cidade de Lisboa é coordenador técnico no Gabinete de Apoio à Presidência da Câmara liderada por Fernando Medina. De acordo com o semanário Expresso, António Santos tem sido, nos últimos …

Sporting e Braga jogam Supertaça em Aveiro no dia 31 de julho

A Supertaça Cândido Oliveira, que vai ser disputada entre Sporting e Sporting de Braga, vai ser disputada em Aveiro, a 31 de julho, anunciou a Federação Portuguesa de Futebol (FPF). "A decisão da Supertaça Cândido de …

Um quarto da população portuguesa já tem a vacinação completa

Em Portugal, 42% das pessoas já receberam a primeira dose de uma vacina contra a Covid-19 e 25% — cerca de um quarto da população — estão completamente vacinados. De acordo com o mais recente relatório …